Ferida/fissura vaginal | Page 8 | A Nossa Vida
902 entradas / 0 new
Última entrada
Retrato de relusi
Sáb, 03/08/2013 - 13:43
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

Fiz o tratamento para o nic 1 de hpv que constou nos meus exames, notei q um corrimento que eu tinha constantemente cessou, mas apos ficar 1 mes e 3 semanas sem relação sexual, ontem fui fazer e nada mudou, a fissura apareceu no mesmo lugar, do mesmo jeito A médica havia me orientado a voltar depois de 4 meses, pois antes não teria como ver algum avanço do nic1 do hpv, mas vou voltar o quanto antes, como alguma de vcs falaram, não acho que o hpv tenha relação com a fissura, fiz exames logo q a fissura apareceu e nada de hpv, mas a fissura ja estava lá. Também vou comentar da trefodermin, me parece a única solução para a fissura.

Pattip
Como vc utiliza a pomada, só injetando ou também massageia no local da fissura?

Retrato de Fernanda30
Dom, 04/08/2013 - 05:32
Fernanda30:
Membro desde: 06.05.2013

Relusi e Pattip... ja usei essa pomada trefodermin também e de nada me adiantou... não sei se vcs leram a respeito de uma matéria que postei algum tempo atras!
Eu vou ver se passo com a especialidade alergista e obtenho algum resultado, pois estou com esse problema da fissura igual a vocês e ja tem cinco anos, ja fiz diversos tratamentos.. remédios tomei, passei pomadas, banhos de assento e nada adiantou
Se vocês tiverem alguma novidade por favor postem, estarei no aguardo
Beijos... e boa sorte

Retrato de Fernanda30
Dom, 04/08/2013 - 05:44
Fernanda30:
Membro desde: 06.05.2013

Matéria de PAULA SILVA DE ABREU MORAES

Candidíase Vaginal de Repetição

É a doença mais comumente causada pela Candida albicans. Acomete 5 em cada 100 mulheres sadias. Ou seja, mulheres que não tem diabetes, AIDS, doenças na tireóide. E que não usam corticóides e antibióticos de forma crônica. São milhões de mulheres padecendo com uma doença que parece não ter solução.

Os sintomas são coceira na vagina e na vulva, corrimento branco sem cheiro, fissuras na vulva, dor durante a relação sexual ou ardor após a relação sexual. Esta doença costuma afetar as mulheres algum tempo depois que elas iniciam sua vida sexual e traz grande sofrimento aos casais. Não é considerada uma doença sexualmente transmissível, porque a Candida faz parte da flora. Além disso, ela pode afetar também mulheres sem vida sexual ativa.

Na maioria das vezes as mulheres usam diversos cremes vaginais, diversos remédios tomados por boca. Seus parceiros costumam tomar remédios também. É comum o fato de elas passarem por diversos ginecologistas, por acharem que não estão sendo tratadas adequadamente. Muitas também já passaram por outros tratamentos como homeopatia, acupuntura, fitoterapia e mudança na dieta.

Mas o problema está nas mulheres. Muitas delas desenvolvem alergia à Candida albicans, que é um fungo. Um exemplo de fungo são os mofos. Assim como mofo pode dar alergia, Candida também pode. A vagina é um órgão que como a pele, o pulmão e o nariz está sujeita a doenças alérgicas.

A maioria dessas mulheres também é portadora de rinite alérgica e são alérgicas ao ácaro. O ácaro por sua vez pode dar alergia na vagina, o que vai piorar a candidíase.

É necessário que a mulher procure um alergista, que vai submetê-la a uma série de testes alérgicos e pode indicar a imunoterapia, que é um tratamento individualizado, de acordo com a sensibilidade de cada paciente.

A imunoterapia consiste em aplicações semanais do antígeno da Candida albicans e só deve ser feita com acompanhamento de médico que tenha familiaridade com o procedimento, pois pode causar reações. Procure um médico que tenha Título de Especialista em Alergia. Você pode entrar no site da ASBAI ( Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia) e checar.

