Ferida/fissura vaginal | Page 25 | A Nossa Vida
916 entradas / 0 new
Última entrada
Retrato de Luisassss
Sex, 13/11/2015 - 04:46
Luisassss:
Membro desde: 13.11.2015

Que médico?? Sou de floripa tbm e estou com o mesmo problema!!

Retrato de Marigo
Seg, 30/11/2015 - 13:51
Marigo:
Membro desde: 14.09.2015

Olá! Também gostaria de saber o nome do médico em Floripa.

Retrato de Nina_SP
Ter, 01/12/2015 - 09:04
Nina_SP:
Membro desde: 22.08.2014

O nome do médico em Florianópolis é Edison natal Fedrizzi consultório tel:48-3039-9620, por sinal deve ser ótimo médico defende bastante a testosterona em alguns casos e da bastante atenção a este problema.

Retrato de Pauletez
Qua, 16/12/2015 - 14:25
Pauletez:
Membro desde: 28.07.2015

Meninas criei um grupo privado no Facebook para falarmos mais sobre o assunto e nos ajudarmos, quem quiser entrar sejam bem vindas e fiquem a vontade o grupo é fechado vcs podem achar mais só membros podem ver o conteúdo fiquem tranquilas

Retrato de LMacedo
Qua, 16/12/2015 - 16:22
LMacedo:
Membro desde: 25.11.2013

Muito boa a sua ideia Pauletez! Mas só sugiro que mude o nome, algo como "F.V - Fórum A Nossa Vida". Queria participar mas estou com receio pois mesmo não dando pra ver o que publicam ainda da pra perceber seus membros. Acho que mudando o nome do grupo além de centralizar o nosso problema (só esse fórum que encontrei em português relata exatamente o que tenho) vai atrair mais adeptas.
Muda a descrição também, coloca algo assim "Grupo criado para dar continuidade a discussão do fórum sobre f.v".
Eu não tenho problemas em mostrar para vocês quem eu sou, mas não quero que ninguém que eu conheça saiba desta minha condição.
Apenas uma sugestão ok?

Retrato de Pauletez
Qui, 17/12/2015 - 01:13
Pauletez:
Membro desde: 28.07.2015

Não posso mudar o nome pois outras meninas que sofrem do problema e não conhecem o fórum não terão acesso. Já temos alguns membros, algumas meninas que sofrem de cândida. Ele é fechado apenas para membros e so nos membros temos acesso a menbros e conteúdo

Retrato de darah
Ter, 29/12/2015 - 13:05
darah:
Membro desde: 29.12.2015

Meninas,

Criei minha conta hoje apenas para escrever aqui na esperança de talvez conseguir ajudar algumas de vocês.

Comentário à parte: apenas ao me cadastrar foi que notei que esse site é de Portugal, mas me parece que muitas meninas aqui são do Brasil... Eu sou do Brasil. Achei bem esquisito ter que colocar a data de casamento (passado ou futuro) no cadastro. Enfim..

Há quase um ano comecei a ter cortes no perínio/entrada da vagina quase todas as vezes que transava. Aos poucos foi ficando pior e mais constante. Muitas vezes ardia mais que o normal e às vezes doía ou parecia difícil para iniciar a penetração.

No início eu achava que era falta de excitação, ou lubrificação, ou porque o sexo tinha sido mais agressivo, ou porque eu estava com candidíase... Mas foi ficando pior e mais constante, então comecei a achar que algo estava errado.

Procurei meu médico.

Primeiro ele suspeitou da pílula, que poderia estar afinando o tecido devido aos hormônios. Então cortei a pílula. Pareceu melhorar um pouco, mas depois piorou de novo.

Então meu médico testou a idéia dos cortes serem assaduras. Passei pomada para assaduras de bebê. Mas parecia que a pomada irritava ainda mais do que aliviava.

Tomei remédio para candidíase. Nada.

Passei candicort. Nada.

Comecei a ficar desesperada. 6 meses, 7, 8.... e a coisa foi piorando. Nada ajudava.

Comecei a pesquisar na internet, e então encontrei esse blog. A mim não ajudou em nada. Vi que há dezenas de mulheres com o mesmo problema que eu, lutando há anos para melhorar, sem resultado. Comecei a achar que não havia solução. Que eu não teria mais vida sexual.

