Desabafo - dilema | A Nossa Vida

Desabafo - dilema

Retrato de gatita5
18.08.2016 | 23:39
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Boa noite!
Sei que já existem muitos tópicos com este assunto, mas estou a precisar de desabafar. Estou numa relação/união de facto cerca de 12 anos, por ele deixei de falar com os meus amigos (uma vez que só tinha praticamente do sexo masculino).
Indo ao assunto, o meu companheiro trocou (penso que ainda envia mesmo alegando que não)mensagens com a colega de trabalho, apanhei uma delas pelo whatsapp ela dizia amo-tee, quando o confrontei não reagiu nada bem, e eu liguei à sujeita a solicitar explicações,ela disse que alguém tinha acedido às contas dela, etc. Da conversa concluí que ela estava interessada nele mesmo que ela afirmasse o contrário, ). O meu companheiro admitiu que esteve mal, que não lhe deu a entender que queria algo, apenas respondia, e que nunca existiu contacto físico, e que ela não lhe interessa, não só pq já tem um filho de 8/9 ou 10 anos, como também ela não pode ter mais filhos (que é o sonho dele e deu a desculpa/motivo que foi p eu ainda não querer ter filhos é que se deixou levar pela atenção dela) mas que me ama, é comigo que quer estar).. Em inicio de Agosto outra fulana que trabalha na pastelaria que ele frequenta pediu amizade no face, meteu conversa com ele, como eu descobri, ele mandou msg a dizer que era comprometido, e ela disse que o iria tratar apenas como cliente, ele disse que nunca lhe deu razão para ela se meter com ele... que ela é feia (não gosto quando alguém faz essas comparações). Acredito que com a individua da pastelaria tenha parado a confiança ,contudo, com a colega de trabalho ele foge ao assunto e diz para eu confiar que vai resolver a situação à maneira dele, que ela não é nada de jeito, etc. Mesmo que seja apenas para lhe encher o ego, não é certo brincar com as pessoas e trair outras. Estou esgotada, não consigo pensar, sei que se estivesse normal nunca admitiria isto, sinto-me humilhada, desrespeitada e Não sou adepta de segundas oportunidades, será que ele merece o beneficio da dúvida. Obrigada.

RESOLVIDO


Retrato de teixeira802
Sex, 19/08/2016 - 15:06
teixeira802:
Membro desde: 12.08.2014

12 anos é muito tempo e penso que não deves de te precipitar na decisão mas se realmente já não aguentas salta fora. no entanto como homem deixa-me perguntar: ele deixou de ter interesse em ti ? elogios , sexo, carinhos ???

Retrato de gatita5
Sex, 19/08/2016 - 23:22
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Boa noite Teixeira802, não, ele revela interesse e parece arrependido. Admito que eu estava a passar uma fase menos boa (problemas pessoais e familiares, não relacionados com ele, contudo, poderá ter afectado um pouco a relação)no entanto, acho que ele devia ter falado comigo, em vez de iniciar o problema mencionado, foi no mínimo falta de maturidade.

Retrato de phiona
Sáb, 20/08/2016 - 00:19
phiona:
Membro desde: 21.04.2008

a minha opinião, e somente isso: estás a ser enganada e traída à cara podre.
a outra fulana é uma porca ordinária que se presta ao papel de nº2 e ainda goza a tua cara.
e o miudo com quem estás, porque só pode ser um garoto, precisa de abrir a pestana e fazer-se homem, que é algo que ele ainda desconhece!!

estás sem amigos por causa dele? olha que pelos vistos ele nao se inibe de ter "amigas" !!!
apoia-te nas pessoas que tens contigo, que concerteza irão entender. tens mensagens, conversas, tens as provas todas à tua frente... ! se estavas numa fase menos boa, numa relaçao de 12 anos o que se espera é apoio, companheirismo, entendimento, carinho, atençao..... não é ir dar atenção a outras só porque "a minha namorada está chata".

o que eu faria? afastava-me. seguia com a minha vida sozinha e se alguem me perguntasse diria o que se passou. a vergonha é dele, nao tua!! mas definitivamente, eu afastava-me. e com tempo, mediante as atitudes dele (porque palavrinhas é facil), logo decidiria o que fazer.....

