Redução mamária e Lipoaspiração.. o que fazer quando não ficamos satisfeitas com o resultado? | A Nossa Vida

Redução mamária e Lipoaspiração.. o que fazer quando não ficamos satisfeitas com o resultado?

Retrato de Bluee Eyes
21.03.2019 | 16:45
Bluee Eyes:
Membro desde: 29.06.2012

Bom dia Meninas,
Tenho lido várias publicações aqui para tentar perceber quem são os cirurgiões plásticos que realmente realizam bons trabalhos.
Verdade é que se procurarmos na net parece que nunca se encontra informações negativas sobre nenhum médico. Quando chega a altura de tomar uma decisão, nem sempre temos referências suficientes para a escolha que fazemos e por isso nem sempre as coisas correm da melhor forma.
Por essa razão, quero aqui relatar as minhas experiências. E já agora pedir ajuda para que me indiquem outros cirurgiões com os quais tenham feitos procedimentos com que tenham ficado satisfeitas.

Eu já fiz alguma intervenções estéticas, lipos a várias áreas, blefaroplastia, ácido hialurónico, fios extensores e redução mamária.. Umas correram bem, outras nem tanto. Fiz procedimentos com dois médicos diferentes.

Faz precisamente 1 ano que fiz uma redução mamária. Sempre tive o peito grande, mas houve uma altura da minha vida que me conformei com isso. Sou baixinha, tenho apenas 1,51m. Mas o ano passado senti que não podia continuar assim, o peso era imenso e o peito tinha crescido nos últimos dois anos e tinha constantes dores nas costas. Já estava com um 32 Copa D. Falei com o cirurgião plástico que já me acompanhava, ele mostrou-me fotos de antes e depois, explicou-me o procedimento, disse já não fazer incisões em T. Fez parecer tudo muito simples, 3 dias depois estaria de volta à vida normal (conduzir e trabalhar) e não me falou em preparação especial antes da cirurgia. Fez me crer que me estava a fazer um preço muito especial e acordámos tudo. Mas algo me estava a deixar desconfortável. Nos procedimentos anteriores, houve correcções que tiveram de ser feitas e pelas quais tive de pagar um valor "simbólico" (que não era tão simbólico assim!) Comecei a pensar, e se me deixar um peito maior que outro só para eu ter de repetir a cirurgia e pagar...

Por acaso, nessa altura, através de uma conhecida foi me recomendado um outro cirurgião, que tinha feito reduções mamárias e outros procedimentos fantásticos. Fui então à consulta fiquei encantada, pareceu-me muito seguro, explicou-me, que gostava de deixar a opção em aberto de poder fazer incisões em T caso fosse necessário para a mama ficar mais bonita. Explicou-me também que o pós operatório era tranquilo, não tão fácil como o outro me tinha dito e alertou-me para o facto de ter de deixar de fumar 1 mês antes da cirurgia (o que nem sequer me tinha sido mencionado pelo outro cirurgião). Não vi fotos de antes e depois de outras pacientes, apesar de ele publicar muitas fotos nas redes sociais mas só do após (talvez até um Marketing excessivo!). Estranhei também o facto de me tirar fotos com o telemóvel, pois estava a habituada a que fossem tiradas com uma máquina fotográfica de precisão.. . Marquei a data e atirei-me de cabeça. Mandou-me comprar um soutien pós-cirúrgico, tamanho 34 B.
Quanto ao tamanho do peito eu não conseguia ter noção nenhuma, pelo que lhe tinha dito que deixava ao critério dele, não queria ficar uma tábua rasa, mas óbvio também não queria mamas grandes, achei que ele teria uma percepção melhor de proporcionalidade.
Aproximando-se a data da cirurgia, apenas 2 dias antes fui contactada para prestar informações para a anestesia e me informarem da hora do jejum. Achei tudo um pouco “em cima do joelho”. Sou uma pessoa muito organizada pelo que tudo isto me estava a deixar um pouco irritada.
No dia da cirurgia, ele chegou atrasado, tinha ainda uns botoxs para colocar, e foram-me preparando e levaram-me para o bloco operatório. Quando me acordaram (não faço ideia de quantas horas tinham passado) tinha a “equipa” ao meu lado. O médico disse ter corrido tudo bem, mas que teve de optar pela incisão em T, para o peito ficar mais bonito e que tinha uma copa B grande, C pequeno. Pareceu-me perfeito. Tinha algumas dores, mas deram-me medicação e passou. O pós operatório foi super tranquilo, não tive dores, nem mau estar. O soutien é que estava pequeno e magoava principalmente nas junções do T, pelo que tive de comprar outro. Não vou entrar em grandes detalhes referente ao pós operatório. Após 2 semanas fui vista pelo médico, que disse estar tudo bem, inchado, o normal. Uma semana após a consulta notei das cicatrizes estranha, aberta, com pus, mandei foto via whatsapp. Disse era um ponto interno a sair, e para colocar betadine, mas eu insisti para ele me ver, o que fez, a correr. O meu organismo começou a rejeitar os pontos internos o que continuou por mais de um mês e o acompanhamento era feito via whatsapp. Três meses depois tive então a próxima consulta, que foi quando pude deixar de usar o soutien pós-operatório, e nessa altura voltei a expressar que achava uma mama maior que outra, o que relativizou, que era impressão minha e mandou-me marcar nova consulta quando fizesse 6 meses e depois um ano (consultas pagas).

