Medo da solidão | A Nossa Vida

Medo da solidão

Retrato de thegirlnextdoor
07.02.2019 | 20:35
thegirlnextdoor:
Membro desde: 07.02.2019

Olá malta.
Ja acompanho este forum ha algum tempo, mas so agora tive coragem de postar qualquer coisa.

Tenho 26 anos acabados de fazer e estou a acabar o meu curso de Medicina Acho que sou uma pessoa interessante fisicamente,sou minimamente culta, sei ter uma conversa, mas parece que o amor nao quer nada comigo. Durante a minha adolescencia tive os meus namoricos (nada de sério), as coisas acabavam e eu ia à minha vida. No entanto cheguei a uma fase da vida onde já nao quero andar a perder o meu tempo com curtes e quecas lol. Sinto vontade de me casar e ter filhos, gostaria de encontrar um rapaz sério para isso, mas sinto que é dificil hoje em dia. Recentemente acabei um relacionamento com alguem com quem já tinha alguns planos para o futuro e estou um bocado em baixo por causa disso. Ja ha uns 2 anos q ando à procura da pessoa certa para mim, mas parece que só encontro sapos. Ahahah
Entretanto ando com a paranóia de que nunca vou encontrar ninguem e vou ficar sozinha para o resto da vida ( isto até me tem trazido ansiedade).
Gostava de saber se ha mais alguem.por aqui que se sinta tal como eu me sinto e também queria saber a vossa opiniao sobre o meu estado de alma aha!

Cumprimentos para todos!


Retrato de Tony Chopper
Sex, 08/02/2019 - 01:15
Tony Chopper:
Membro desde: 28.08.2017

26 anos e com essa pancada? Aos 30 andas a tomar anti-depressivos e a fumar que nem um cavalo!

Vivemos no séc. XXI, as pessoas assentam mais tarde, hoje há mais pessoas que tiram mestrados e doutoramentos, que viajam, vão viver para fora, não estabilizam até arranjarem um emprego seguro e conseguirem sair de casa, além de que penso que nos temos tornado mais exigentes naquilo que consideramos a "pessoa certa". O que é para ti a pessoa certa? Um homem bem sucedido? Humorado? Bad boy? Bon vivant? Tens que definir o que queres, encontrar essa pessoa no sítio e altura certa e encaixar que as pessoas não são perfeitas e que nunca vais conseguir alguém perfeito que seja aquilo que tu queres... Basicamente vai ter sempre em falta algo que gostarias na personalidade dele, mas depois olhas para as virtudes que te atraem e esqueces o resto...

Pelo menos vives no teu país e no meio da tua cultura, podes viver o amor na tua língua e identidade sócio-cultural! Eu vivo no meio duma cultura "alien" que não me diz muito e para agravar tenho "febre amarela" o que me obriga a ceder em muita coisa...

Retrato de MOPA
Sex, 08/02/2019 - 10:19
MOPA:
Membro desde: 23.06.2015

Olá!
É normal estares em baixo, afinal saíste de uma relação na qual depositavas algumas expectativas.
É normal pensares que não vais encontrar uma pessoa certa para ti. Mas garanto-te que vais encontrar. Se for preciso até nos locais mais estranhos… Imagina lá que não é num hospital no qual possas vir a trabalhar? Sim, vais ser médica, vai lidar com tantas pessoas que com toda a certeza uma delas será o teu par! Até dedicas-te ao teu curso, tornas-te médica, salvas vidas, e num dia, sem estares à espera aparece o "tal". No entanto não te esqueças que o homem perfeito não existe, existe é aquela pessoa que partilha os mesmos objectivos, ambições de vida, que nos ajuda quando precisamos e nós ajudamos quando ele precisa. Vão sempre existir diferenças, mas isso com conversa e compreensão contornam-se as diferenças.
Hoje em dia as pessoas casam-se cada vez mais tarde… ou porque se dedicaram à carreira, ou porque não encontraram a pessoa certa ou simplesmente porque estavam bem como estavam. Estás "apenas" com 26 anos… não stresses… tudo se vai encaminhar…A sério que sim!!!!
Tudo a correr bem!
Mopa

Retrato de thegirlnextdoor
Sex, 08/02/2019 - 14:54
thegirlnextdoor:
Membro desde: 07.02.2019

Muito obrigada pelas tuas palavras!! Espero que tenhas razao!! Beijinhos

Retrato de Konigvs
Sáb, 09/02/2019 - 09:30
Konigvs:
Membro desde: 21.10.2011

Permite-me corrigir MOPA:

São cada vez mais as pessoas que hoje em dia decidem não casar! Em Portugal o casamento é uma instituição completamente falida, onde existem 70% de divórcios.