muita força. <3

phiona

Retrato de gatita5
Sáb, 20/08/2016 - 12:00
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Pelas atitudes dele começo a pensar que ele quer manter o que tinha com ela, prometeu-me algo que não tem cumprido. Mesmo que ele diga que não houve contacto físico, a meu ver as mensagens com outras são traição. Diz que vai resolver a situação mas está sempre a adiar, ora pq esteve fora do local de trabalho, ora pq ela nunca está sozinha na parte do escritório... Estou muito confusa e inerte como que dormente, não consigo tomar uma decisão.

Retrato de csofia_
Ter, 23/08/2016 - 07:26
csofia_:
Membro desde: 19.12.2012

Bem já são duas mulheres a procurá-lo, é um pouco estranho porque não se sabe que conversa ele teve com elas, ou se lhes deu algum tipo de esperança, a mulher da pastelaria fiquei com impressão q ela achava q ele era solteiro, e se o procurou no fb é porque costumavam falar...
Mas sinceramente tb posso entender o lado dele pq se ele quer filhos e você não então pode haver um conflito de interesses, acho que vocês deviam ter falado sobre isso no inicio da relação.
Agora não acredito q ele esteja a ser "perseguido" por essas mulheres, acho q pra elas o procurarem, alguma esperança ele deu.. voces têm de falar e decidirem o destino da relação.

Retrato de gatita5
Dom, 11/06/2017 - 18:46
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Agradeço as vossas respostas, estou a ponderar,quando falamos é para discutir... ele minimiza a importância do problema, que eu estou a dramatizar, ele é que é um imaturo e a secretária/colega de trabalho que o conhece cerca de 6 meses e no 4ºmes já dizia que o amava, o que é ridículo... para mais é psicóloga de formação nunca trabalhou na área(um à parte). Mas existe o medo de acabar com 12 anos de relação.
Se quiserem deixar mais opiniões eu agradeço, sei que sou eu que tenho que tomar decisão, mas ajuda ver os vários pontos de vista. Obrigada

Retrato de gatita5
Dom, 11/06/2017 - 19:00
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

1º Agradeço a explicação, no telemóvel tudo me parece difícil.

2º Sei o que é uma hipérbole, continuo a não entender a tal situação que: para o meu parceiro seria mais simples fazer as malas do que fazer as pessoas de parvas????

3º O motivo de me sabotar é que estou um caco, com 35 anos e uma vida com este homem e é difícil tomar decisões que sejam radicais.

4ºEle sempre foi muito reparador sim e flirt com todas, sempre foi assim até antes de namorar. Mas olhar todos olhamos, o problema é ser tão fixado em qualquer um/a.

5º Não sentes atraído por certas pessoas nem que seja na sua atitude, gostos e te identificas, com outras atrai-te fisicamente e com outras ambas as situações mencionadas?

Retrato de CACLR
Seg, 12/06/2017 - 09:30
CACLR:
Membro desde: 30.05.2017

Tens muitas dúvidas e nenhumas certezas. Mas ele traiu ou não? Só deu conversa? Tudo depende do tipo de conversa que ele deu. Palavras tuas ele sempre foi assim.

Não estou a dizer que a atitude dele é a mais correta mas ele é assim. Desde que não passe a barreira do desrespeito penso que falar com outras pessoas não é ofensa, mas lá está depende das conversas.

Se não te identificas com uma vida com ele pelas tuas dúvidas então o melhor é seguirem cada um para seu lado. Tens 35 anos e há por aí muito rapaz bom.

