Sinto me uma ingrata | A Nossa Vida

Sinto me uma ingrata

Retrato de MariaLisboa01
08.09.2019 | 13:11
MariaLisboa01:
Membro desde: 08.09.2019

Olá bom dia,
Tenho um marido que é muito presente e que me trata bem a mim e aos meus filhos.
Todos dizem que tenho um marido impecável.
Ás vezes é tão presente e prestativo que me sufoca.
Sinto me uma ingrata pois sei que não vai haver ninguém que me vai tratar tão bem e amar.
Mas eu sinto um vazio, falta de sentimento...
Gostava de retribuir o sentimento que tem comigo, mas não consigo. Fico triste...
Obrigada.


Retrato de Tony Chopper
Dom, 08/09/2019 - 16:13
Tony Chopper:
Membro desde: 28.08.2017

*Às vezes

Retrato de gatita5
Seg, 09/09/2019 - 15:06
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

tem sorte, se gosta dele faça o esforço.

Retrato de MOPA
Sex, 13/09/2019 - 17:22
MOPA:
Membro desde: 23.06.2015

Olá!
Apesar do marido ser amigo e prestativo, ama o marido? se sim óptimo. É uma questão de apimentarem um pouco a relação. Uma tarde num sitio diferente, tipo motel, uns brinquedos, um fim de semana sem os filhos…
Se não amas, então por mais amigo e prestativo que seja vais sentir-te sempre infeliz. Depois das duas uma, ou continuas junto dele infeliz porque tens um "marido impecável" e é um excelente pai, ou então cada um segue vidas separadas. Simples.
Tudo a correr bem.

Retrato de Ricardo_A
Seg, 16/09/2019 - 09:17
Ricardo_A:
Membro desde: 29.12.2014

O meu enorme lol sempre que vejo posts que só confirmam a minha opinião sobre a sociedade hoje em dia.

Mulheres não gostam/querem homens bonzinhos. Os cornos estão muito perto de acontecerem.

Já agora, apagaram o post da Felipa? Lol...

Retrato de gatita5
Ter, 17/09/2019 - 03:17
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Ricardo a, que mentalidade retrógrada , eu gosto de homens bonzinhos, tímidos, fofinhos, o problema? são escassos, espécime em extinção, muitos fazem-se de bonzinhos para se aproveitar, afinal de contas são uns predadores camuflados.
Deves mesmo ter um trauma, a boa notícia é que com terapia isso vai lá 😉

Questiono o mesmo , porque apagaram o post da felipa?

Retrato de Ricardo_A
Retrato de gatita5
Ter, 17/09/2019 - 12:55
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Maria de forma serena diz-lhe que precisas de ter tempo para ti. Algumas horas por semana, etc. ele vai compreender, agora, se não gostas dele o melhor é acabar

Retrato de gatita5
Ter, 17/09/2019 - 12:58
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Ricardo a , ser bonzinho é diferente de ser submisso.

Retrato de Ricardo_A
Qua, 18/09/2019 - 14:49
Ricardo_A:
Membro desde: 29.12.2014

Não fales da tua vida sexual aqui, é feio.

Retrato de gatita5
Qua, 18/09/2019 - 15:46
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013
Retrato de Tony Chopper
Qua, 18/09/2019 - 18:46
Tony Chopper:
Membro desde: 28.08.2017

@Ricardo, interpretas algum papel ou tens mesmo um atraso?

Retrato de Ricardo_A
Qui, 19/09/2019 - 09:10
Ricardo_A:
Membro desde: 29.12.2014

gatita5, tu pensas mesmo que os teus conselhos são bons, não pensas?

"tem sorte, se gosta dele faça o esforço."

Qual esforço gatita5? Não se pode negociar desejo sexual, ou tu sentes pela pessoa com quem estás, ou não sentes, e se o tesão já era, então o pular da cerca está muito próximo.