Leia os trabalhos que falam sobre o tratamento se quiser;

1- Eficácia da Imunoterapia na candidíase vaginal de repetição. Revista Brasileira de Alergia e Imunopatologia 1996. Volume 19, pags 23 a 28.(link)

2-Candida albicans allergen immunotherapy in recurrent vaginal candidiasis. Journal of Investigational Alergol Clin Immunol 2000. Volume 10, pags 305 a 309 (link)

http://www.candidiasealergica.com.br/index.php?option=com_content&task=b...

Retrato de relusi
Dom, 04/08/2013 - 12:46
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

Olá Fernanda,

Vou procurar minha ginecologista o quanto antes para testas essa trofodermim que deu certo para Pattip, não acredito que o hpv esteja provocando a fissura, já q ela só abre na hora da penetração e 3 dias depois ela some. algo está deixando minha pele fraca e candidiase nãos ai da minha cabeça, por que isso só apareceu depois de eu ter candida 2x. Mas já vou marcar uma consulta com especialista em alergia, uma cura há de ter, não é possivel!
Imagino seu sofrimento, estou assim há 1 ano e já estou desesperada.

Retrato de Fernanda30
Dom, 04/08/2013 - 19:19
Fernanda30:
Membro desde: 06.05.2013

É... Relusi espero que pra você dê certo a trofodermim, pois pra mim não resolveu!
Eu ja fiz tudo quanto é tipo de exames e não deu nenhuma alteração e além de fazer o acompanhamento com a ginicologista eu faço com dermatologinta tb e nada de adiantou, agora vou partir para uma consulta com alergista assim q eu conseguir eu mando noticias
Boa sorte

Retrato de relusi
Dom, 04/08/2013 - 20:52
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

Meu problema começou depois que tive candidiase, então essa hipotese de alergia faz muito sentido. Tive candidiase 3x seguidas, fiz os exames deu só cervicite, e a fissura continuou, procurei a ginecologista de novo e deu hpv nic 1, mas fiz o tratamento de quase 2 meses q ela recomedou pr o hpv e a fissura continua aqui. Vou tentar trofodermim, deu certo para a Pattip, vou tentar, tudo vale né. Tomara que vc consiga resolver o esse problema, algo que aprece tão simples mas ninguém sabe o que fazer. Boa sorte!

Retrato de relusi
Qui, 15/08/2013 - 17:09
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

Bom, por hora estou na mesma, marquei ginecologista semana q vem para falar q 2 meses depois do tratamento recomendado pr hpv a fissura não melhorou em nada e pedir a receita do trofodermin, E vcs, como estão?

Retrato de Pati.
Sex, 16/08/2013 - 06:54
Pati.:
Membro desde: 19.06.2013

Nada de melhora.. TÔ tão de saco cheio de gastar dinheiro indo em ginecologista, que estou tendo relação, chorando de dor, mas aguento... Vai fazer 1 ano disso já.. quero essa pomada trofodermin já que funcionou para algumas, então terei que ir na ginecologista novamente..

GENTE, ISSO PRECISA CURAR! Já não aguento mais..

SORTE PARA TODAS NÓS!

Retrato de relusi
Sex, 16/08/2013 - 14:59
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

Estou na mesma situação, já vai fazer um ano também que estou nessa e nada de melhora!
Semana que vem tenho ginecologista e vou falar sobre essa trofodermin, é a minha esperança.
Vc teve candidiase antes disso td começar?
Isso começou depois que tive candidiase 2x seguidas, não tiro da minha cabeça q isso esteja relacionado.
é um inferno, é extremamente frustrante, vc querer fazer e na hora sentir uma dor insuportável e ainda ficar na paranoia de q isso prejudica o relacionamento, isso além de tudo, acaba com o nosso emocional.
Boa sorte!