Meu namorado me dava todo o suporte. Dizia para eu ficar calma, que nós porderíamos contornar isso. Mas nem o suporte dele me acalmava. Vamos nos casar em breve e eu queria uma vida sexual normal.

Eu já não lembrava mais o que era sexo normal. Sentia muita dor para começar. Tinha que ser com muita calma e não era legal. Depois que entrava, aquela dor passava, mas qualquer movimento meu abria um corte. Eu já não sabia se a dor era nervosismo ou parte do problema. Me sentia uma virgem, como se eu tivesse toda contraída. E depois vinham os cortes. O máximo que eu aguentava era papai-mamãe bem devagar e precisava de 3 dias para sarar.

Comecei a ter cortes mesmo sem sexo. Papel higiênico cortava. Ardia muito.

Me desesperei, chorava muito. Falei com meu médico e ele me dizendo para ter calma. Disse que pra tudo tem solução, que nunca tinha visto um caso desse não ter cura, mas que às vezes demorava para identificar qual era o problema.

Então ele começou a suspeitar de LIQUEN.

Eu pesquisei na internet sobre isso e achei que os sintomas não batiam muito com os meus. Não levei fé. Depois de tudo o que eu li aqui e de tanto tempo tratando sem uma resposta positiva, eu não achava que teria solução.

Mas teve.

Meu médico me passou uma pomada a base de cortisona, para usar 2x ao dia. Em duas semanas senti uma certa melhora. Os cortes diminuíram de intensidade e a penetração não doía mais tanto.

Então meu namorado viajou e eu parei de usar, pois os cortes não eram mais espontâneos. Eu sentia que estava bem. Tocava para testar e não abria mais corte nenhum.

Quando ele voltou de viagem, a primeira transa foi terrível. Chorei muito. Vi que o tratamento não tinha adiantado de nada, achei que fosse ficar assim pra sempre.

Voltei no meu médico e ele me disse pra ter paciência. Pediu que eu voltasse a usar a pomada de cortisona todos os dias. Ele me passou uma pomada diária e outra para usar quando abrisse o corte.

Ele chegou a ligar para 2 médicos especialistas em identificar liquen vaginal e os dois disseram para ele que não adiantaria eu fazer o exame físico porque meu estado era muito inicial e o exame visual não detectaria nada. Porém, confirmaram que se o tratamento com cortisona funcionasse, isso era sinal de que eu realmente estava com liquen.

Continuei usando por 1 mês e fui sentindo uma melhora óbvia. No entanto, como também não é aconselhável utilizar cortisona por período prolongado e o próprio cortisona poderia começar a afinar a pele, meu médico pediu para depois de mais 15 dias trocar a pomada de cortisona por Tarfic.

Depois de quase 1 ano de sufoco e 4 meses de ter iniciado o tratamento com cortisona seguido de tarfic, posso dizer que estou curada! Estou usando Tarfic apenas de 2 a 3 dias por semana, apenas por prevenção, e em breve vou ao médico para saber se devo parar o tratamento por completo.

Mesmo que eu precise manter o Tarfic pra sempre, não me incomodaria em nada, pois tudo voltou ao normal. Agora eu lembro como sexo era algo simples e sem dor!

Eu não li tudo o que já foi escrito aqui, mas nos posts que eu li nunca vi ninguém mencionar LIQUEN (o problema que eu tive), CORTISONA (pomada que me curou) ou TARFIC (pomada de manutenção). Então eu fiz questão de me cadastrar para passar essa informação a vocês na esperança de ajudar alguém!

Meninas, por favor não usem a pomada sem falar com um médico, mas acho que é um ponto que vocês podem levantar com o médico de vocês, caso os sintomas de vocês sejam parecidos com os meus.

Lembro a vocês que eu pesquisei na internet sobre LIQUEN e eu não achava que eu tinha isso, mesmo com meu médico dizendo que poderia ser, pois eu achava os sintomas muito diferentes dos meus. Eu não tinha placas brancas nem nada parecido. Apenas sentia uma dor inexplicável no início da penetração (e no início nem isso eu sentia) e abriam cortes com facilidade.

Espero ter ajudado alguém!

