Quem acredita em pragas ou coisas desse género? | Page 2 | A Nossa Vida
50 entradas / 0 new
Última entrada
Retrato de fillippa
Qua, 22/06/2011 - 15:09
fillippa:
Membro desde: 28.01.2011
_Paulo_ wrote:
jakina wrote:

Tenho uma colega que a mãe dela faz essa coisa do azeite e faz umas rezas e fica tudo bem, parece que qualquer pessoa pode fazer. Um vez o bebe dela não parava de chorar e não dormia, ela ligou à mãe o menino tinha mau olhado, e depois das rezas passou tudo.

O azeite é muito eficaz. Lembro-me que quando era pequeno, usávamos azeite e borralha para tirar carrapatos no animais. Caíam logo!

Quando os bebés choravam muito, molhavam a chupeta no vinho. Era tiro e queda. Adormeciam logo.

P kem n acreditava...ja acredita em mta coisa Hypnotized Ja p n falar k ha aki mta gente k acredita...O melhor e n t aproximares...ehehe

*Kd o coracao disse aos olhos"Ve menos,pk tu ves e eu sofro",os olhos responderam"Entao sente menos,pk tu sentes e eu choro"*

Retrato de AnaRV
Qua, 22/06/2011 - 17:16
AnaRV:
Membro desde: 28.12.2010

Acho q as pessoas que fazem disso actividade profissional, servem-s do desespero dos outros...qdo estamos em desespero tudo vale...

Qto aos obstáculos da vida, tenho uma "filosofia" diferente...qdo encontramos um obstáculo devemos encará-lo e tentar ultrapassá-lo da melhor forma, caso contrário, ele n vai ser resolvido e não conseguimos evoluirenquanto pessoas. Há pessoas q se queixam q aparecem problemas atrás uns dos outros...de facto há fases assim, mas nalgumas vzs, é pq a nossa vida n está a tomar a direcção certa, e aí há q reflectir e tentar deslindar a melhor forma de agir ...no meu ponto de vista n tem nada a ver com invejas...

Retrato de amadalena
Qua, 22/06/2011 - 17:29
amadalena:
Membro desde: 13.05.2009
_Paulo_ wrote:
jakina wrote:

Tenho uma colega que a mãe dela faz essa coisa do azeite e faz umas rezas e fica tudo bem, parece que qualquer pessoa pode fazer. Um vez o bebe dela não parava de chorar e não dormia, ela ligou à mãe o menino tinha mau olhado, e depois das rezas passou tudo.

O azeite é muito eficaz. Lembro-me que quando era pequeno, usávamos azeite e borralha para tirar carrapatos no animais. Caíam logo!

Quando os bebés choravam muito, molhavam a chupeta no vinho. Era tiro e queda. Adormeciam logo.

Acho que mais valias estar calado do que estares a dizer asneiras e a brincar com assuntos de outras pessoas.

Retrato de BecaseCrys
Qua, 22/06/2011 - 17:35
BecaseCrys:
Membro desde: 10.04.2009
Susymermaid wrote:

há certas pessoas de quem eu não me aproximo ou não dou confiança... Especialmente aquelas que nós sentimos que são "simpáticas demais". :S

Acredita... detesto pessoas que são mto boazinhas e que aparentemente conhecem-nos à meia duzia de dias e já nos acham as melhores amigas.... conheço uma pessoa assim e afasta que é vibora e das grandes....

Visitem o meu blog
http://opechiche.blogspot.com/

Retrato de Rose Mary
Qua, 22/06/2011 - 17:49
Rose Mary:
Membro desde: 29.08.2008

Olá!

Eu também acredito nestas coisas e infelizmente já senti em mim e também presenciei noutras pessoas.

Para mim não há nada como o poder da fé e da oração. Tornamo-nos mais fortes e menos propícios a este género de coisas. Smile

Rose Mary ♥

"Somos feitos de carne, mas temos de viver como se fôssemos de ferro."