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 10:04
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Olá a todos,
CACLR tenho muitas dúvidas porque acho que o que ele fez é traição, mesmo que muita gente diga que não se não existir conotação sexual, se tu trocas mensagens a toda a hora e contactos telefónicos com outra pessoa que não o teu [email protected] quem é que fica para trás? Estavamos mal na relação e com problemas familiares antes, porém não é desculpa, ele diz que se deixou levar na conversa e na atenção que ela lhe dava. No final já admitiu que se iludiu e que ela era manipuladora... ele foi o único dos colegas que não verificou que ela era uma falsa e estava sempre a fazer de vítima para manipular... ele deixou isto arrastar meses quase um ano, eu disse que reparei através da conversa telefónica com ela que toda ela era hipocrisia,falsidade e manipulação. Acredito não ter existido sexo, mas estavamos a planear termos um filho e sinto que devia ter sido sincero. Eu andava insuportável com problemas familiares, mesmo assim eu não o faria só para me sentir bem e ter atenção.

Retrato de CACLR
Seg, 12/06/2017 - 14:21
CACLR:
Membro desde: 30.05.2017

Não é fácil mudar a nossa vida de um dia para o outro. Olha durante 9 anos namorei com um rapaz. Casei e desse casamento nasceu o meu filho. Um dia dei por mim a pensar que aquela vida que eu tinha não era com certeza a que eu queria para mim. O meu pai não me pôs no mundo para sofrer. O meu ex-marido ia para os cafés até quatro ou cinco da manhã quando não era mais. Então agarrei nos meus pertences e no meu filho e fiz-me á vida. Dói? Dói muito mas se não pensares em ti podes ter a certeza que mais ninguém vai pensar.

Depois vem a história de "por causa dos filhos é melhor aguentar". Aguentar? Eu só vivo uma vez. O meu filho continua a ser amado pela mãe e pelo pai. As crianças adaptam-se muito melhor que os adultos.

Um dia mais tarde vais olhar para trás e ver que desperdiçaste muitos anos (que não voltam) por um gajo que porque é lamechas te colocou de lado.

Cada segundo que desperdiçares com ele é um segundo que perdes da tua vida.

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 15:47
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Grim parece-me que estás a ser um idiota (desculpa ofensa), porém tens toda a razão, é difícil sair duma relação que dura mais de uma década, mesmo pesando os prós e os contras é complicado. Foi ele que esteve ao meu lado em situações que poucos estariam (garanto te).
Informo que eu não gosto, nem acho que fica bem ter um extrovertido, não andei à procura dum espécime específico, até porque de início eu ainda era mais do que ele. Com a idade eu quero é paz e sossego e ficar bem longe de dramas, e prefiro ambientes mais calmos com menos confusão. O problema dele não é ser extrovertido e sim ser um tolo de meia idade que precisa de atenção porque a companheira deixou de dar, não descurando a minha culpa.
Diz-me lá então como me podes ajudar? Qual é a tua solução?

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 15:49
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

CACLR não quero minimizar o meu problema e a atitude dele porque para mim foi errada, mas quem me garante que encontro melhor, anda aí muito diabo disfarçado de anjo.
De momento eu não confio em ninguém (excepção da família), homens e mulheres, foram as minhas melhores amigas que me magoaram mais.
Ainda não consigo decidir o que fazer, o que ele fez foi assim tão grave que não possa dar segunda oportunidade e o benefício da dúvida? Estou a ser benevolente? E se ele não o fizer novamente e se o fizer? A vida é feita de se, e eu não consigo tomar decisão final e definitiva.
Tenho a salientar a tua força e coragem.

Retrato de CACLR
Seg, 12/06/2017 - 16:24
CACLR:
Membro desde: 30.05.2017

Infelizmente o Grim Reaper tem razão.Se vais encontrar melhor ou pior? Quem sabe. Nós sentimos o frio, o morno e o quente. A tua relação anda morna a caminhar para o frio. Só tu saberás se queres continuar ou não. Riscos? Olha amiga cada passo que dás é um risco. Seja ele de que natureza for.

Eu não te conheço e não posso julgar a vossa relação baseada apenas num ponto de vista. Com certeza que ele terá o seu ponto de vista (certo ou não) mas uma relação pressupõe-se duas ou mais, neste caso és tu e ele.

Não leves a mal o que te vou dizer mas eu sei qual vai ser a tua decisão. Pelo que falaste e defendeste penso que tu não precisas de opiniões porque está decidido. Penso que querias apoio para continuar tudo como está. A vida é cheia de decisões, umas difíceis outras menos difíceis, umas com mais risco outras com menos riscos.