Retrato de Tony Chopper
Qui, 19/09/2019 - 12:37
Tony Chopper:
Membro desde: 28.08.2017

Mr. Mangina

Retrato de Ricardo_A
Qui, 19/09/2019 - 13:07
Ricardo_A:
Membro desde: 29.12.2014

Mas não eras tu que estavas a atirar-te á gatita5 noutro post e ela até te chamou de javardo? Lol...
O desesperado aqui és tu.

Retrato de Ricardo_A
Qui, 19/09/2019 - 13:07
Ricardo_A:
Membro desde: 29.12.2014

Mas não eras tu que estavas a atirar-te á gatita5 noutro post e ela até te chamou de javardo? Lol...
O desesperado aqui és tu.

Retrato de Ricardo_A
Qui, 19/09/2019 - 13:07
Ricardo_A:
Membro desde: 29.12.2014

Mas não eras tu que estavas a atirar-te á gatita5 noutro post e ela até te chamou de javardo? Lol...
O desesperado aqui és tu.

Retrato de Ricardo_A
Qui, 19/09/2019 - 13:10
Ricardo_A:
Membro desde: 29.12.2014

A vir com posts de mangina Loooooooool, sou mais redpill a dormir que tu acordado, não eras tu que te queixaste das dificuldades do outro lado do mundo e que o zé tuga, não tem que se queixar?

Lol.

Retrato de Tony Chopper
Qui, 19/09/2019 - 13:18
Tony Chopper:
Membro desde: 28.08.2017

Look son! A mangina!

Retrato de Tony Chopper
Qui, 19/09/2019 - 13:18
Tony Chopper:
Membro desde: 28.08.2017

Look son! A mangina!

Retrato de Tony Chopper
Qui, 19/09/2019 - 13:20
Tony Chopper:
Membro desde: 28.08.2017
Retrato de Tony Chopper
Qui, 19/09/2019 - 13:25
Tony Chopper:
Membro desde: 28.08.2017

"Olá a todos de novo, antes de mais, obrigado pelas vossas respostas.

Este assunto interessa-me tendo em conta a fase da vida em que me encontro...

Como vos disse mais cima, sou leitor deste fórum faz alguns meses, mas eu era daqueles que lia as mensagens, assimilava a informação e o conhecimento mas depois não participava, talvez por receio de ter opiniões bastante diferentes da maioria.

Vou continuar o meu processo de saída da minha zona de conforto, fazendo algo que normalmente não gosto de fazer, que é, falar de mim mesmo...

Eu estive num relacionamento durante 4 anos que infelizmente terminou em 2012, relacionamento esse que me marcou bastante.

Mas o que vos quero falar não é sobre esse relacionamento mas sim sobre o que veio depois...

E o que veio depois, foi e ainda está a ser, a maior travessia no deserto que eu jamais passei na minha vida em termos amorosos.

Eu pensei muito antes de escrever estas palavras, em primeiro lugar porque sou uma pessoa reservada e em segundo lugar é sempre feio quando um homem é lamechas e queixinhas sobre a vida, ninguém quer isso, e penso não ser esse o objectivo deste fórum, daí ter tido algumas reticências antes de escrever este texto.

E vocês perguntam, antes de mais nada, quem é o Ricardo? Bom o Ricardo é um rapaz que poderia e deveria de ser normalíssimo e igual a tantos outros, não fosse o caso de ele se achar um peixe fora de água não só em Lisboa mas na sociedade que hoje temos de forma geral.

O Ricardo é um rapaz que tem rotinas muito próprias, não bebe, não fuma, não se droga, faz desporto, não é grande adepto de noitadas, é um rapaz calmo, sereno, ponderado, sossegado, tranquilo, que leva a vida se calhar demasiado a sério para a época que temos. E vocês agora estão a pensar, bem um rapaz assim tem várias pessoas interessadas, certo? Obviamente que não, mas sobre isso já la chegarei…

O ano de 2012 fez-me meditar muito sobre a vida, e desde esse ano entrei num processo de auto-descoberta, auto-conhecimento, de mim, e dos outros.

Se eu fosse um rapaz esperto, eu já teria recuperado desse desgosto e já me tinha feito á estrada há muito tempo, mudando certos hábitos, tentando ter uma vida social mais ativa, o problema é que eu não me identifico com o que vejo á minha volta.