Retrato de _Marta_
Qua, 22/06/2011 - 18:06
_Marta_:
Membro desde: 08.12.2008

Não levem a mal o meu comentário, até porque não o faço com má intenção, mas... as pessoas preocupam-se demasiado em justificar as coisas más que acontecem em vez de viverem as coisas boas que a vida proporciona. Preocupam-se em arranjar justificações para o que tudo o que acontece e, a meu ver, isso raramente muda alguma coisa.
Uma coisa que tenho reparado é que as pessoas têm, cada vez mais, um locus de causalidade e de controlo externos, ou seja, as causas das coisas que acontecem são devidas a terceiros, as coisas são controladas por terceiros e é de terceiros que depende a resolução de problemas. E nós, nada? Somos o quê, marionetas à espera que nos mexam os cordelinhos para nos movimentarmos? Não temos escolhas, não temos vontade própria, não temos poder?
Faz-me confusão, muito honestamente, ver pessoas que entregam a sua "sorte" (ou seja, futuro) nas mãos de videntes, de cartas de tarôt, de bolas de cristal ou de outras coisas que até desconheço que existem. Faz-me confusão que se acredite mais naquilo que os outros nos dizem do que no nosso poder de mudar as coisas. Mas isto sou eu a pensar, é a minha forma de encarar as coisas. Não critico (até certo ponto... extremistas, não obrigada!) quem acredite ou quem faça disso vida, mas faz-me confusão. Just.

Retrato de ana.loira
Qua, 22/06/2011 - 19:56
ana.loira:
Membro desde: 24.05.2011

Não acredito,e como a Marta disse,é mais fácil culparmos alguém ou algo por algum mal que nos aconteça.

E as coisas boas são graças a quem ou a quê, a nós claro!

Claro que há pessoas invejosas,ignoramo-las,e seguimos a nossa vida em frente.

Agora quando estamos na"fossa",e só nos concentrarmos-nos,de que pode ser mau olhado e outras coisas,e não tentarmos resolver realmente a questão,as coisas vão piorando,e é uma bola de neve.

Por isso calma,analizar a situação,se for preciso desabafar com alguém,às vezes uma pessoa de fora vê as coisas de outra prespectiva,e ajuda,por vezes só o desabafar já faz bem.Boa sorte

Retrato de _Paulo_
Qua, 22/06/2011 - 20:34
_Paulo_:
Membro desde: 14.01.2010
amadalena wrote:
_Paulo_ wrote:
jakina wrote:

Tenho uma colega que a mãe dela faz essa coisa do azeite e faz umas rezas e fica tudo bem, parece que qualquer pessoa pode fazer. Um vez o bebe dela não parava de chorar e não dormia, ela ligou à mãe o menino tinha mau olhado, e depois das rezas passou tudo.

O azeite é muito eficaz. Lembro-me que quando era pequeno, usávamos azeite e borralha para tirar carrapatos no animais. Caíam logo!

Quando os bebés choravam muito, molhavam a chupeta no vinho. Era tiro e queda. Adormeciam logo.

Acho que mais valias estar calado do que estares a dizer asneiras e a brincar com assuntos de outras pessoas.

Se provares que a tua opinião é mais válida que a minha, eu calo-me! Até lá, cala-te e não digas asneiras.

"Ever tried. Ever failed. No matter.
Try again. Fail again. Fail better."
[Samuel Beckett]

Retrato de Eu ele e o pinheirito
Qua, 22/06/2011 - 22:43
Eu ele e o pinheirito:
Membro desde: 04.03.2009

Este é um tema que, já se sabia, ia criar polémica. O que eu penso em relação a estes assuntos, já o tinha dito há uns tempos num tópico em que se falava de questões sobrenaturais, pelo que vou fazer copy-paste, se mo permitem:

Eu ele e o pinheirito wrote:

Eu não sou ninguém para criticar quem tem as suas crenças, sejam
elas consideradas retrógoadas ou infunfadas, não sou ninguém para dizer se estas coisas são reais ou não porque, até ao momento, só tenho uma certeza: sei/conheço pouquíssimas coisas comparativamente ao volume de conhecimentos que ainda vou adquirir ao longo da vida e comparativamente àquilo que a Humanidade em geral ainda desconhece. Até te digo mais, falo com conhecimento de causa: tenho pessoas na família, testemunhos directos de pessoas a quem aconteceram coisas inexplicáveis (pelo menos, até ao momento) e outras ligadas à medicina e que são as primeiras a admitir que há muitos fenómenos ainda por desvendar e para os quais a medicina não tem resposta. Portanto, enquanto não há certezas disto ou daquilo, há que manter várias hipóteses em aberto, mesmo que pareçam ridículas.

Mas isto é só a minha opinião.