Pondera porque nesta altura do campeonato os anos passam e o que melhor levamos desta vida é o que comemos, o que bebemos e o que nos divertimos. O resto são trocos.

Eu quero é viver bem. E tu?

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 16:34
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Expliquei-me bem Grim, não disse que eras e sim a tua atitude/comportamento, é diferente, não era intenção ofender e sim mostrar-te que não é o que se diz, mas como se diz. Jamais utilizaria ofensas como argumentos.
Tu consegues melhor? Pelo que li também andas um pouco dececionado com as meninas.
Como já mencionei não é assim tão fácil, até aqui nos comentários as opiniões divergem. Eu acho que ele não foi correto, mas foi grave o suficiente para o deixar?
Não me controla assim tanto porque em 13 anos desde o 3º que me pressiona, diz que quer ter filhos que sempre foi o sonho dele etc., e eu não fui a correr dar um filho ao menino porque sim, por capricho ou para segurar a relação. Um pouco antes de acontecer o sucedido com a tal fulana, estávamos a planear e eu é que tomei iniciativa ele já não me falava disso há cerca de 2 anos.
Deixo-o, uso-o para fins de reprodução e descarto-o, deixo-o agora?
é tudo muito fácil para meninos como tu que provavelmente querem divertir e curtir a vida (também passei por isso), numa certa idade uns mais tarde que outros só queremos assentar e estar [email protected], temos que apimentar de vez em quando a relação, mas já não tenho paciência para passar por todas aquelas fases de inicio... As pessoas são cada vez mais picuinhas e enfadonhas.

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 17:26
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Primeiro só comentas se quiseres, ninguém te obriga.
Nem sei o porquê de tanto alarido eu até te disse desculpa se ofender, só és sensível para aquilo que te interessa.
Depois o teu comportamento não é diferente, é por vezes desrespeitoso e ofensivo (já conversámos para dizeres que não tenho nada a oferecer intelectualmente, ou viste fisicamente, ou para dizeres mal de todas as meninas, não te vejo a falar mal de homens, a não ser daqueles que te fazem sentir reduzido (penso eu, sem intenção de ofender novamente).
Imagino, deves ser um exemplo de parceiro.
E se é para fragilizares as pessoas ainda mais, mais vale estares quietinho.
Eu pedi opinião e argumentos fundamentados, não pedi que me tratasses como se tu fosses o senhor da razão e eu a seguidora. Fica a saber que a forma como falas também ofende, que nome dás a esse comportamento? Podes dar/ter a mesma opinião mas de forma diferente, chega até a ser violenta.
Se reparares bem eu disse que estava confusa e tenho várias opiniões, há quem ache que eu não devia acabar uma relação de 12 anos.
Agradeço a todos todas as opiniões e enriquece diferentes perspetivas.
Estou muito confusa e mais uma vez agradeço a quem perde um pouco do seu tempo para me vir aqui deixar a sua opinião.
Pensei que o fórum fosse um canto, onde pudéssemos obter um pouco de conforto, mas parece que a minha indecisão importuna.

Retrato de CACLR
Seg, 12/06/2017 - 17:40
CACLR:
Membro desde: 30.05.2017

Não vou mais bater no seguinho, eu tenho 44 anos e se tiver que me fazer á vida faço novamente. Se ele merece uma 2ª oportunidade só tu saberás. Disseste que ele te controlava mas depois já não era assim tanto. Acho que tu é que estás muito confusa em relação aos teus sentimentos. Se queres manter uma relação também te digo que não é no conforto que a consegues.

E estou numa relação á sete anos, já tive os meus problemas mas ultrapassei porque sei que valeu a pena. Mas eu lutar. Sabes como? Peguei o touro pelos cornos e disse que ou era ou não era. Mas o era ou não era equivale para os dois, não estejas á espera que ele é que mude. Ou mudam os dois ou então podes te sentar a fazer tricot para os teus sobrinhos.

olha eu tenho um truque muito bom para o meu homem. Ele já o conhece muito bem e agora antecipa-se sempre. È este: ao sábado tenho que fazer a limpeza da minha casa, dar banho ao cão, regar jardim(se for Verão). Á meia tarde uma banhoca e no inicio dizia estou tão cansada. Vamos sair e comer alguma coisa fora.
E agora ele já sabe, sábado e domingo é para namorar, não pode ser sempre porque ambos trabalhamos durante a semana.

