discussoes devido as tarefas domesticas. | Page 2 | A Nossa Vida
53 entradas / 0 new
Última entrada
Retrato de Kika22
Seg, 06/06/2011 - 22:48
Kika22:
Membro desde: 17.05.2011

lool a conversa agora já tomou outro rumo. ai que caraças, mas és assim tão malandro que preferes pagar a ter que fazer alguma coisa?? Mas já agora se a tua mulher não quiser, e se pagares muito bem, não te preocupes que eu vou aí e lavo a loiça por 200 euros ainda a limpo e meto no sítio ahahah

"Music doesn't lie. If there is something to be changed in this world, then it can only happen through music" Jimi Hendrix

Retrato de _Marta_
Seg, 06/06/2011 - 22:51
_Marta_:
Membro desde: 08.12.2008
damien wrote:

No meu quarto arrumo dentro das gavetas lol. mas a minha mae faz a cama aspira e limpa o pó. tenho algumas tarefas como cortar a relva, arbustos e quando faz falta trabalho com o meu pai nas obras em tempo de ferias ou fins de semana. agora tarefas domesticas realmente nao faço. quanto achas que seria a quantia justa?

Eu pensava que, para pagar a mulheres, há locais específicos e próprios para isso!! Grin
Desculpem, mas não resisti! Wink

Retrato de Catarina Neves
Seg, 06/06/2011 - 22:51
Catarina Neves:
Membro desde: 06.05.2008
damien wrote:

No meu quarto arrumo dentro das gavetas lol. mas a minha mae faz a cama aspira e limpa o pó. tenho algumas tarefas como cortar a relva, arbustos e quando faz falta trabalho com o meu pai nas obras em tempo de ferias ou fins de semana. agora tarefas domesticas realmente nao faço. quanto achas que seria a quantia justa?

lloolooll

Olha... vai percebendo que, se te juntares com alguém, as tarefas não são apenas para um Wink (isto, se não levares a tua mãe contigo).

Aprende a fazer de tudo um pouco. Nunca sabes quando podes precisar!

Retrato de Edy
Seg, 06/06/2011 - 22:51
Edy:
Membro desde: 09.02.2008

Se estiverem só os 2 em casa a jantar, é normal serem os 2 a arrumar e limpar o que sujaram.
Se for um jantar em família e a tua mãe fizer questão de arrumar, então que arrume. De qualquer forma, fica sempre bem oferecer ajuda.

Retrato de Catarina Neves
Seg, 06/06/2011 - 22:52
Catarina Neves:
Membro desde: 06.05.2008
_Marta_ wrote:
damien wrote:

No meu quarto arrumo dentro das gavetas lol. mas a minha mae faz a cama aspira e limpa o pó. tenho algumas tarefas como cortar a relva, arbustos e quando faz falta trabalho com o meu pai nas obras em tempo de ferias ou fins de semana. agora tarefas domesticas realmente nao faço. quanto achas que seria a quantia justa?

Eu pensava que, para pagar a mulheres, há locais específicos e próprios para isso!! Grin
Desculpem, mas não resisti! ;)

Rolling Rolling Rolling Rolling Rolling Rolling Rolling

Retrato de damien
Seg, 06/06/2011 - 22:54
damien:
Membro desde: 06.06.2011
Syll wrote:
damien wrote:

eu entendo que a maioria das mulheres queiram que os homens façam tarefas domesticas mas o facto de nao estarmos habituados a faze lo e nos "obrigarem" a faze-lo passa a ser um ponto negativo de ter uma relaçao. Eu e a minha namorada ja conversamos sobre divisoes para o futuro e fiquei por exemplo com as compras pra casa, a lavagem dos carros e tratar da parte mecanica, pagar as contas. em relaçao a tarefas propriamente ditas ficou combinado que eu tinha de comprar uma maquina de lavar a loiça e meter a loiça na maquina e por a mesa. Ja chegamos tambem a combinar um valor para eu lhe pagar mensalmente. O que acham do marido pagar por exemplo 200 euros por mês á mulher por ela cozinhar e limpar a casa? pode parecer muito machista mas imaginem uma situaçao em que o marido ganha bastante mais que a mulher ( e a mulher gosta muito de euros ;))

Hahahaha que piada incrível!!!