Retrato de sabrin
Ter, 29/12/2015 - 17:38
sabrin:
Membro desde: 22.10.2015

Darah, fiquei muito feliz com seu comentário e acredito que ele pode sim nos ajudar!! Obrigada mesmo! Mas gostaria de saber qual seria o nome dessa pomada de cortisona!e dessa outra pra quando o corte abria!

Retrato de darah
Qua, 30/12/2015 - 02:32
darah:
Membro desde: 29.12.2015

Claro!
Eu usei primeiro hidrocortisona (tem varias marcas, é só procurar pela substância) e depois comecei a usar Neosporin quando abria um corte. Depois fiquei direto na Neosporin mesmo, até passar pra Tarfic.

Ps. Antes eu também havia tentado tratamento com Colpotrofine, mas pra mim também nao adiantou. Pode ser que adiante pra alguém.

Retrato de Fabiana-
Qua, 30/12/2015 - 21:29
Fabiana-:
Membro desde: 08.12.2014

Darah, muito obrigada por ter contribuído com seu tratamento. Acredito que você abriu uma luz no fim do túnel para nós, agora estamos pesquisando melhor sobre Líquen!
Temos um grupo no WhatsApp, das meninas que sofrem com a fissura, caso você tenha interesse em participar será super bem vinda e de grande valia para nós os seus relatos. Só mandar um e-mail com o seu nr. para [email protected] que peço para te adicionarem.

Grande abraço.

Retrato de Pauletez
Sáb, 02/01/2016 - 07:07
Pauletez:
Membro desde: 28.07.2015

Olha eu lendo agora sobre o liquen até chorei pensando que pode ser esse o meu problema em tudo a encaixa, e como nenhum Ginecologista pode perceber isso. Falarei com certeza na próxima consulta. Enfim espero achar a solução obrigada Darah.

Retrato de Simone Cordeiro
Sex, 08/01/2016 - 02:07
Simone Cordeiro:
Membro desde: 01.01.2014

Tenho o mesmo problema já a 1 ano e sei como é frustante,a última ginecologista que passei me passou a pomada Kollagenase, pois disse que a pele está fina e por isso se rompe a cada relacao, disse que com essa pomada a pele vai engrossando e aguenta melhor a penetracao, não sei se dará resultado, pois ela deixou claro que devo ter paciência pois é um tratamento demorado,mas caso dê algum resultado com ctz irei compartilhar...

Simone Cordeiro

Retrato de JoanaFC
Sáb, 09/01/2016 - 00:47
JoanaFC:
Membro desde: 09.01.2016

Boa noite meninas eu sou nova por aqui e gostaria de deixar o meu testemunho. Fui ao gino para tratr uma candidiase la tomei o medicamento e quando repito a analise apareceme uma bacteria chamada UREOPLASMA. Nada de mais segundo o medico mas precisava d eser eliminada.. tomei antibiotico de 3 dias - azitromicina - onde nao passou. O gino disse que era normal em muitas mulheres que nao faca logo efeito. Usei entao outro antibiotico. repeti a analise e aparece me outra bacteria GARDENERELLA. Fiquei frustrada e muito em baixo ... Fiz medicacao e nada! repeti a analise e continuava la! tomei de novo um antibiiotico e la passou. O que aparecia era que tinha a flora vaginal em baixo entoa apliquei um gel no interior da vagina recomendado pelo medico. A questa foi que no meio disto tudo, tinha dor a ter relacoes... erguntei ao gino o porque e ele disse que seria destas bicharocos todos... Entao eu forcava sempre um pouco (assim q deixasse de ter estes bichaorocos todos ia ficar tudo bem) ate ao dia que o meu namorado me ve e vejo um corte/fissura na entrada da vagina... Fiquei assustada! E acabei de perceber que nao sentia dor nenhuma no dia a dia so quando ia ter relacoes... Deixei de ter relacoes durante imenso tempe e antes de tentar alguma coisa o meu namorado via se tinha la algo e nada.. fissura nem vela mas sempre que ia tentar ter relacoes a maldita fissura abria.. fui ao gino onde ele me receitou ELESTOLABO uma pomada de gravida para massajar 10m por dia no perinio para ter mais elastecidade. Atencao que sempre me queixei da fissura mas o gino nunca conseguia ver! Ate que ele pede para tirar foto e depois mostrar. Disse para aplicar a pomada durante 15 dias , tentar ter relacoes e depois ir la. Foi o que fiz... tenho ja 2 cortes/fissuras onde ja sangra e ja se ve sem ser nas ftoos! esta pior Sad agora ele quer que faca uma biopsia onde consiste tirar um pouco do tecido - vou levar anestsia local e levar um ponto. Falou ate que poderia ser virus HPV.... mas disse para nao me preocupar
Alguem ja fez?
Alguem me ajuda?
Obrigada a todas