Retrato de Pati.
Sáb, 17/08/2013 - 17:04
Pati.:
Membro desde: 19.06.2013

Então, eu tenho 21 anos anos, e somente no final do ano passado, comecei a ter relação sempre com o meu namorado, e ai sangrava e doía..e sem saber o que era!
antes dele, eu tive 2 namorados e nunca conseguia fazer relação por conta da dor tbm...eu NUNCA tive candidiase, acredita?? eu sempre sofri na hora da relação, mas agora que namoro há 2 anos praticamente, que começou minha atividade sexual, eu tô com esse problema pior ainda.. e minha ginecologista só me diz assim "vc é muuuuuuuuuuito apertada" ai penso que nunca vou ficar livre disso !!! Sad mas eu sei que fissura muitas vezes é sim por candidiase, bem possivel do seu caso ser essse..mas o meu infelizmente não é..

e afeta muito no emocional mesmo! Sad

boa sorte pra nós!

Retrato de relusi
Dom, 18/08/2013 - 18:18
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

Acho que tirando a candidiase nossa historia é mais parecido do que eu pensava. Eu tenho 22 anos, tive um namorado com que passei 4 anos e só depois de 3 anos de namoro consegui ter relações, doia muito e eu não aguentava, até que um dia eu consegui e passei a ter relações, senti sim um incomodo que nunca achei normal, fui em uns 3 ginecologistas diferentes falando isso e eles falava exatamente o que falaram pr vc " vc deve ser aparteda, vc tem que relaxar, usa lubrificante", sendo q sempre fiz com lubrificante, sem é impossivel, mesmo eu tendo sim lubrificação natural preciso de muito mais pr suportar a dor. Esse meu relacionamento acabou e no meio do ano passado comecei outro relacionamento, quando fui ter relações, o mesmo drama de novo, o que prova que o problema não é grossura do penis de ninguem,mas até ai eu sentia uma dorzinha, um incomodo, até conseguir ter relaçoes 2x seguidas.
Só que em outubro de 2012 tive candidiase pela primeira vez, e 2 semana depois apareceu de novo e em março tive de novo (agora finalmente parou), mas desde q tiver a candidiase pela primeira vez, não sinto mais uma dorzinha, um tipo de incomodo, eu sinto uma dor msm e abre essa fissura se cerca de 1cm na entrada da vagina, especificamente no perineo, na parte de baixo da vagina, todo vez ela abre na hora da penetração e doi muito,em 72h ela cicatriza, mas depois é só ter ralações que na hora da penetração ela abre. é como se minha pele não esticasse o suficiente e rasgasse. E o que antes era um incomodo, que eu ate podia aceitar que era pq eu devia ser apertada ou meu companheiro mais grosso passou a ser uma fissura e isso não é normal!
Fiz os exames ginecologicos 2 vezes, logo quando tive candidiase 2x e não deu nada, e a fissura já existia. Como ela não sumiu, depois fiz novamente 6 meses depois e deu hpv nic 1 com uma inflamação no utero aia medica falou q a fissura era do hpv o q nãof az sentido, se 6 meses antes a fissura já existia e não tinha hpv manifesto em mim nos exames. Fiz o tratamento pr hpv, um corrimento q eue stava tendoc essou mas a fissura não. Temo outra consulta essa semana pr falar da fissura e falar do trofodermim, querot entar usar.
é impossível que seja pq somos apertada ou algo assim, uma vagina é feita para suportar um parto, e somos tantas, como nenhum médico conhece esse problema?
E isso é horrivel, sempre choro quando penso nisso, já chorei várias v ezes na hora de ter relações não pela dor mas pelo desespero disso não passar, graças a deus meu namorado tems e mostrado muito compreensivo com isso.

boa sorte!

Retrato de Pati.
Seg, 19/08/2013 - 16:27
Pati.:
Membro desde: 19.06.2013

Realmente nosso caso é parecido, tirando a candidiase..
Eu também chego a chorar.. no caso da minha fissura, ela não cicatriza tão rápido, a minha faz tipo um "buraquinho" até minha pele ali se recompor totalmente, leva quase 1 semana.. Fechar, fecha antes..mas fica tipo uma pelinha nova nascendo, pra fechar totalmente... e quando vou ter relação com ela totalmente cicatrizada, a dor é mil vezes pior! ai choro demais, vejo sangue na cama, no meu namorado..entro em desespero! E penso igual vc, apertada como? se podemos ter um filho?? ela se alarga ué! Não entendo isso... é frustrante! Algum médico tem que saber resolver..tomara que essa trofodermim funcione para nós!

