Situações de rejeição - ? Preciso de ajuda | A Nossa Vida

Situações de rejeição - ? Preciso de ajuda

Retrato de NMorgado
07.06.2021 | 17:08
NMorgado:
Membro desde: 07.06.2021

Boa tarde a todos/as,

Sou novo aqui no fórum e gostava de deixar aqui um post um bocado longo sobre algumas situações que se passaram comigo num passado relativamente recente que me parecem ser de rejeição (?), mas que não consigo entender o porquê de isto acontecer comigo com esta frequência, nem consigo entender a lógica da dinâmica dos acontecimentos (nem mesmo a minha psicóloga, com quem eu partilho estas situações, consegue encontrar uma explicação lógica que ajude a compreender este tipo de atitudes por parte das raparigas). Tenho 29 anos, não me considero feio, mas também não sou propriamente um Brad Pitt. Tenho olhos verdes e as raparigas parecem gostar disso, visto que é um atributo que elogiam com alguma frequência. Também não me considero propriamente burro, tenho um mestrado tirado na FEUC , tenho certificado C1 em inglês pela Cambridge, gosto de boas conversas, interesso-me pelo que se passa no mundo em várias áreas, apesar de ser introvertido e estou solteiro desde meados de 2016, altura em que a minha namorada terminou comigo uma relação de cerca de 4 anos. Este post vem falar sobre algumas situações um bocado estranhas que se passaram entre mim e algumas raparigas e gostava de receber algum feedback para saber o que correu mal (tudo isto se passou antes da pandemia).

1.Falei com rapariga no Tinder. A conversa fluiu bem e depois começámos a falar pelo Messenger durante uns dias. Combinámos um café. No dia do café mandei mensagem de manhã a confirmar o nosso encontro. Ela pediu desculpa e disse que tinha conhecido outra pessoa e o café ficou sem efeito. Perguntei-lhe como é que era possível ter conhecido assim uma pessoa da noite para o dia e como é que era possível ela desmarcar isto assim, com esta frieza. Ela disse que não tinha nenhum compromisso comigo e que não me tinha de dar justificações de nada em relação à vida dela. Depois disso bloqueou-me. Nota: A rapariga não era nada de especial fisicamente, se é, pelos vistos, a única coisa que conta nos dias de hoje…

2.Conheci uma rapariga no tinder. Começámos a falar e a conversa fluiu bem. Trocámos Facebook para falarmos (ela pediu-me em amizade) e ela até disse: “Vou jantar. Depois falamos pelo Messenger se quiseres” e mandou um smile. Disse-lhe olá no Messenger e passaram-se 1,2,3 horas e ela não respondeu e tinha visto as mensagens e até fez um like na minha foto de perfil. Perguntei: "então, ainda a jantar ahaha?" e não tive resposta. Voltei a mandar-lhe mensagem no Tinder a perguntar se alguma coisa tinha passado. Ela não respondeu. Fiz o mesmo no Messenger ela também nunca respondeu até hoje. Não entendo o que se passou. Não me bloqueou ou retirou a amizade no FB.

