Baixa médica psicologo porto? "depressão" ansiedade medos callcenter, cansaco extremo | A Nossa Vida

Baixa médica psicologo porto? "depressão" ansiedade medos callcenter, cansaco extremo

Retrato de meninaporto
29.01.2020 | 14:40
meninaporto:
Membro desde: 29.01.2020

Olá bom dia a todos. Eu tenho 25 anos e já trabalho em callcenter à 5 anos. Ultimamente ando a passar muito mal, tanto que no inicio do mês de Janeiro fui ao centro de saúde pois só chorava. É o seguinte eu trabalho em callcenter e tenho passado MUITO MAL no trabalho. Do género inicialmente eu trabalhava das 13h ás 22h e a partir das 14h eu já começava a ter suores frios parecia que ia desmaiar e só tinha vontade de fugir, além do cansaço extremo! Depois mudaram o meu horário das 9 ás 18h e a situação mantinha-se eu não tinha forças nas pernas. No inicio deste mês eu fui ao centro de saúde, a minha médica de família encontra-se de baixa e eu fui a um médico de urgências e passou-me o medicamento SERTRALINA Fiquei com tanto receio que nem iniciei a medicação. A médica de urgência me passou 30 dias de baixa que mesmo eu estando de baixa já á 23 dias nao passa, e só de imaginar que a baixa está acabar e tenho que voltar para lá já passo mal!! Tenho muito medo de enlouquecer, no entanto não posso estar em casa!!! Pois tenho contas a pagar. Estou em desespero, e a sentir me uma inútil pois a minha baixa medica dá permissao de eu sair a qualquer hora e eu tenho medo de sair de casa e passar mal!!! Eu não quero de todo menosprezar os médicos do centro de saúde no entanto achei muito precoce me passar a sertralina. No callcenter eu ganho um salario mínimo. E eu precisava de um bom psicólogo/psiquiatra no porto que não fosse muito caro pois como estou de baixa só vou ganhar 55% do meu salario 300 mais ou menos, não posso mesmo estar a pagar muito dinheiro, eu sei que um bom profissional tem que ser reconhecido! Mas alguém consegue entender a minha situação? se possível recomendem me um bom psicólogo/psiquiatra aqui no porto. Por favor. Eu estou desesperado tenho 25 anos e não sei o que fazer .