Retrato de Ísis_RJ
Seg, 11/01/2016 - 12:25
Ísis_RJ:
Membro desde: 18.07.2014

Bom dia meninas!
Acompanho o forum há algum tempo e até já postei aqui, e cada vez que entro novamente fico com receio de postar alguma coisa e o meu quadro mudar.

De qualquer forma, descobri que a minha fissura decorre de VULVODÍNIA, já citada por outras meninas.
Vulvodínia é uma dor perineal que pode ser local ou generalizada. No meu caso é local. Então, cada vez que eu tinha relação, quase morria de dor, contraía o períneo e dai a fissura aparecia.

A gine me passou uma pomada manipulada que, como a de muitas, tem na composição testosterona, além de gabapentina e outros componentes. Essa pomada ajudou muito a não mais abrir a fissura. Mas se eu deixar de usá-la é batata: a fissura volta.

Além disso, depois de tanto pesquisar e de inúmeras consultas com médicos, acredito que o problema da fissura não seja isolado. O que eu quero dizer é que a fissura é a ponta do iceberg. Na minha opinião ela não aparece sozinha; ela pode ter diversas causas por trás, como candidíase, vulvodínia, vaginismo, etc.

A vulvodínia é difícil de ser tratada, e até hoje eu estou em procura da cura. Já estou bem melhor que antes, porque nem conseguia ter relações, mas ainda sinto muita dor.

Enfim, pode ser uma luz no fim do túnel! Não percam a fé!

Retrato de Sheila123
Qui, 14/01/2016 - 02:07
Sheila123:
Membro desde: 14.01.2016

Gente também sinto o mesmo que vocês. Já fui varias vezes ao ginecologista e fui diagnosticada com vaginismo. Então fui para uma sexóloga, tentou me dilatar mais não tive melhora . Depois foram passada pomadas e também nada adiantou. Então eu e eu namorado encontramos um jeito que esse incômodo melhorar... Compramos pomadas de xilocaina e passamos no local onde ocorre a fissura e então melhora muito na hora da relação, não sinto nenhuma dor porém depois que passa o efeito da anestésico após o sexo, bem após começa a sentir dor.. Mas pelo menos ajudou bastante na hora do sexo! Espero que eu tenha ajudado pois vendo o relato de vcs sinto o mesmo, da mesma maneira! Um beijo e me contem o que acharam

Retrato de JoanaFC
Qui, 28/01/2016 - 18:59
JoanaFC:
Membro desde: 09.01.2016

Ola "M e R"
Falaste da pomada cilcafate AVENE. eu usei a pomada porque fiz BIOPSIA devido a fissura e cicatrizou muitooo bem !! agora se resulta na fissura ja nao sei .. mas sei que a pomada resulta.
Nao desistas.

Retrato de LMacedo
Qui, 28/01/2016 - 20:38
LMacedo:
Membro desde: 25.11.2013

Que pena Pauletez, queria poder participar do grupo do face mas qualquer novidade poste aqui. Pelos relatos da maioria isso é causado devido a uma candidíase mas não sei se tem relação de fato. Eu sei que só os membros tem acesso ao conteúdo mas eu por exemplo que não sou participante posso ver todos os membros. Ah, e você disse que ia na ginecologista olhar sobre o liquen, já teve algum retorno?

Darah, esse tratamento pra líquen não é novo eu já li sobre ele aqui mas não me recordo bem se deu certo ou não. Que bom que deu certo pra você! Já parou de usar esses medicamentos e se parou a fissura não vem a quanto tempo?

JoanaFC, eu já quis fazer exame pra HPV mas minha médica disse que isso não tem nada a ver. Depois volta aqui pra nos informar o resultado?

Retrato de JoanaFC
Qui, 28/01/2016 - 20:56
JoanaFC:
Membro desde: 09.01.2016

Lmacedo eu nao sei o que tens.. Tens fissura, candida o que? Eu sou nova e nao li os comentarios todos...

