Ferida/fissura vaginal | Page 31 | A Nossa Vida
916 entradas / 0 new
Última entrada
Retrato de annamaciel
Sex, 14/06/2019 - 02:55
annamaciel:
Membro desde: 14.06.2019

Olá,

Tenho essas fissuras depois de uma crise de candidíase , são terríveis. Chega abrir 4 a 5.
Não sei o que fazer, dói muito na relação e as vezes abre sem fazer relação sexual. Apenas abre durando o dia..
vou comprar essas pomadas que estão falando para ver, fiquei com muito medo que nunca mais melhorasse 😔
Se alguém souber de mais medicamentos só falar

Retrato de naana.c
Qui, 22/08/2019 - 20:26
naana.c:
Membro desde: 22.08.2019

Tive algo idêntico ao seu caso. Fiz tratamento para herpes por 10 dias quando essas feridas da foto apareceram, e foi resolvido. Porém após 2 semanas sem relação quando fui ter apareceu um pequeno cortezinho entre o anus e a vagina, esperei mais 2 semanas sem tentar nada e consegui ter relação mas percebi que o corte abriu novamente.
Irei realizar o tratamento com a pomada de neomicina+ bacitracina e bepantol para ver se me livro deste problema. Volto para compartilhar os resultados pois este fórum me ajudou demais!

Retrato de leonorcc
Sáb, 21/09/2019 - 23:28
leonorcc:
Membro desde: 21.09.2019

Olá meninas!
Sou de Portugal e estou há 2 anos com o mesmo problema. Basicamente há cerca de 2 anos apareceu-me uma fissura interna na vagina (mas visível), sendo que não consigo ter relações sexuais sem serem muito dolorosas e acabo a maior parte delas mesmo a chorar. Esta fissura deita um pouco de sangue e só aparece durante/após a penetração sexual, ou seja, passado um dia ou mesmo umas horas, ela já não é visível pois "fecha". Isto tem sido um enorme problema pois já fui a tantos ginecologistas que já nem tenho conta e quando lá vou aparentemente "não tenho nada" pois como já expliquei, só aparece com a penetração. Já me receitaram várias coisas e passei estes anos a gastar dinheiro em tratamentos que não deram em nada e o ano passado a minha ginecologista chegou ao ponto de me fazer uma intervenção onde injetei ácido hialuronico na zona para ver se dava mais elasticidade, porém, nada. Cheguei também a usar mesmo uma pomada anestesica para sentir menos a zona e conseguir ter relações sexuais, mas mesmo assim me doía e aparecia sempre a tal fissura.
Estou muito esgotada psicologicamente porque isto acaba sempre por afetar a minha relação com o meu namorado e também comigo mesma. Sempre consegui ter relações sexuais normais até ao aparecimento desta fissura e estou cansada de ouvir ginecologistas a dizer me que é "psicológico" e que me estou contrair quando na verdade isto me apareceu completamente de um dia para o outro e eu sempre estive muito à vontade com o meu namorado.
Não consigo explicar o quão emocionada me senti quando li as mensagens que mandaram para aqui e por saber que existem mulheres com um problema exatamente IGUAL ao meu.
Sei que muitas destas mensagens já têm anos e muito provavelmente quem escreveu já não vai ver isto mas, alguém sabe de como me ajudar? Muito obrigada!!

Retrato de Trebaruna
Sex, 27/09/2019 - 20:09
Trebaruna:
Membro desde: 24.08.2013

Olá Leonor,

Sei exactamente o que isso é, eu comecei a ter esse problema após várias crises de candidíase. Depois descobri que o uso prolongado da pílula (que deixei há dois anos) faz com que a mulher perca grande parte do desejo sexual e também a sua lubrificação natural.
Confesso que não lhe posso dizer se estou não tratada, porque perdi o total interesse sexual no meu marido. No entanto, notei que recuperei a lubrificação natural, bem como desejo sexual embora não passe à prática.
Consegui controlar a candidíase com kefir e óleos essenciais de tea tree e calêndula adicionando algumas gotas na água do bidé.
Voltei a conectar-me comigo e a seguir a minha intuição, mas ainda não resolvi tudo... neste caso, o meu casamento.

Retrato de MrsFaithfull
Dom, 29/09/2019 - 21:42
MrsFaithfull:
Membro desde: 24.04.2019

Por favor, se alguém tiver encontrado alguma solução ou medicamento que tenha ajudado, não deixem de postar aquii!