Boa sorte!

Retrato de Pati.
Seg, 19/08/2013 - 16:27
Pati.:
Membro desde: 19.06.2013

Realmente nosso caso é parecido, tirando a candidiase..
Eu também chego a chorar.. no caso da minha fissura, ela não cicatriza tão rápido, a minha faz tipo um "buraquinho" até minha pele ali se recompor totalmente, leva quase 1 semana.. Fechar, fecha antes..mas fica tipo uma pelinha nova nascendo, pra fechar totalmente... e quando vou ter relação com ela totalmente cicatrizada, a dor é mil vezes pior! ai choro demais, vejo sangue na cama, no meu namorado..entro em desespero! E penso igual vc, apertada como? se podemos ter um filho?? ela se alarga ué! Não entendo isso... é frustrante! Algum médico tem que saber resolver..tomara que essa trofodermim funcione para nós!

Boa sorte!

Retrato de relusi
Seg, 19/08/2013 - 22:21
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

A dor é horrível! A sua deve abrir um pouco mais funda, a minha não sai tanto sangue assim, geralmente depois de ter relações vou ao banheiro pr ver o estado da fissura e só sai um pouquinho de sangue no papel higienico e em 3 dias ela costuma fechar e a cada nova tentativa a dor é pior.
O que é mais doloroso é fazer na certeza da dor, acho q com isso nosso corpo e nossa mente só ficam mais degradados com a situação.
Isso simplesmente não pode ser normal e se somos tantas alguém já deve ter ouvido falar disso, não podemos desistir!

Retrato de relusi
Ter, 27/08/2013 - 18:03
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

Fui na ginecologista e dessa vez ela disse que tenho Vaginismo.

Retrato de Pati.
Qua, 28/08/2013 - 05:09
Pati.:
Membro desde: 19.06.2013

vaginismo???? como assim? o que ela te falou? como vai ser seu tratamento??

Retrato de relusi
Qua, 28/08/2013 - 18:06
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

Segundo a Gine, todos os meus exames estão normais já usei diversas pomadas e mesmo assim a fissura não para de aparecer a cada penetração.
Ela me passou um nova pomada, candicort, pr usar por 15 dias massageando o local. Caso nada melhore, ela já fez pedidos de vários exames ginecológicos para eu fazer tudo de novo. Ela disse q se não der nada nos exames, ela acredita que seja um vaginismo leve. Porque ela falou que ela me examina com o espéculo normalmente, abre o espéculo e a fissura não aparece, mas q eu fico tensa e contraindo os músculos na hora do exames, ela acredita que eu fico tensa e contraio os músculos do períneo e com isso a penetração fica difícil e forçando há o rompimento da pele.
Bom, estou usando a pomada e processando a ideia sobre vaginismo, pode ser, pode não ser, já que desde o começo da minha vida sexual tive muito dificuldade pr perder a virgindade, vamos ver né.

Retrato de Pati.
Qui, 29/08/2013 - 01:03
Pati.:
Membro desde: 19.06.2013

Ai, eu tenho essa pomada em casa! Bom, pode ser mesmo.. Depois do tratamento, vai dando notícias aqui, já que nosso caso é bem parecido!!

Boa sorte!!

Retrato de relusi
Qui, 29/08/2013 - 02:51
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

Ai Pati, tomara que de certo, já estou apelando para tudo.
Essa pomada não deu em nada pr vc?
A sua ginecologista já falou de vaginismo pr vc?

Retrato de Pati.
Qui, 29/08/2013 - 18:16
Pati.:
Membro desde: 19.06.2013

Então, eu usei essa pomada em uma das minhas tatuagens, pq ela tava com um pouco de alergia, na ferida nunca usei não! Mas se funcionar pra vc me avisa que ai eu uso tbm! hehehe
minha ginecologista nunca falou de vaginismo não, só fica falando que sou muito apertada e meu namorado deve ser muito grosso, e ai brinco que eu tinha que achar um mais fino, desde então nem voltei nela, achei desrespeito de brincadeira e não achei ela eficiente.. vou marcar uma outra que me recomendaram e volto aqui pra falarr!

boa sorte!!