3. Fui convidado para um jantar convívio de faculdade com alunos de licenciatura de vários anos (na altura estava no 2º ano de mestrado). Sentei-me numa mesa ao pé de um colega e na mesa imediatamente à minha frente estava uma rapariga que estava sempre a olhar para mim (não foi imaginação minha, eu sei quando isto acontece) e trocámos olhares durante um tempo. Perguntei ao meu colega se deveria ir lá falar com ela e ele disse que sim. Fui e tivemos uma conversa perfeitamente normal, ela parecia estar a gostar, e falámos um bocado do curso e depois eu expliquei-lhe qual o tema da minha tese e ela parecia bastante interessada, tal como a amiga dela que estava mesmo ao lado. Passados uns 10 mins de conversa volto para a minha mesa e só voltei lá no final do jantar. O tom dela estava completamente diferente. Dava respostas curtas, parecia que não queria falar comigo, etc. Achei aquilo muito estranho, mas decidi não insistir. No final do convívio tentei encontrá-la para perceber se alguma coisa tinha passado mas não a vi. Encontrei a amiga e perguntei o que é que se tinha passado para a rapariga ter ficado tão diferente de repente (a própria amiga também estava diferente) e ela respondeu-me que a miúda tinha namorado...E eu respondi "ok, e então? só por ter namorado não posso falar com ela?". A amiga ignorou-me literalmente e foi-se embora. Quando cheguei a casa consegui encontrar o Facebook dela e pedi-a em amizade. Passado 15 mins estava bloqueado LOL. Achei tudo aquilo muito estranho, visto que não fui desrespeitoso, rude, etc. Após umas semanas encontrei a rapariga na faculdade e tentei ir falar com ela. Fui completamente ignorado (falta de respeito) e a amiga basicamente mandou-me ir à m****. Por uma questão de orgulho, não insisti mais e fui embora. Não faço a menor ideia do que se passou aqui e ninguém me consegue explicar o que é que eu fiz de errado (se é que fiz alguma coisa de errado).

4. Fui convidado para ir a um convívio de medicina e estava lá com esse pessoal, mas em paralelo também estava a haver um jantar de estudantes de Direito. Uma rapariga vem falar comigo e começa a elogiar-me, a dizer que eu tinha olhos bonitos, etc e eu achei piada e conversámos um bocado. Depois ela voltou para as amigas mas cerca de 5 mins depois volta e pergunta-me o nome. Eu respondo, pergunto também o nome dela e ela pergunta-me se eu não queria ir para outro sítio dançar. Eu pensei: why not? A rapariga até era engraçada. Dançámos, beijámo-nos e no final eu até já estaria provavelmente demasiado ko. Acabámos por ir para casa dela, mas não aconteceu nada mais de especial do que beijos porque eu já estava bastante bêbado e adormecemos. No dia seguinte eu peço-lhe o Facebook e convido-a para irmos tomar um café porque eu até fiquei com alguma curiosidade em conhecê-la melhor. Ela manda-me o perfil dela mas eu achei aquele perfil um bocado estranho (mais à frente explico melhor). Falámos por messenger durante alguns dias mas ela demorava sempre imensas horas a responder e esquivava-se sempre ao café, até que acabou por dizer que tinha saído de uma relação há pouco tempo e que não queria nada sério com ninguém. Um certo dia era para lhe mandar mensagem e reparo que o perfil dela tinha sido apagado...Umas semanas mais tarde, por mero acaso, descubro o perfil VERDADEIRO dela e as coisas começaram a fazer algum sentido porque eu lembrei-me que ela me tinha dito que ia fazer de caloira infiltrada (ela estava no 2º ano de direito) e daí a criação de um perfil falso. Adiciono-a e pergunto-lhe porque é que ela me tinha feito aquilo, porque é que me tinha tratado daquela maneira. Não vou transcrever a mensagem que ela me enviou porque é de alguém com um perfil extremamente frio, sem qualquer compaixão pelos outros. Basicamente a dizer que não me conhecia de lado nenhum, nem queria conhecer e outras coisas bastante mais fortes que magoariam qualquer rapaz/homem com um mínimo de sentimentos. Aquilo bateu-me forte no momento...Depois bloqueou-me (já estava à espera).

Depois de todas estas situações já começo a perder um bocado a fé (e até a vontade) em tentar a minha sorte com raparigas. Uma pessoa vai ficando cada vez mais e mais quebrada e sem confiança após tantas situações estranhas, onde a lógica não consegue explicar bem o porquê de estas raparigas terem este tipo de atitudes. Eu podia dar mais exemplos, mas ficaria aqui o dia todo a escrever e apenas mencionei as mais recentes. Obrigado


Post