Esta mensagem que eu estou a escrever talvez seja um pouco diferente da maioria neste tipo de fóruns, pois normalmente vemos mensagens de mulheres a criticarem, de forma construtiva obviamente, aspetos e atitudes menos positivas por parte dos homens, neste caso é um homem, ou seja eu, que aponta algumas situações referentes aos homens mas também e em especial às mulheres.

Resumidamente o que me chateia é que a sociedade tornou-se demasiado fútil, já ninguém acredita em nada, ninguém acredita no amor, ninguém acredita no para sempre, ninguém acredita na fidelidade, na sinceridade e na cumplicidade.

Toda a gente diz que é fiel, mas depois o que eu vejo são eles e elas, no Facebook, no Badoo, no Tinder, no Twitter, no Instagram, tudo no engate, gostava de deixar claro, que eu sou totalmente a favor da emancipação da mulher, o que eu nunca pensei, foi que elas fossem adotar os mesmos comportamentos negativos e errados dos homens…

Na minha opinião ser homem em Lisboa não é fácil, a não ser que sejas uma de duas coisas, rico ou badboy.

Eu falo em Lisboa, porque na minha opinião Lisboa tem particularidades muito próprias. Em Lisboa, tu só és uma pessoa interessante se tiveres dinheiro e status, se tiveres um emprego estável, bem remunerado, uma profissão em que as mulheres possam dizer ás amigas: Ah o meu namorado trabalha nisto, ou faz aquilo, as aparências tornaram-se o centro de tudo, tens de ter obrigatoriamente um bom carro, pois as mulheres adoram bons carros, teres uma vida social estupidamente ativa, com 5000 amigos no facebook, seres um enorme frequentador de festas e de noitadas, se disseres a uma mulher que tens casa própria e que moras sozinho sem filhos, os olhos dela até brilham, se disseres que moras em casa dos pais elas torcem-te o nariz, tens de ser alguém super extrovertido, confiante e independente.

Ninguém quer saber quem tu és verdadeiramente, qual é a tua história de vida, o que sentes, o que já passaste, o que queres, o que anseias, quais os teus problemas, não, as pessoas só querem o lado bom, e tu ou estás em alta ou estás na fossa e ninguém te liga nenhuma.

Tenho que ser sincero, não acho as lisboetas simpáticas, acho-as frias, de nariz empinado e interesseiras, mas se calhar eu estou enganado e ando a ver o filme errado daí eu escrever este texto para saber a vossa opinião, no entanto daquilo que vejo e sinto ao meu redor, vai ser complicado para mim voltar a apaixonar-me de novo.

Vivemos tempos estranhos, apesar de não ser uma pessoa de noitadas, de vez em quando lá saio da minha zona de conforto e uma vez ou outra saio á noite e aquilo que vejo não me agrada, vejo muito álcool, muito tabaco, muitas drogas, muita promiscuidade, muitas aparências e pouco conteúdo e vejo as pessoas cada vez mais afastadas. Vejo pessoas agarradas ao telemóvel durante horas , ate mesmo nas discotecas, em vez de estarem a dançar ou a conviver, já não há aquela imprevisibilidade de poder conhecer alguém especial, já não há a troca de olhares, os sorrisos inesperados, aliás estou a ser ingénuo, há troca de olhares, sorrisos inesperados e palavras sussurradas ao ouvido quando o objetivo é sexo, quando o objetivo é amor então não há nada.

Para além da futilidade dos tempos de hoje, em que só os bens materiais é que interessam outra coisa que me chateia é que, aparentemente os maus da fita é que ganham e ficam com a princesa e os bons da fita ficam sozinhos.

E agora chegamos á parte em que eu vou ser baleado pelas mulheres, mas é mais forte do que eu ser um pouco crítico em relação ao que vejo.