Eu ele e o pinheirito wrote:

Eu também não defendo a crença que não questiona, que não averigua, que não procura os porquês, que se limita a dizer "amen" a tudo o que é apresentado como certo, dogmático e absoluto. Chegou-se foi neste tópico, a um ponto, em que ficou claro que não adianta muito falar com quem é totalmente crente ou descrente em relação ao que quer que seja. Quem está numa posição extrema para um lado ou para o outro muito dificilmente conseguirá abrir-se ao diálogo. Não sei se me fiz entender... Espero que sim.

Eu ele e o pinheirito wrote:

Tenho que confessar uma coisa. Tenho uma espécie de aversão às pessoas que dizem, com toda a certeza do mundo, por exemplo, que Deus existe ou não existe, que há possessões ou que não há, que não há vida além desta ou que há vida além desta. Isto, para mim, roça a arrogância. Mas que caraças! O que é que somos nós para ter a certeza absoluta de algo que não está provado? Acho, sim, que devemos ter a humildade e a coragem para dizer sem rodeios "não sei". É que é daquelas atitudes que, muitas vezes, nascem os fundamentalismos.

_Paulo, o teu discurso, um ano passado do debate que tivemos neste tópico...
http://anossavida.pt/forum/padre-henrique-macarico-cantanhede

... em nada me surpreende. Igual a ti mesmo, com totais arrogância e desrespeito por quem tem crenças diferentes das tuas. É muito triste aperceber-me de que não "aprendeste" nada com o que se passou antes.

Don't be sad because of people. They will all die.

Retrato de Andreia_Lelo
Qua, 22/06/2011 - 23:37
Andreia_Lelo:
Membro desde: 18.02.2010

Acima de tudo há k respeitar as opiniões alheias e as convicções de cada um.
Não querendo generalizar, acho k muitas pessoas não acreditam ou não têm opinião formada por nunca se terem deparado com uma situação do paranormal. Eu tb não acreditava até se ter passdao cmg. K há coisas inexplicáveis, há. K há pessoas k têm algo mais, há (não sei como lhe chamar, tx seja um dom). K há muita gente a aproveitar-se, sem dúvida. Mas tb há pessoas k têm necessidade de o fazer, e essas não se regem pela busca do dinheiro.

Retrato de _Paulo_
Qua, 22/06/2011 - 23:47
_Paulo_:
Membro desde: 14.01.2010
Eu ele e o pinheirito wrote:

_Paulo, o teu discurso, um ano passado do debate que tivemos neste tópico...
http://anossavida.pt/forum/padre-henrique-macarico-cantanhede

... em nada me surpreende. Igual a ti mesmo, com totais arrogância e desrespeito por quem tem crenças diferentes das tuas. É muito triste aperceber-me de que não "aprendeste" nada com o que se passou antes.

Nem tinha nada que mudar.
Para mim não são nada mais nem menos do que charlatanices.

É a minha opinião, e "arrogância e desrespeito" é não a respeitar.

"Ever tried. Ever failed. No matter.
Try again. Fail again. Fail better."
[Samuel Beckett]

Retrato de Eu ele e o pinheirito
Qua, 22/06/2011 - 23:57
Eu ele e o pinheirito:
Membro desde: 04.03.2009
_Paulo_ wrote:

Nem tinha nada que mudar.
Para mim não são nada mais nem menos do que charlatanices.

É a minha opinião, e "arrogância e desrespeito" é não a respeitar.

Onde é que me viste a dizer que devias mudar a tua opinião? Devias, SIM, moderar a forma como abordas estas assuntos, já que são temas sensíveis e que, muito frequentemente senão sempre, entram na intimidade das pessoas e as tocam em momentos de fragilidade.

Respeito é não comentar de forma trocista estes assuntos. Lê com atenção os posts dos outros foristas para veres que foste o único a não o demonstrar. Wink

Don't be sad because of people. They will all die.

Retrato de _Paulo_
Qui, 23/06/2011 - 00:15
_Paulo_:
Membro desde: 14.01.2010

Há os que acreditam e que abordam o tema com todo o cuidado e respeito, não vá o diabo/Deus acordar!

Há os que não acreditam, MAS......, e não se alongam porque nunca se sabe.

Eu trato o assunto com a mesma importância de um Porto vs Benfica!

PS: Não acham que depois de eu dizer tantas e tamanhas blasfémias, já me deveriam ter lançado uma praga pior que a dos gafanhotos, no Egipto?