Eu ja descobri o que causou a minha fissura.
Vou deixar o meu testemunho espero que ajude.

o meu maior problema sempre foi a fissura na entrada da vagina que sempre que tinha relacoes doia muito! Nunca mais consegui voltar a ter relacoes.. e o corte so aparecia na altura da relacao sexual e passado umas horas desparecia! Ora, como vai o medico avaliar algo que nem consegue ver?? Isto porque ele examinou-me 2 vezes depois de queixas minhas e nada entao ele pediu para tirar uma foto do tal corte parta lhe mostrar! entretanto disse para colocar uma pomada para a elastecidade - elestolabo - durate 1 mes e depois voltar a ter relacao sexual a ver se estava bom. A verdade é que percebi logo que a pomada nao ia dar resultado pois eu sempre que colocava (tinha que fazer massagem 10m antes dormir) e cada vez que passava la na zona da fissura doia.. era desconfortavel. Tive relacao, e a fissura piorou ate sangrou um pouco mas tirei a foto como o medico mandou. fui la de volta mostrei a foto e de seguida queixei me (mais uma vez) da candidiase e foi ai que ele disse que ja via o corte!! ou seja estava pior... mandoume fazer uma biopsia pq poderia ser algum virus HPV onde eu disse que era impossivel pois eu ja tinha feito dois papa nicolau em 6 meses e nada. Foi horrivel porque eu lido muito mal com o "desconhecido" e a biospia se soubesse o que sei hoje nao tinha entrado tanto em panico! Bom, la se realizou... fiquei uma semana sem me puder sentar e as dores eram ligeiras. Fui ao medico tirar os pontos e saber o resultado da biopsia. V.I.N alto grau. Meninas, chorei muito..... Isto é grave. Ainda por cima o Dr ate ficou muito admirado do estado em que ja estava (so comecei a ter queixas em outubro). Para quem nao sabe VIN é a fase anterior ao cancro da vulva.. como ele comentou comigo as pessoas so falam do cancro do colo do utero e esquecem-se do resto!!! vin é neoplasia intraepitelial da vulva - (tumor pele da vulva). Vou comecar fazer quimioterapia (nao dessas intravenosas) , durante 3 meses passar uma pomada que vai deixar a minha vagina (no sitio da fissura) com queimaduras em 1º grau. Depois vou ter que repetir a biopsia e se nao passar vou ter que fazer a laser onde da queimaduras de TERCEIRO GRAU!! Ai meu deus... Nao vim aqui lamentar-me mas vim alertar para insistirem nas coisas e nao deixar passar...

Estou mesmo muito em baixo, tenho 22 anos e devia de estar no auge da idade nao é assim? As vezes pergunto-me que mal fiz eu para merecere tanto castigo... (eu ja tive imensa coisa nem foi so isto)

COMO JA LI AQUI - INSISTEM NA BIOPSIA!!!!!! SEMPRE!!!!!

Boa sorte a todas.