Mas desde quando é que a bolsa de uma casa não é comum?! Os 200€ já são dela! Se quiserem, concordem em contratar alguém, agora um pagar ao outro dinheiro comum para servir de empregado... Lol, vocês já estão condenados à partida pah!

em relaçao ao dinheiro comum posso dizer que nasci no seio de uma familia em que o dinheiro é comum ao meus pais de igual forma mesmo a minha mae sendo domestica. no entanto isso nao se verifica em muitas familias. Muitas mulheres querem partilhar o dinheiro mas depois ha chatices pois ele quer uma mota e ela quer sapatos. e eu ja combinei com a minha namorada que cada uma tem de dar uma quantia para casa e o que sobrar do nosso ordenado cada um faz o que entender. acho que isso permite dar mais liberdade ao casal sem por isso dizer que o dinheiro de um nao posso servir para dar prendas ou pagar um jantar ao outro.

Retrato de Edy
Seg, 06/06/2011 - 22:56
Edy:
Membro desde: 09.02.2008
damien wrote:

eu entendo que a maioria das mulheres queiram que os homens façam tarefas domesticas mas o facto de nao estarmos habituados a faze lo e nos "obrigarem" a faze-lo passa a ser um ponto negativo de ter uma relaçao. Eu e a minha namorada ja conversamos sobre divisoes para o futuro e fiquei por exemplo com as compras pra casa, a lavagem dos carros e tratar da parte mecanica, pagar as contas. em relaçao a tarefas propriamente ditas ficou combinado que eu tinha de comprar uma maquina de lavar a loiça e meter a loiça na maquina e por a mesa. Ja chegamos tambem a combinar um valor para eu lhe pagar mensalmente. O que acham do marido pagar por exemplo 200 euros por mês á mulher por ela cozinhar e limpar a casa? pode parecer muito machista mas imaginem uma situaçao em que o marido ganha bastante mais que a mulher ( e a mulher gosta muito de euros ;))

não tinha visto os últimos posts quando fiz o último comentário, e confesso que estou PARVA!

Retrato de NANCE
Seg, 06/06/2011 - 22:59
NANCE:
Membro desde: 16.03.2011

Putos Rollingeyes Rolling

Retrato de damien
Seg, 06/06/2011 - 23:08
damien:
Membro desde: 06.06.2011

é dificil uma pessoa se exprimir atraves de meia duzia de letras. mas o que acho é que as mulheres acabam por querer um homem modelo, um homem tipo. todos temos somos diferentes... eu nunca precisei de fazer as tarefas domesticas. mas nao quer dizer que seja mau namorado. eu estou com a minha namorada 6 dias por semana, nao tenho segredos para ela, dou lhe mimos todos os dias. ela ama me muito. Sera que preciso lavar a loiça para me dar bem com ela? é que ja pensei em 2015 para casar devido a estar neste momento a terminar um curso superior e assim da me logo vontade de adiar. se acham piada riam se a vontade mas certamente muitas de voces ja discutiram com os seus maridos e namorados e nunca se perguntaram porque. nao poderia haver outra divisao de tarefas em que o marido vai as compras, trata das contas relva e coisas que o fazem sentir bem? nao me levem a mal mas como se sentiriam num obra com as maos gretadas a puxarem tijolos? é que eu se fizer uma tarefa domestica sinto que perco masculinidade.

Retrato de _Marta_
Seg, 06/06/2011 - 23:17
_Marta_:
Membro desde: 08.12.2008

damien wrote: é dificil uma pessoa se exprimir atraves de meia duzia de letras. mas o que acho é que as mulheres acabam por querer um homem modelo, um homem tipo. todos temos somos diferentes... eu nunca precisei de fazer as tarefas domesticas. mas nao quer dizer que seja mau namorado. eu estou com a minha namorada 6 dias por semana, nao tenho segredos para ela, dou lhe mimos todos os dias. ela ama me muito. Sera que preciso lavar a loiça para me dar bem com ela? é que ja pensei em 2015 para casar devido a estar neste momento a terminar um curso superior e assim da me logo vontade de adiar. se acham piada riam se a vontade mas certamente muitas de voces ja discutiram com os seus maridos e namorados e nunca se perguntaram porque. nao poderia haver outra divisao de tarefas em que o marido vai as compras, trata das contas relva e coisas que o fazem sentir bem? nao me levem a mal mas como se sentiriam num obra com as maos gretadas a puxarem tijolos? é que eu se fizer uma tarefa domestica sinto que perco masculinidade.

Eu acho é que devias perder 5 minutos a rever o teu conceito de masculinidade. Só assim naquela.
Ah, e se estás a pensar casar em 2015, revê lá os 200 euros. É que com a inflacção, o IVA, a Troika e por aí fora, é melhor pensares em subir a parada. Ou isso ou perder a masculinidade a lavar a loiça, ou de piaçaba na mão e de pano na cabeça.
Se podia haver outra divisão de tarefas? Podia. Mas não era a mesma coisa!