Retrato de Isabel Fetter
Sáb, 02/11/2019 - 22:13
Isabel Fetter:
Membro desde: 14.01.2019

Oi meninas! Eu já tinha vindo aqui no começo do ano contar a minha história com essas fissuras (que apareceram após uma forte candidíase) e quando escrevi aqui tinha conseguido “curar”, mas logo após os dias de felicidade, as malditas fissuras voltaram... usei bepantol, bepantriz, neomicina+bacitracina e por fim comprei a elastolabo que algumas de vocês já tinham recomendado, porém nenhuma delas deu certo pra curar de vez esse pesadelo. Mas dessa vez venho com notícias boas e trazendo esperanças pra vocês, pois eu finalmente me curei parando o anticoncepcional (sim, acreditem), parei fazem três meses e desde então nunca mais voltaram a aparecer. Fiquei muito frustada nesses últimos meses mas é bom finalmente poder voltar a transar sem me preocupar, espero que de certo para vocês também gurias! Não percam a fé

Retrato de Isabel Fetter
Sáb, 02/11/2019 - 22:16
Isabel Fetter:
Membro desde: 14.01.2019

Sobre o elastolabo, comprei de uma farmácia de portugal e com o frete deu 100 reais, porém usei a pomada e me deu uma reação muito forte e cheguei até a ter candidíase por conta do uso frequente, pra mim não deu certo, um dinheiro jogado fora

Retrato de TCKO
Seg, 11/11/2019 - 17:00
TCKO:
Membro desde: 18.10.2018

Meninas, vim contar o desfecho da minha história.
Fiquei 3 anos sofrendo com essa fissura, e nenhum médico ou remédio/pomada resolviam meu problema. Tentei de tudo.
Achei que teria que conviver com isso e nunca mais ter relações saudáveis e prazerosas.
Até que, por causa de uma pedra na vesícula, tive que interromper o uso do anticoncepcional que eu já tomava há 4 anos.
No mesmo mês a fissura já melhorou e nunca mais apareceu!!! Aposentei todas as minhas pomadas e até mesmo o lubrificante!
E eu nunca acreditei que pudesse ser isso, porque minha ginecologista era a maior defensora da pílula e eu sempre usava muito lubrificante em todas as relações.
Mas mesmo assim, de algum modo, a fissura estava relacionada com o uso de anticoncepcional.
Acho que quem faz uso, vale a pena tentar interromper ou trocar o método anticonceptivo!
Eu nunca mais chego perto!
Desejo melhoras para todas!

Retrato de TCKO
Seg, 11/11/2019 - 17:00
TCKO:
Membro desde: 18.10.2018

Meninas, vim contar o desfecho da minha história.
Fiquei 3 anos sofrendo com essa fissura, e nenhum médico ou remédio/pomada resolviam meu problema. Tentei de tudo.
Achei que teria que conviver com isso e nunca mais ter relações saudáveis e prazerosas.
Até que, por causa de uma pedra na vesícula, tive que interromper o uso do anticoncepcional que eu já tomava há 4 anos.
No mesmo mês a fissura já melhorou e nunca mais apareceu!!! Aposentei todas as minhas pomadas e até mesmo o lubrificante!
E eu nunca acreditei que pudesse ser isso, porque minha ginecologista era a maior defensora da pílula e eu sempre usava muito lubrificante em todas as relações.
Mas mesmo assim, de algum modo, a fissura estava relacionada com o uso de anticoncepcional.
Acho que quem faz uso, vale a pena tentar interromper ou trocar o método anticonceptivo!
Eu nunca mais chego perto!
Desejo melhoras para todas!

Retrato de TCKO
Seg, 11/11/2019 - 17:01
TCKO:
Membro desde: 18.10.2018

Meninas, vim contar o desfecho da minha história.
Fiquei 3 anos sofrendo com essa fissura, e nenhum médico ou remédio/pomada resolviam meu problema. Tentei de tudo.
Achei que teria que conviver com isso e nunca mais ter relações saudáveis e prazerosas.
Até que, por causa de uma pedra na vesícula, tive que interromper o uso do anticoncepcional que eu já tomava há 4 anos.
No mesmo mês a fissura já melhorou e nunca mais apareceu!!! Aposentei todas as minhas pomadas e até mesmo o lubrificante!
E eu nunca acreditei que pudesse ser isso, porque minha ginecologista era a maior defensora da pílula e eu sempre usava muito lubrificante em todas as relações.
Mas mesmo assim, de algum modo, a fissura estava relacionada com o uso de anticoncepcional.
Acho que quem faz uso, vale a pena tentar interromper ou trocar o método anticonceptivo!
Eu nunca mais chego perto!
Desejo melhoras para todas!