"Ever tried. Ever failed. No matter.
Try again. Fail again. Fail better."
[Samuel Beckett]

Retrato de angelam-silva
Qui, 23/06/2011 - 00:40
angelam-silva:
Membro desde: 01.12.2010

Nao tarda temos o paulo a vir ca fazer um topico a perguntar por contactos de alguem que consiga remover pragas e maus olhados...

Afilhada da Talim com muito orgulho
Afilhada do El_Lobo com muito orgulho

Retrato de Carimax
Qui, 23/06/2011 - 08:23
Carimax:
Membro desde: 18.10.2008

Elly,

Já expuseste tantas vezes a dormência subjugada em que vives, não achas que arranjar argumentos como "pragas e cobranto" só vão tardar alguma atitude que consideres ser necessária para que passes a sentir-te feliz com a tua vida?

Não vás por aí! Pragmatismo! Atitude! Sai dessa vida que tanto te queixas... a nossa felicidade depende de nós, salvo raras excepções factuais incontornáveis, como acidentes, etc

Quanto ao acreditar ou não! Acho que a Marta foi muito "psicóloga" e clara na sua explicação!
Além que a postura redutora "acreditar ou não" só revela que pouco se questiona..pão pão, queijo queijo???...assim ao estilo da caverna do platão...sem clareza nenhuma...sem reflexão...sem curiosidade!

Eu adoraria ter um mau olhado...era sinal de ser merecedora do tempo ocupado de alguém, comigo! Mas acho que ainda não cheguei a esse estatuto..não tenho ninguém com inveja de mim!

Aliás....acho até que considerar-se inveja como argumento para mau olhado revela um ego inflamado, que só visto!

Retrato de _Paulo_
Qui, 23/06/2011 - 12:59
_Paulo_:
Membro desde: 14.01.2010

Este comentário, entrou directamente para o TOP dos melhores de sempre!

Carimax wrote:

Elly,

Já expuseste tantas vezes a dormência subjugada em que vives, não achas que arranjar argumentos como "pragas e cobranto" só vão tardar alguma atitude que consideres ser necessária para que passes a sentir-te feliz com a tua vida?

Não vás por aí! Pragmatismo! Atitude! Sai dessa vida que tanto te queixas... a nossa felicidade depende de nós, salvo raras excepções factuais incontornáveis, como acidentes, etc Smile

Quanto ao acreditar ou não! Acho que a Marta foi muito "psicóloga" Wink e clara na sua explicação!
Além que a postura redutora "acreditar ou não" só revela que pouco se questiona..pão pão, queijo queijo???...assim ao estilo da caverna do platão...sem clareza nenhuma...sem reflexão...sem curiosidade! Thinking

Principalmente esta parte.

Dizes coisas que me estão na alma (eu não tenho, mas fica bonito Grin ), mas não me saem com as letras!

Carimax wrote:

Eu adoraria ter um mau olhado...era sinal de ser merecedora do tempo ocupado de alguém, comigo! Mas acho que ainda não cheguei a esse estatuto..não tenho ninguém com inveja de mim! Laughing

Aliás....acho até que considerar-se inveja como argumento para mau olhado revela um ego inflamado, que só visto! :S

Parabéns Carimax!

"Ever tried. Ever failed. No matter.
Try again. Fail again. Fail better."
[Samuel Beckett]

Retrato de BecaseCrys
Qui, 23/06/2011 - 16:01
BecaseCrys:
Membro desde: 10.04.2009

Eu tenho inveja sua, mas daquele tipo de inveja salutar ( não, daquela do mau olhado), porque realmente não conheço ninguem com uma visão tão pragmática da vida...

Visitem o meu blog
http://opechiche.blogspot.com/

Retrato de Carimax
Qui, 23/06/2011 - 21:57
Carimax:
Membro desde: 18.10.2008

Que simpáticos! Obrigada pela vossa perda de tempo comigo! Hug

Isto da inveja lembra-me o nosso querido Carlos Paredes...que nunca se sentiu merecedor de tanta admiração ( para uns e outros já seria inveja) pelo seu fantástico trabalho! A guitarra portuguesa agradece a sua existência com milhares de saudades. Wink

Retrato de SofiaCerqueira
Qua, 10/04/2019 - 18:01
SofiaCerqueira:
Membro desde: 10.04.2019

Como se faz isso do azeite minha querida ??
A minha situação tem haver com a ex do meu marido... ela nao nos deixa em paz por nada e o que mais me irrita é que ela "fode pela calada" como se custuma dizer...
E eu queto afasta-la de vez da nossa vida