Se queres lutar por ele também tu tens que mudar. Não é numa zona de conforto que vais conseguir alguma coisa. Não esperes ser ele a mudar. Mudem ambos, namorem muito, divirtam-se muito. E principalmente arrisca muito. Ès ainda muito nova para pensar em sossegar.

Espero ter ajudado.

Beijinhos

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 18:11
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

E indelicado que tu és, lá porque não tenho paciência para miúdos imaturos que só pensam em dar uma, não quer dizer que eu não gosto de me divertir? Para mim ir a romarias é a coisa mais enfadonha e para ti pode ser uma felicidade. Todos somos diferentes e eu gosto de calma, sou velha por causa disso?
Não acho que comportamentos de risco, quecas com um/a desconhecido diferente todos os dias seja o melhor da vida. E o não ter paciência para criaturas fúteis não faz de mim velha, quantas vezes reparo no esforço das pessoas só para encherem egos.

Frustração, engraçado estava para dizer o mesmo de ti, mas a tua é de outra espécie. Não estou a descarregar em ti a dita frustração que sinto pelo meu parceiro, mas sim a que sinto por ti, fazeres as pessoas sentirem-se mal só porque vão contra a tua opinião e por isso serem uma perda de tempo, isso magoa.

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 18:42
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Não reparei no teu comentário (15)
Admito que neste momento estou mais virada para desculpar, mas continuo indecisa.
Da parte dele, ele diz que sempre foi contactos e mensagens desabafos sobre problemas de trabalho e da parte dela trabalho, o ex e problemas de saúde dela e do pai dela. Ele disse que era confidente e como ela estava sempre a contactar e a falar ele sentia-se necessário e com atenção. Não era grave se eu não visse o amo-tee, ele diz que ela fez isso de prepósito porque me enviou as mensagens no facebook falso a dizer que ele me traia e horas depois aparece aquele amo-te, nós mexemos nos telefones um do outro normalmente (não é controle) e é claro mal tive oportunidade para ir ver o telemóvel dele, foi enviada pelas 2h da manhã hora em que ele normalmente encontra a dormir, pois tem que levantar cedo. Estou confusa porque ele pode ter dado mais intimidade que devia, mas e se o que ele diz é verdade, ela pode bem ter premeditado.
Eu também quero viver bem, espero conseguir tomar decisão acertada e agradeço as vossas opiniões acabam por ser uma apoio.

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 19:13
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

A sério Grim, ainda continuas nisso, porque ele procedeu daquela forma eu sou uma parva submissa? Sou como transpareço aqui e sim tento ser justa e acreditar no melhor das pessoas por mais lixadelas que leve.
Todos os dias lhe infernizo a vida com esta situação (ela já saiu da empresa há meses) e ele fica passado sempre a dizer que pode ter dado confiança, mas não foi ao ponto dela escrever o amo-te, nem pensar que ele queria algo com ela e que ele nem comentou isso com ela, porque pensava ser engano, eu é que vi o amo-te, eu é que abri a mensagem ele estava a dormir.
Percebes a minha dúvida/confusão.

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 19:22
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Com que intuito? Para me vingar? Não faz parte do meu carácter, mas se acontecer por acaso não me vou coibir.

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 19:23
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

CACLR, eu no primeiro comentário onde debito a situação/problema não expliquei/descrevi bem, estava nervosa e sem saber bem como expor, quando deixei de falar com os amigos foi mesmo no inicio da relação 1º ano, depois vivemos quase só os 2 , claro tínhamos/temos [email protected] comuns, eu não queria falar com eles, sentia-me muito exposta, e esse foi o motivo para escrever aqui.