Retrato de LMacedo
Qui, 18/02/2016 - 20:01
LMacedo:
Membro desde: 25.11.2013

JoanaFC, eu tenho a fissura toda as vezes que vou fazer relação sexual, é um pequeno cortezinho (que durante um tempo só foi aumentando, depois de usar umas pomadas diminuiu) localizado na região chamada posterior fourchette. Já tive cândida também, mas isso foi antes da fissura ocorrer. Fiquei triste com o seu relato mas pelo menos agora você sabe o tem e como tratar, vai dar tudo certo! Seu relato me encorajou a pedir novamente os pedidos de exames para a minha ginecologista. Não fique chateada, logo depois do tratamento vai ficar tudo bem, também tenho quase a sua idade e sofro disso a um tempo já.
Mas enfim, de uns tempo pra cá eu estava mexendo na internet e achei um site onde dizia que essas fissuras eram causadas pelos anticoncepcionais. Desde o início da minha sexual eu uso anticoncepcional, primeiramente um com baixa dosagem hormonal (Minesse) e depois de suspeitar que isso seria a causa do meu problema passei a usar injetável (Mesygina), no intervalo em que troquei passei a usar duas pomadas que já escrevi aqui e a fissura sumiu durante um tempo relativamente bom (acho que foram sete meses) e nesses sete meses eu fazia sexo praticamente todo final de semana. Depois a fissura voltou e eu voltava com o tratamento, a fissura sumia, fazia sexo algumas vezes sem ela aparecer, depois voltava e ficava nesse ciclo sem fim. Em julho de 2015 eu resolvi parar de vez com os anticoncepcionais, eu já tinha um ano e seis meses usando a Mesygina, no primeiro mês em que eu fiz relação sexual a fissura abriu porém já li que os anticoncepcionais injetáveis contêm mais hormônios que os orais e não desisti, continuei minha saga em me "limpar" dos anticoncepcionais. Fiquei um tempo sem relações (coisa de três meses ou mais, parei até de contar pra não ficar louca) e esses dias pra trás após seis meses sem usar qualquer tipo de anticoncepcional hormonal tive relação e a fissura não abriu, não doeu, consegui todas as posições sem me sentir incomodada. Talvez os anticoncepcionais sejam sim a fonte desse mal para algumas, porém temos que ter paciência para vocês terem uma ideia o anticoncepcional diminuiu muito a minha menstruação e apenas mês passado que ela voltou com um pouco mais de intensidade. Qualquer novidade postarei novamente aqui.

Retrato de JoanaFC
Qui, 18/02/2016 - 23:49
JoanaFC:
Membro desde: 09.01.2016

Ola LMacedo,
AInda bem que consegui ajudar alguem...
Mas pelo que me disse , ja esta curada certo?? Que o seu problema estava nos anticoncepcionais....
Eu acho que o meu medico teve uma grande atitude. cortou o mal pela raiz.. qual a melhor maneira de se descobrir algo que nao passa com nada nada?
Atraves da biopsia... Eu nao sei se vao ao publico ou ao privado.. Mas eu estou no privado tenho seguro de saude porque se nao tambem nao sei ate que ponto estava curada Confused

Nunca mais ninguem publicou aqui nada...

Novidades meninas??

Retrato de LMacedo
Sex, 19/02/2016 - 15:56
LMacedo:
Membro desde: 25.11.2013

Então JoanaFC, não posso dizer que estou 100% curada porque já aconteceu outras vezes da fissura sumir e depois voltar mas com relação ao que era antes melhorou bastante.

Retrato de WRLF
Ter, 23/02/2016 - 19:55
WRLF:
Membro desde: 23.02.2016

Oi....
Finalmente alguém fala deste problema.... Eu também tenho essa "fissura". Não interessa o grau de lubrificação e excitação porque abre sempre. No meu caso não é mesmo a meio mas mais para o lado esquerdo. Arde, rasga e depois sai um fiozinho de sangue....
Estou preocupada mas confesso que ainda não fui ao ginecologista.
Qual foi a pomada natural que lhe foi receitada?
Isto parece estranho porque é como se a vagina tivesse perdido a sua elasticidade naquela zona, e é a zona de abertura por isso...está sempre a acontecer....
Doi, é desagradável e temos que nos abstrair da dor para conseguir continuar a relação sem a afetar....
Agradecia a sua colaboração.
Cumprimentos e boa sorte

Retrato de JoanaFC
Qua, 24/02/2016 - 00:06
JoanaFC:
Membro desde: 09.01.2016

Bem vinda WLRF
1º procurar um medico..
2º podera ser falta de elastecidade mas podera ser algo mais grave como foi o meu caso. Procurem um medico as vezes pode ser tarde de mais...

Se for falta de elastecidade, ira recuperar rapidinho. Se nao passar algo grave poderá ser... mas procure um medico sempre. Por favor nao se ande a automedicar é mesmo a pior coisa. E nem force a relacao sexual nunca!!
Espero que siga os meus conselhos para a cosneguir ajudar
beijinhos
JoanaFC

Retrato de LMacedo
Sex, 04/03/2016 - 00:32
LMacedo:
Membro desde: 25.11.2013

Oi meninas, resolvi colocar o DIU de cobre. Tenho quase certeza que esse problema é causado devido ao uso do anticoncepcional, certeza absoluta só depois que esse problema não voltar mais. Conversei com minha ginecologista sobre ela disse:
"Os anticoncepcionais podem mesmo provocar um ressecamento da mucosa da vulva e vagina. Geralmente, o uso de pomadas cicatrizantes e lubrificantes ajuda, como aconteceu com você nos 7 meses em que não teve a laceração.
O DIU de cobre, que é o não hormonal, não é inicialmente indicado pra quem nunca teve filhos devido a um pequeno risco de infecção pélvica que pode obstruir as trompas, dificultando uma gravidez futura. Nesse ponto, o mirena, que é o DIU hormonal, é mais seguro, mas pode ter o efeito do ressecamento."
Alguém aqui já tentou parar de vez com o anticoncepcional e teve alguma melhora?

