Não sei o que fazer... | A Nossa Vida

Não sei o que fazer...

Retrato de Joanacanas
19.10.2017 | 10:29
Joanacanas:
Membro desde: 19.10.2017

Olá, resolvi usar este forum porque tenho algumas dúvidas e queria saber a opinião de alguém.
Namoro há quase 5 anos e tenho 20 anos. Sempre tive uma boa relação com o meu namorado, tanto em amizade como em confiança, sempre fizemos tudo juntos. No entanto, nos 2 últimos anos ele tem-se acomodado muito, quase não quer ir a lado nenhum passear porque está sempre cansado ou porque não lhe apetece. Parece que a nossa relação passou a ser muito monótona, quando estamos juntos é quase sempre na casa um do outro, ora durmo lá, ora ele dorme na minha. Não me lembro da última vez que fomos sair apenas os 2. Por vezes apetece-me passar o dia na ronha, mas ele quer sempre mais alguma coisa e insiste até conseguir o que quer (sexo). Não consigo ver um filme com ele porque quer fazê-lo, e se eu não quiser simplesmente adormece. Parece que o aborreco só porque não quero. São poucas as vezes que me apetece, e não sei porquê...há cerca de 1 mês estava tudo bem, mas tenho-me sentido sufocada e sem vontade de estar com ele. Não sei se é por ter imensa coisa para fazer na faculdade, e quando chego a casa só quero estar sozinha e descansar...será que já não sinto o mesmo, ou é apenas o facto de estar tão cansada que só quero aproveitar o pouco tempo livre que tenho sozinha?
Obrigada!


Retrato de Gaivoto
Sáb, 21/10/2017 - 17:34
Gaivoto:
Membro desde: 31.12.2015

Só tu podes saber se ainda gostas dele o suficiente.
Quando começa a haver um passivo não resolvido as coisas acumulam-se e as pessoas mudam-

Eu costumo ser pela comunicação. Se achas que se ele mudasse em alguma coisa isso era bom para a avossa relação, diz-lhe abertamente, pelo menos esgotas todos os caminhos possíveis, antes de tomares decisões mais drásticas

Retrato de Road66
Qui, 26/10/2017 - 14:38
Road66:
Membro desde: 16.09.2013

Não tens medo dele? Devias!!!
Tens pena dele? Não tenhas... o teu destino pode ser igual ao de 50 mulheres o ano passado: acabaram dentro de um caixão.

Fui directo e bruto de propósito, ir à policia ontem relatar isso já era tarde!!!

Estás perante uma pessoa super desequilibrada e violenta que precisa de ajuda mas não queiras estar nesse processo porque a maior parte dessas pessoas não mudará.

Retrato de Grim Reaper
Qui, 26/10/2017 - 16:04
Grim Reaper:
Membro desde: 29.04.2017

Tu é que és desequilibrado, leste o post como deve ser?

Retrato de Road66
Qui, 26/10/2017 - 17:05
Road66:
Membro desde: 16.09.2013

Acho que uma pessoa com dois dedos de testa ia perceber que esta resposta que dei não foi parar ao tópico correcto... mas isso sou eu. Agora guarda lá o ressabiamento sff.

Retrato de Road66
Qui, 26/10/2017 - 17:07
Road66:
Membro desde: 16.09.2013

Para a autora do tópico, não ligues ao meu post anterior visto que veio parar aqui de forma errada.

Retrato de Grim Reaper
Qui, 26/10/2017 - 18:18
Grim Reaper:
Membro desde: 29.04.2017

Estás todo trocado e ainda vens dar conselhos. Ridículo.

Retrato de Road66
Sex, 27/10/2017 - 11:54
Road66:
Membro desde: 16.09.2013

Se queres saber o que realmente é ridículo é simples, lê os teus variados posts ao longo deste forum. Isso sim, é ridículo e chego até a ter vergonha alheia.
Volto a repetir o que disse mais atrás no comentário que era para ti: "Agora guarda lá o ressabiamento sff"

Retrato de Aalgarvia
Sex, 27/10/2017 - 18:19
Aalgarvia:
Membro desde: 27.10.2017

Olá Joana
Tens exactamente a mesma idade que eu e vou dar-te o conselho que eu gostaria que me tivessem dado.
Separa-te, a partir do momento em que te sentes assim não é saudável, nem te faz feliz. Mereces toda a felicidade do mundo e tenho a certeza que irás encontrar alguem que te preencha em todos os aspectos.
Beijinhos

Retrato de Grim Reaper
Dom, 29/10/2017 - 01:58
Grim Reaper:
Membro desde: 29.04.2017

"Se queres saber o que realmente é ridículo é simples, lê os teus variados posts ao longo deste forum. Isso sim, é ridículo e chego até a ter vergonha alheia.
Volto a repetir o que disse mais atrás no comentário que era para ti: "Agora guarda lá o ressabiamento sff"

Dos teus posts nem me lembro, é o quanto indiferente és. Mas depois dou-te um autógrafo.

A mim também me dá vergonha muita coisa, principalmente os teus palpites sobre a minha vida.

Retrato de 2017Rosy
Sáb, 16/12/2017 - 09:06
2017Rosy:
Membro desde: 26.11.2017

Olá Joana,
5 anos de namoro na tua idade, incrível. Agora se há 2 anos tens sinais de desgaste não é mais que a vida a dizer-te basta. Ninguém se cruza por acaso e as pessoas ficam enquanto têm algo a aprender uma com a outra, quando não, é natural que surgiam problemas para que sigam outro caminho e aí voltar a encontrar outras pessoas que continuem a ajudar na aprendizagem constante que é a vida. Se pensarmos e agirmos assim fica tudo tão mais simples. Fique bem

Retrato de Carlos89
Qua, 20/12/2017 - 19:36
Carlos89:
Membro desde: 24.03.2014

Olá Joana,
Essa falta de "apetite" q descreveste é um sintoma de q nao te sentes acolhida por ele.. o sexo já é como q uma obrigação e por aí vai. Está a faltar um verdadeiro companheirismo na vossa relação. Ou trabalham juntos com empenho na relação ou têm q se separar como disse outra pessoa aqui.

@ 2017Rosy concordo!

Retrato de Tony Chopper
Qua, 20/12/2017 - 20:39
Tony Chopper:
Membro desde: 28.08.2017

5 anos, acho isso muito tempo, tendo em conta que tens apenas 20. Sempre tive a ideia de que os namoros de secundário, as paixões de adolescente nunca dão em nada, mas nem sempre é assim... O meu melhor amigo namorou com a mesma mulher desde que o conheci e a ela, fui ao casamento deles e brevemente vou conhecer o filho...

No teu caso não sei, mas se já assim é podiam conversar e meter os pontos nos i's, se não resultar aposta é em ti e nos estudos... A sério! Os teus estudos, embora penses que não são a tua possibilidade de catapulta para um bom futuro, para o exterior, para conhecer o mundo! Independentemente do que aconteça não descures nisso, porque oportunidades para amar há muitas, para estudar poucas e, em Portugal, para trabalhar e fazer carreira ainda menos...

Sheng dan kuai le!