separado da minha mulher | A Nossa Vida

separado da minha mulher

Retrato de à deriva
14.03.2020 | 23:13
à deriva:
Membro desde: 14.03.2020

Boa noite.
nunca fui muito de andar por fóruns, mas registei-me aqui de propósito para pedir ajuda e opinões do que de como devo gerir a situação por que estou a passar.

estou junto à 7 anos, casado a 5 e tenho uma filha que vai fazer 6!
a minha mulher e eu tivemos várias discussões ao longo destes anos. tudo discussões desnecessárias, pois eram facilmente resolvidas com uma boa conversa, mas nós deixamos de comunicar um com o outro, começamos a guardar para nós o ressentimento e isto corroeu a relação! na nossa relação nunca houve infidelidade nem violência, apenas atitudes e discussões sem necessidade.

neste momento estamos separados à 3 semanas e este tempo fez-me reflectir e perceber o quanto eu a amo, o quanto ela é importante para mim e o quanto eu desejava ter uma nova oportunidade e fazer tudo certo. valorizar a mulher que ela é, ajuda-la em todos os aspectos da vida. tenho noção agora que a tomei como garantida, não lhe dei o valor que ela merecia e dava tudo para ter uma 2ª oportunidade de corrigir o mal que foi feito! só que agora ela diz que já não me ama e não quer voltar.
Como as nossas ultimas conversas foram por telefone ou mensagem, eu pedi-lhe para ter uma ultima conversa com ela olhos nos olhos eu quero ver nos olhos dela se isto é mesmo verdade! tou com medo desta conversa, pode ser a ultima acerca deste assunto. não quero errar. por isso venho humildemente pedir a opinião de quem se calhar ja passou pelo mesmo!

desde já agradeço a quem responder


Retrato de Gaivoto
Seg, 23/03/2020 - 01:01
Gaivoto:
Membro desde: 31.12.2015

Dás pouca informação sobre a tua situação e os antecedeentes.

Dizem os especílalitas na matéria que o por que se pode fazer nesta situação é ser demasiado insistivo e não dar à outra pessoa espaço, se ela o pedir. Também se deve assumir uma política de "não-contacto" ou seja andar sempre a telefonar é contra-producente. è difícil, claro, mas é a melhor maneira de, se ainda houver hipótese, voltar a conquistar o respeito da pessoa que fugiu da relação. Nessa conversa que vais ter com a tua mulher reafirma o maor que ainda tens por ela, mas a partir daí tens que lhe dar espaço e será ela a decidir o que fazer, é pior andar sempre a ligar ou aparecer .

Retrato de marie_martins
Qui, 16/04/2020 - 18:13
marie_martins:
Membro desde: 18.09.2011

Olá à deriva,

Não sei se a conversa já aconteceu, mas vou deixar-te a minha situação que foi muito semelhante.
Namoro à 9 anos com uma pessoa. Quando fizemos 7 anos juntos separamo-nos porque discutíamos muito por situações parvas que podiam ser resolvidas facilmente, normalmente por eu querer passar tempo de qualidade juntos e ele preferir sair com amigos. Por decisão dele separamo-nos e eu sai de casa.
Ao fim de 1 mês tinha-o muito arrependido a pedir para voltar porque tinha chegado à conclusão que nunca me tinha valorizado nem nada do que eu fazia ( Afinal quando passamos a ter mais tempo disponível para sair percebemos que os amigos também têm relações e essas têm prioridade), infelizmente para ele nessa altura eu já me sentia muito mais calma sem ter de lidar com os dramas que tínhamos na nossa relação e decidi que não o queria de volta naquele momento, porque senti que não valia a pena.
Demoramos 1 ano e meio até voltarmos e foi preciso ele mudar muitas coisas para isso acontecer.
Como não descreves, não sei o conteúdo das vossas discussões, mas se calhar o melhor neste momento é dares espaço para a tua mulher se encontrar e perceber o que quer fazer, se ela gostar de ti, as coisas hão de ajeitar-se.
Quando 2 pessoas decidem separar-se, os primeiros tempos são muitos complicados, porque por um lado sentes uma libertação tremenda (porque as coisas más desaparecem) mas ao mesmo tempo há muitos sentimos para colocar em ordem, e isso apenas com tempo é possível.
Espero ter conseguido ajudar!