Retrato de Psst
Seg, 12/06/2017 - 20:01
Psst:
Membro desde: 28.04.2017

Pois... Eu acho que a história dele está um bocado mal contada.
Nenhum homem perde tempo a falar com alguém que não lhe interessa e nenhuma mulher larga um "amo-te" com alguém que não lhe demonstra interesse.
Ele "apenas respondia" a uma pessoa que supostamente lhe infernizava a vida e que tal bloqueá-la? Mas em vez disso continuou a dar-lhe trela e pelos vistos ainda dá (estás desconfiada disso).
Lá porque ele não tem interesse nela para construir uma vida não quer dizer que não tenha interesse em outras coisas...
Ele mandou a mensagem à da pastelaria a dizer que era comprometido antes ou depois de tu descobrires a conversa? Se fosse antes isso demonstrava uma mudança de atitude da parte dele.

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 21:10
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Psst, ele já a tinha bloqueado (em tudo: telemóvel facebook, etc.)há bastante tempo. Sou desconfiada achava que ele poderia desbloquear quando não estava comigo e voltava a bloquear.
Não estou desconfiada que eles continuem a falar, ele está mesmo chateado pela confusão que ela criou, já não se falam há basta tempo. Todavia, quase todos os dias até ao momento, faço questão de o recordar da porcaria que fez, mando bocas só para lhe mostrar a minha indignação e chatear.
A da pastelaria não me lembro bem da situação, mas uma vez fui lá e ela é bem oferecida com os clientes homens (sem descurar a culpa, a confiança que ele possa ter dado, foi errado da parte dele), sei que às outras diz que é comprometido por isso ela também devia de o ouvir a falar disso. Mas acredito que fosse flirt/engate sem certezas.

Retrato de Psst
Seg, 12/06/2017 - 21:23
Psst:
Membro desde: 28.04.2017

Então se estás determinada a levar a relação para bom porto acho que o andares a massacrar com isso constantemente é capaz de o desgastar.

Por este teu comentário parece que confias nele mas há algo que ainda te incomoda, tens é de te perguntar porque é que ainda te sentes da maneira que sentes, o que é que podem fazer para alterar isso e se é algo temporário e que vais conseguir ultrapassar ou não.

Retrato de gatita5
Seg, 12/06/2017 - 22:13
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

O problema é que eu não conhecia esta minha faceta de rancorosa, geralmente não sou. Sinto necessidade de mostrar o meu descontentamento também não sei o porquê.

Retrato de gatita5
Ter, 13/06/2017 - 00:19
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Desde já agradeço todo o trabalho em reunir informações. Não tenho dito que estou confusa? O que me chateia é não saber ao certo o teor das mensagens/contactos entre eles, é difícil tomar um rumo ou decidir o que quer que seja. Se falassem apenas dos assuntos que ele afirma terem falado, incomoda mas não ao ponto da rutura/separação, no entanto, se ele me estiver a mentir e tiver existido mais intimidade nas conversas aí já seria motivo para separação. Estou mesmo confusa. E é mesmo passado, mas continua a assombrar. Ainda não consegui ultrapassar.

Retrato de Kaizoku
Ter, 13/06/2017 - 03:37
Kaizoku:
Membro desde: 02.06.2017
Grim Reaper wrote:

Olha se isso é mesmo um factor decisivo obriga-o a mostrar as conversas todas. Claro que as por voz já o vento as levou, mas as mensagens no tel pode ser que consigas sacar.

- 10000 km and 7 hours away from you -

Retrato de gatita5
Ter, 13/06/2017 - 08:03
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Repetida

Retrato de gatita5
Ter, 13/06/2017 - 08:12
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Diz-me como o procedo Grim? Se ele já não usa o mesmo telemóvel, é possível solicitar operadora as mensagens escritas? O whatsapp e viber e msn ele bloqueou e os dois primeiros desinstalou e já não está online desde Agosto de 2016, pelo menos nos número que ele utiliza não tem essas aplicações. O meu problema mesmo que ele esteja a ser sincero é que agora vou estar sempre em alerta e desconfiada.

Retrato de gatita5
Ter, 13/06/2017 - 08:13
gatita5:
Membro desde: 21.08.2013

Repetido

Post