O que é que a Lisboeta quer? Um homem romântico, carinhoso, atencioso, que a trate bem, inteligente, com cultura, que sabe estar e cuidar duma mulher? A resposta é não.
Para além da fama, do dinheiro e do status e sem duvida procuram homens com esse perfil, elas no entanto também gostam de outra coisa, os badboys..

Sim, os mulherengos, os atrevidos, os que se metem com elas na discoteca e que no dia a seguir de terem passado a noite juntos nem se lembram do nome delas e depois as querem longe, bem longe da vista deles depois de o desejo sexual ter sido saciado. Elas gostam dos que não lhes ligam, dos que não lhes telefonam, que só fazem o que lhes apetece, que só dão notícias quando o desejo sexual voltou, elas acham sexy ser assertivo e confiante mesmo que seja arrogante e egoísta. Elas gostam dos casados que prometem que vão se separar mas obviamente que nunca o irão fazer, pois é tao bom ter a mulher fiel e submissa em casa, enquanto têm a amante doida na cama com quem realizam as perversidades todas.

As mulheres têm a fantasia que vão transformar um homem cheio de defeitos, nada preparado para a vida, ou simplesmente um enorme mulherengo em alguém que vai ser delas e só delas, é como se fosse um desafio, acontece que eu acho que isso nunca dá certo.

Elas nunca gostam dos tímidos, dos reservados, dos introvertidos, dos sérios, dos honestos, dos trabalhadores, dos sinceros, dos humildes e dos pacatos, e é por isso, que quando oiço certas histórias em que o rapaz traiu a rapariga, eu gosto sempre de perceber quem é o rapaz, e qual não é o meu espanto que são quase sempre os lobos maus, os badboys, é uma chatice mas são deles que elas gostam não é verdade?

Qual é o resultado disto tudo? É exatamente o que vem na notícia que publiquei, ou seja, 500 mil trintões solteiros em Portugal, mas as pessoas acham que está tudo bem e que estamos no bom caminho, então continuem assim."

By Mr. Richard Mangina in https://anossavida.pt/forum/mundo-fantastico-terrivel-solteiros-encalhados

Retrato de gatita5
Qui, 19/09/2019 - 14:29
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Ricardo, O que é que sexo e desejo sexual tem a ver com sentir um vazio ou falta de sentimento? E eu é que não penso, lol.

Retrato de Tony Chopper
Qui, 19/09/2019 - 14:41
Tony Chopper:
Membro desde: 28.08.2017

Ahahaha

Retrato de gatita5
Qui, 19/09/2019 - 15:48
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

E mais, acho que certas pessoas têm 2 perfis ou mais...

Retrato de Ricardo_A
Qui, 19/09/2019 - 18:32
Ricardo_A:
Membro desde: 29.12.2014

Não faço ideia se têm perfis duplos ou triplos.

Se já não gosta, mais vale terminar.

Retrato de gatita5
Qui, 19/09/2019 - 20:09
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Não me estava a referir à Maria ✌️

Retrato de Tony Chopper
Qui, 19/09/2019 - 20:30
Tony Chopper:
Membro desde: 28.08.2017

E com isto tudo, o que acham do neo-veganismo e das tentativas de impor a opção de apenas comer vegetais aos outros? Eu cá gosto dum bom bife!

Retrato de Grim Reaper
Qui, 03/10/2019 - 16:35
Grim Reaper:
Membro desde: 29.04.2017

Já tentou ser atropelada? Penso que será uma boa solução para si.

"Olá bom dia,
Tenho um marido que é muito presente e que me trata bem a mim e aos meus filhos.
Todos dizem que tenho um marido impecável.
Ás vezes é tão presente e prestativo que me sufoca.
Sinto me uma ingrata pois sei que não vai haver ninguém que me vai tratar tão bem e amar.
Mas eu sinto um vazio, falta de sentimento...
Gostava de retribuir o sentimento que tem comigo, mas não consigo. Fico triste...
Obrigada."

Retrato de teixeira802
Qua, 09/10/2019 - 18:25
teixeira802:
Membro desde: 12.08.2014

mas não te atrai fisicamente ou não é suficiente bom para ti na cama ?

Post