Retrato de relusi
Qui, 29/08/2013 - 19:50
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

é, chato mesmo ela falar isso em tom de brincadeira sendo que para nós é algo tão sério. A minha ginecologista perguntou com delicadeza se eu acreditava que o pênis do meu namorado era mais grosso, algo realmente fora do habitual. Vamos vez né, tomara que dê tudo certo.

Retrato de Kelly5
Ter, 03/09/2013 - 21:50
Kelly5:
Membro desde: 03.09.2013

Olá a todas,

Já tenho o mesmo problema a algum tempo, também nada de soluções Sad

Gostaria de saber se ja alguém encontrou alguma solução definitiva pois tambem todas as pumadas que usei só cicatrizam superficialmente.

Também já estou a desesperar como algumas de voces Sad

Squirrel , li alguns dos teus comentarios (ainda nao tive oportunidade de ler todos) E identifico me completamente com o teu problema . Já encontras te alguma solução ?

Agradeço qualquer opinião meninas
E as melhoras de todas Smile

Retrato de Fernanda30
Qua, 04/09/2013 - 05:49
Fernanda30:
Membro desde: 06.05.2013

É meninas não sei nem o que dizer! Estou nessa luta ah quase 5 anos e até agora nada resolvido Sad
Passei em mais de 10 médicos diferentes ja passei com dermatologista,
passei com médico cirurgião e nenhum teve alguma explicação concreta
Todos os exames q possam imaginas ja fiz e nenhum teve alteração no resultado
Semana passada passei novamente com minha Go e ela me transferiu novamente pra cirurgia e disse q não poderia fazer nada por mim e se um dia eu descobrir é pra voltar e falar pra ela o que fiz para melhorar
Na cirurgia eu não tenho esperanças pois os relatos q ja li a respeito a situação desde melhorar acabou piorando, nesse momento nem sei que palavras usar para dar forças para vcs pois estou muito desanimada
Só desejo sorte a todas e se alguma de vcs tiverem novidades por favor compartilhem

BOA SORTE

Retrato de Ecs_brasil
Sex, 06/09/2013 - 13:29
Ecs_brasil:
Membro desde: 06.09.2013

Eu sou brasielira, tenho 31 anos. Sempre procurei sobre assunto na internet, mas nunca havia encontrei nada. Tenho essas fissuras faz uns 4 anos. Realmente é para acabar com qualquer relacionamento. Fiz todo tipo de tratamento, inclusive, na minha opinião não tem nada a ver com candidíase. Já fiz tratamento para candidíase e cheguei a ficar com 45kg. E de nada adiantou. Minha ginecologista me receitou um creme de cera de abelha de receita indiana para mulheres na menopausa. Posso dizer que o meu caso melhorou 90%. Sempre que eu tinha relação sexual eu tinha os cortes. Agora, poucas vezes eu tenho. Eu passo bepantol também. Mas tem que ter persistência. Para conseguir ver algum resultado eu fiquei 6 meses passando a pomada indiana a noite e bepantol durante o dia. Faz uns 2 anos que eu faço isso. Posso passar a receita do creme indiano se vocês quiserem. Mas lembrem-se, eu esperei 6 meses para começar a ver resultado.

Retrato de relusi
Sex, 06/09/2013 - 16:55
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

Eu to na mesma, como disse, agora minha médica quer tentar um tratamento para vaginismo, porque falou que quando me examina sente que eu contraio os músculos.

Ecs_brasil, vc pode passar a receita desse creme de cera de abelha, por favor, mesmo que sendo um tratamento longo, parece uma solução. Você usa ele antes de dormir? como passa? e o bepantol somente de dia? quantas vezes? Obrigada!

Não sei mais o que pensar, se foi a candidiase que me deixou assim, se é o hpv, se é vaginismo, não vejo explicação. Tenho parceiro fixo, mantenho um boa higiene e estou assim, é pr surtar msm!