Com o outro cirurgião, tinha tido várias e regulares consultas de seguimento e nunca tive de pagar por elas.

Quanto ao tamanho das mamas, na altura pareceram-me perfeitas. Redondinhas, parecia até que tinham silicone, as cicatrizes também me pareceram bem feitas, mas sempre achei uma mama maior que a outra, e sempre me disseram que estavam inchadas, que iam descair, mas passou um ano, e eu olho-me ao espelho e continuo a ver uma mama maior que a outra.
E espanto meu quando fui comprar o primeiro soutien, não era uma copa B, mas sim uma C e até D, isso deixou-me ainda mais frustrada. Conforme o tempo passa, parece que quando olho para baixo, continuo a ver a mesma “prateleira” que tinha anteriormente. A única diferença é que antes estavam descaídas e agora estão empinadas.

Mesmo assim, depois disto ainda fiz um ou outro procedimento com ele, uma lipoaspiração. Não gostei minimamente do resultado. 3 meses depois mostrei-lhe e ele concordou que teria de ser corrigido. Sinceramente olho para esta desgraça e não consigo perceber o que foi que ele fez aqui. A desculpa foi que o meu organismo não reagiu bem, e predispôs-se a corrigir sem custos. Eu queria fazê-lo logo, porque em breve vem o bom tempo e eu não me imagino a ir para a praia no estado em que estou neste momento. Mas não, disse que teria de esperar. Assim fiz, marcámos data, mas nem horários nem nada. É extremamente desorganizado, e eu só sabia o horário da cirurgia 2 dias antes. Desta vez então ainda foi pior, cirurgia marcada há 2 meses e 3 dias antes ele cancela, por motivos, que aqui não interessam. Quem trabalha, sabe que nem sempre é fácil fazermos alterações de férias quando queremos.

Neste momento, como devem calcular, já não confio minimamente nele e até receio no que ele possa vir a fazer na cirurgia de correcção que já foi remarcada.. Mas já não tenho dinheiro para contratar outro médico.

Não encontrei nenhuma crítica negativa deste cirurgião plástico na internet, pelo contrário. Mas sei de um outro caso em que também realizou um procedimento e não correu bem, que até teve complicações.

Não quero revelar o seu nome aqui publicamente, mas se quiserem mais informações não me importo, em privado de as dar. Pois acho importante divulgar bons médicos, mas também alertar para aqueles que não o são. Este médico, definitivamente, não recomendarei a ninguém!

Neste momento o que me resta fazer é pedir uma segunda opinião a outro médico, e talvez mais tarde eventualmente repetir a redução mamária.
Tenho consulta marcada para amanhã para o Dr. João Nunes Costa na Clínica Sto. António – Hospital Lusíada na Amadora. Alguém conhece? Pode dar referências?

Tentei ler os posts sobre cirurgias plásticas. Mas para além de serem bastantes, alguns são já são muito antigos. Por isso, como disse no inicio, se poderem aconselhar alguém, com que tenham feito cirurgias plásticas (de preferencia redução mamárias, lipos ou onfaloplastia), na zona de Lisboa, partilhem, pois não quero mais continuar a pagar e a ficar mal servida.


Retrato de Peaches
Ter, 09/04/2019 - 19:56
Peaches:
Membro desde: 13.11.2013

Dr João Bastos Martins, sem duvida alguma. Nunca numa redução mamaria estaria a conduzir o final de 3 dias. Marque uma consulta com ele e converse.. vai perceber a diferença!

Post