E segundo os dados oficiais, em Portugal, mais de metade dos bebés que nascem, são filhos de pais que não estão casados, o que se prova que Portugal não é o típico país do sul da Europa, visto que na Europa isso só acontece nos países nórdicos.

Quanto às ansiedades da autora do tópico é ter calma porque as coisas têm de acontecer naturalmente. Não é forçando que se encontra o amor. O amor é que tem de nos encontrar a nós.

E nem sempre é tudo fácil. Estou-me a lembrar de um colega que namora com uma médica que começou agora a trabalhar num hospital a 200Km de onde ele vive, e ela assinou contrato por seis anos. E ele quer muito ter filhos e no entanto ela agora vai ficar "presa" longe dele. Nada é fácil... Quando encontrares o amor logo terás outro desafio para superar.
Deixa as coisas acontecer naturalmente

Retrato de Grim Reaper
Sáb, 09/02/2019 - 19:48
Grim Reaper:
Membro desde: 29.04.2017

Divides os homens em sapos e príncipes, foi uma saída infeliz que tiveste. Aposto que se fosse ao contrário não ias apreciar? Virem dizer de ti num fórum público que foste um animal qualquer?

Não há melhor ou pior, há apenas pessoas diferentes e ninguém é perfeito. O teu tópico parece vir disfarçado de anúncio, pode ser que tenhas sorte, mas há sapos disfarçados de príncipes.

Terminas frases a rir e o tom geral, só me faz lembrar de uma empregada de mesa que falava como tu e tinha uma gargalhada forçada no final, irritando-me, uma vez que fui almoçar a um restaurante.

Ambicionas uma vida banal e aborrecida, falas do passado de forma pouco importante. Respondeste apenas à utilizadora feminina no teu tópico, era para ser apenas uma conversa de gajas?

Olá malta.
Ja acompanho este forum ha algum tempo, mas so agora tive coragem de postar qualquer coisa.

Tenho 26 anos acabados de fazer e estou a acabar o meu curso de Medicina Acho que sou uma pessoa interessante fisicamente,sou minimamente culta, sei ter uma conversa, mas parece que o amor nao quer nada comigo. Durante a minha adolescencia tive os meus namoricos (nada de sério), as coisas acabavam e eu ia à minha vida. No entanto cheguei a uma fase da vida onde já nao quero andar a perder o meu tempo com curtes e quecas lol. Sinto vontade de me casar e ter filhos, gostaria de encontrar um rapaz sério para isso, mas sinto que é dificil hoje em dia. Recentemente acabei um relacionamento com alguem com quem já tinha alguns planos para o futuro e estou um bocado em baixo por causa disso. Ja ha uns 2 anos q ando à procura da pessoa certa para mim, mas parece que só encontro sapos. Ahahah
Entretanto ando com a paranóia de que nunca vou encontrar ninguem e vou ficar sozinha para o resto da vida ( isto até me tem trazido ansiedade).
Gostava de saber se ha mais alguem.por aqui que se sinta tal como eu me sinto e também queria saber a vossa opiniao sobre o meu estado de alma aha!

Cumprimentos para todos!

Retrato de MOPA
Seg, 11/02/2019 - 11:10
MOPA:
Membro desde: 23.06.2015

Konigvs:
Sem qualquer tipo de problema! Sem dúvida que hoje em dia casa-se cada vez menos. Muitas pessoas não tem necessidade de "assinar o papel". Existem muitas razões para não casar e outras tantas razões para casar. A thegirlnextdoor quer casar e ter filhos. Quando encontrar a pessoa certa para ela, depois será com certeza um assunto para decidirem. Hoje em dia existem tantos conceitos de família… homem + mulher + filho/s (eventualmente) ou homem + homem + filho/s (eventualmente) ou mulher + mulher + filho/s (eventualmente), famílias monoparentais… desde que sejamos felizes todo o tipo de família é válido, afinal a vida é curta demais para sermos infelizes…
Tudo de bom!
Mopa

Retrato de Konigvs
Seg, 11/02/2019 - 18:01
Konigvs:
Membro desde: 21.10.2011

Totalmente de acordo!, ainda que eu ache que as pessoas andam um bocado perdidas, muitas vezes sem saberem muito bem o que querem. Tal como acho que as pessoas estão constantemente a arranjar desculpas para não se sentirem felizes. Mas o importante é que cada um seja feliz à sua maneira!

Post