Força menina!

Retrato de Ecs_brasil
Sex, 06/09/2013 - 19:41
Ecs_brasil:
Membro desde: 06.09.2013

Segue a receita:
20g de cera de abelha
30ml de óleo de germe de trigo
10ml de óleo de abacate
10ml de óleo de jojoba
0,25ml de óleo essencial de salvia
1,25ml de óleo essencial de gerânio
100g de creme

Tem que passar todas as noites. A minha ginecologista disse que era para passar só a noite pois a cera de abelha pode provocar irritação e disse para eu nao passar mais nenh tipo de creme... Eu de metida comecei a passar o bepantol durante o dia também pq nao botei muita fé só na pomada. Realmente funcionou, mas como eu disse, uns 90% e só depois de 6 meses de muita paciência...
Espero ajudar...

Retrato de Pati.
Sáb, 07/09/2013 - 03:26
Pati.:
Membro desde: 19.06.2013

Essa receita faz em fármacia de manipulação??? Ai gente, eu vou fazer!! Vai que nos ajude também!

Boa sorte meninas!

Retrato de lindadivi
Sáb, 07/09/2013 - 11:33
lindadivi:
Membro desde: 05.11.2012

Sofri quase 5 anos com esse problema da fissura, já estava totalmente desanimada, chorando em cada relação, pensando em terminar meu relacionamento, até que no início desse ano apareceu uma luz no fim do túnel.

Eu fui numa ginecologista, depois de ter passado por várias, ter feito cirurgia já, e essa me receitou passar duas pomadas, uma por dia, com o dedo e apertando o local, massageando de modo que machucasse. Estou fazendo isso todos os dias por volta de 5 meses já e graças a Deus está melhorando. Não resolveu ainda, mas a fissura já não abre mais, apenas fica irritado o local e já não sinto dores na penetração, às vezes dói depois da relação, quando faço xixi, mas em vista do que era, estou até rindo agora...rs

Tipo, fiquei uma semana sem passar essas pomadas e a fissura voltou, então n posso parar ainda, tenho que passar e machucar o local todo dia. No início eu sentia muita dor ao passar, pedia meu namorado p passar p mim, pq ele n tinha dó, e doía muito. Mas com o tempo vai melhorando e doendo menos. É como se vc tivesse uma penetração todo dia com o dedo... e com o tempo vai calejando...

Mas estou feliz, estou vendo que tá dando certo, de modo muito lento, mas está...

as pomadas são ovestrion e cicatrizil. Um dia uso uma a noite e no outro dia a outra.

Retrato de Kelly5
Sáb, 07/09/2013 - 14:32
Kelly5:
Membro desde: 03.09.2013

Eu tambem estava desesperada , tinha dores horriveis e todos os medicos me diziam que nao era nada e receitavam pomadas que nao ajudavam.

Ate que fui a uma ginecologista que me receitou colpotrophine , agora estou melhor , nao cura nem cicatriza completamente a ferida continua sempre la , mas ja quase nao doi . Comparado ao que estava antes agora estou muito melhor Smile

Tambem estou a pensar começar a usar betadine , mas tenho medo que piore Confused

As melhoras de todas

Retrato de relusi
Dom, 08/09/2013 - 03:29
relusi:
Membro desde: 09.06.2013

Eu nem estou acreditando e confiando q isso realmente seja um melhora para sempre, mas a fissura pela primeira vez em 1 ano não abriu!!!
Tem 15 dias que estou passando a pomada candicort todas as noites massageando td a parte inferior da entrada da vagina com o dedo, dando uns empurrõeszinho de leve, sentindo dar um esticadinha ( na verdade misturei o que a médica orientou que era passar a pomada no local da fissura com essa massagem que vi na internet que é um doa exercícios para quem tem vaginismo), nãos ei o que aconteceu, só sei que hoje tive relações e, apensar de sentir sim que o local está sensível, a fissura não abriu!! Deus queria que eu esteja no caminho certo para o fim dessa tortura, tomara!!!
Boa sorte a todas nós!