Retrato de Pipa91
Qua, 16/03/2016 - 13:10
Pipa91:
Membro desde: 16.03.2016

Bom dia meninas..
Bem como muitas tenho vindo a acompanhar este tópico e tinha o mesmo problema...
Bem quando me apercebi do problema, fui ao ginecologista que me receitou uma pomada para dar mais elasticidade a pele, comecei o tratamento e durante esse processo encontrei este tópico e li os comentários todos, e decidi deixar de usar o anel vaginal que para quem não sabe é exactamente a mesma coisa que a pílula.
Bem, posso dizer que estou sem usar anti concepcional à cerca de um mês e não tive mais fissura.
Tive relações com o meu namorado sem nenhum problema!!
Ah eu estive com este problema á mais de 1 anos...

Retrato de Carolina Lopes Brás
Qui, 17/03/2016 - 21:04
Carolina Lopes Brás:
Membro desde: 19.01.2014

Parei de tomar a pilula a cerca de 4 ou 5 meses e a fissura so apareceu 2x desde entao. Ha 1 mes que nao tenho sinais dela e tenho estado muito mais lubrificada e sinto bastante mais prazer. a minha autoestima aumentou e a minha libido tambem. Espero continuar assim pois se voltar tudo ao ponto inicial vou ficar ainda mais desmoralizada visto que so tenho 20 anos. Quero so acrescentar que devem ter cuidado com o preservativo pois pode provocar mais fricção e levar a fissura a abrir, e que cheguei a conclusão que hidratar a vagina (interior e exteriormente) com um gel todos os dias (mesmo que seja um lubrificante a base de agua) ajuda na elasticidade e resistencia da mesma (embora seja necessario uma aplicação constante e os resultados nao sejam imediatos nao deixem de o fazer). Continuarei a acompanhar, bjs!

Carpe diem

Retrato de a s p
Qui, 17/03/2016 - 22:02
a s p:
Membro desde: 09.02.2016

Olá meninas ! Eu tive um problema muito parecido, como podem ver no meu post (http://anossavida.pt/forum/cortes-vaginais), já não sabia o que fazer... Quando fui ao médico ela disse que estava mesmo muito vermelho e com mau aspecto e que devia ser um fungo. Eu andei a tomar "Gyno Pevaryl", que traz um creme vaginal e óvulos, eu meti a pomada durante uma semana e passou. Depois disso eu já tive relações, e não voltou a aparecer até agora.

Espero que melhorem.

Retrato de Carolina Lopes Brás
Sáb, 19/03/2016 - 12:53
Carolina Lopes Brás:
Membro desde: 19.01.2014

Não creio que o problema da maioria dessas mulheres seja isto pois por exemplo no meu caso tenho várias candiases e já tomei muitos antifúngicos e mesmo quando não estou com candidase a fissura aparece. Tudo isto acontece devido ao meu passado de infeções urinárias recorrentes em que devo ter tomado uns 20 antibióticos o que destruiu a minha flora vaginal

Carpe diem

Retrato de VVANY
Seg, 28/03/2016 - 18:16
VVANY:
Membro desde: 28.03.2016

Olá! Estou fazendo uso dessa pomada (Creme Vaselinado de proprionato de testosterona 5%, a menos de uma semana... Porém, hoje notei um corrimento marron, sem cheiro, vcs tiveram algum efeito colateral? Ela não corta o efeito do anticoncepcional?
Estou sem saber, se continuo o uso

Retrato de Cris9106
Ter, 29/03/2016 - 02:24
Cris9106:
Membro desde: 29.03.2016

Nao consegui achar o grupo pelo nome, pode postar o link? Temos um grupo do whats app de umas 40 meninas daqui do forum, se quiser q add so colocar o fone aqui...