Retrato de TCKO
Seg, 11/11/2019 - 17:01
TCKO:
Membro desde: 18.10.2018

Meninas, vim contar o desfecho da minha história.
Fiquei 3 anos sofrendo com essa fissura, e nenhum médico ou remédio/pomada resolviam meu problema. Tentei de tudo.
Achei que teria que conviver com isso e nunca mais ter relações saudáveis e prazerosas.
Até que, por causa de uma pedra na vesícula, tive que interromper o uso do anticoncepcional que eu já tomava há 4 anos.
No mesmo mês a fissura já melhorou e nunca mais apareceu!!! Aposentei todas as minhas pomadas e até mesmo o lubrificante!
E eu nunca acreditei que pudesse ser isso, porque minha ginecologista era a maior defensora da pílula e eu sempre usava muito lubrificante em todas as relações.
Mas mesmo assim, de algum modo, a fissura estava relacionada com o uso de anticoncepcional.
Acho que quem faz uso, vale a pena tentar interromper ou trocar o método anticonceptivo!
Eu nunca mais chego perto!
Desejo melhoras para todas!

Retrato de TCKO
Seg, 11/11/2019 - 17:01
TCKO:
Membro desde: 18.10.2018

Meninas, vim contar o desfecho da minha história.
Fiquei 3 anos sofrendo com essa fissura, e nenhum médico ou remédio/pomada resolviam meu problema. Tentei de tudo.
Achei que teria que conviver com isso e nunca mais ter relações saudáveis e prazerosas.
Até que, por causa de uma pedra na vesícula, tive que interromper o uso do anticoncepcional que eu já tomava há 4 anos.
No mesmo mês a fissura já melhorou e nunca mais apareceu!!! Aposentei todas as minhas pomadas e até mesmo o lubrificante!
E eu nunca acreditei que pudesse ser isso, porque minha ginecologista era a maior defensora da pílula e eu sempre usava muito lubrificante em todas as relações.
Mas mesmo assim, de algum modo, a fissura estava relacionada com o uso de anticoncepcional.
Acho que quem faz uso, vale a pena tentar interromper ou trocar o método anticonceptivo!
Eu nunca mais chego perto!
Desejo melhoras para todas!

Retrato de TCKO
Seg, 11/11/2019 - 17:01
TCKO:
Membro desde: 18.10.2018

Meninas, vim contar o desfecho da minha história.
Fiquei 3 anos sofrendo com essa fissura, e nenhum médico ou remédio/pomada resolviam meu problema. Tentei de tudo.
Achei que teria que conviver com isso e nunca mais ter relações saudáveis e prazerosas.
Até que, por causa de uma pedra na vesícula, tive que interromper o uso do anticoncepcional que eu já tomava há 4 anos.
No mesmo mês a fissura já melhorou e nunca mais apareceu!!! Aposentei todas as minhas pomadas e até mesmo o lubrificante!
E eu nunca acreditei que pudesse ser isso, porque minha ginecologista era a maior defensora da pílula e eu sempre usava muito lubrificante em todas as relações.
Mas mesmo assim, de algum modo, a fissura estava relacionada com o uso de anticoncepcional.
Acho que quem faz uso, vale a pena tentar interromper ou trocar o método anticonceptivo!
Eu nunca mais chego perto!
Desejo melhoras para todas!

Retrato de Mjt
Qui, 14/11/2019 - 18:06
Mjt:
Membro desde: 21.10.2018

Meninas o que acham de criarmos um grupo de whats para trocar informações, ou caso já tenha um, por favor, me avisem

Retrato de Alice7655
Seg, 18/11/2019 - 20:33
Alice7655:
Membro desde: 18.11.2019

Olá, tenho 18 anos e pelo todos os relatos que li nesse fórum descobri que também estou com uma fissura vaginal, decorrida na minha tentativa em ter minha primeira vez (sem lubrificação nenhuma e sem ter atração física pela pessoa), que com o tempo ela fechou e não virou nada sério. Depois de uns meses tentei ter um nova tentativa com uma pessoa diferente que no momento é meu namorado, e senti apena um desconforto ( como se tivesse algo me rasgando por dentro) mas conseguia aturar a dor e o desconforto de boa. Após uns meses o desconforto se tornou em dor e um dia a ferida se abriu novamente, sangrou muito porque ela estava fechada faz praticamente 1 ano, chorei horrores e meu namorado se sentiu super culpado achando que a culpa era toda dele. Faz 5 meses que estou com essa fissura que se abre sempre que tento ou tenho relações, estou desesperada porque sou muito nova e sinto que deveria ter mais apetite sexual, tenho medo de perder a completa vontade de ter relações com penetração por causa disso

Post