Abandono do amiguinho!... | A Nossa Vida

Abandono do amiguinho!...

Retrato de liliana_gaio
18.07.2011 | 04:00
liliana_gaio:
Membro desde: 25.03.2011

Horrível, horrível, horrível.
Acho que abandonaram 1 cão na minha rua. Hoje. Revolta-me! Como é que é possível abandonar os amigos assim?!

Vim só postar o desabafo!

Só dei conta hoje e sobretudo à noite por ele continuar alí. Estava a partir-me toda (qd comecei a perceber que realmente ninguém o recolhia) ...

Bem, se alguém o quiser, ele é meigo (dá a mão e só quer carinho) está bem tratado...

Acho que é abandonado porque tem coleira e pelo facto de a minha rua ter bastantes moradores mas pouco movimento.

É um cão de porte médio (25 kg), macho, preto e castanho. Parece-me jovem, mas já sem ser cachorro.

Garantidamente que terei que investigar um pouco mais amanhã, porque ele tem estado a ladrar a noite toda e pode haver alguém que não goste e... sei lá, que tente resolver o problema da maneira mais fácil e fazendo-lhe mal.

Alguém o quer?


Retrato de AnaRV
Seg, 18/07/2011 - 09:23
AnaRV:
Membro desde: 28.12.2010
liliana_gaio wrote:

Horrível, horrível, horrível.
Acho que abandonaram 1 cão na minha rua. Hoje. Revolta-me! Como é que é possível abandonar os amigos assim?!

Vim só postar o desabafo!

Só dei conta hoje e sobretudo à noite por ele continuar alí. Estava a partir-me toda (qd comecei a perceber que realmente ninguém o recolhia) ...

Bem, se alguém o quiser, ele é meigo (dá a mão e só quer carinho) está bem tratado...

Acho que é abandonado porque tem coleira e pelo facto de a minha rua ter bastantes moradores mas pouco movimento.

É um cão de porte médio (25 kg), macho, preto e castanho. Parece-me jovem, mas já sem ser cachorro.

Garantidamente que terei que investigar um pouco mais amanhã, porque ele tem estado a ladrar a noite toda e pode haver alguém que não goste e... sei lá, que tente resolver o problema da maneira mais fácil e fazendo-lhe mal.

Alguém o quer?

Primeiro deverias confirmas se ele tem chip, e quais os dados registados...

Infelizmente acontece muito...Na minha rua, temos um amiguinho que já está lá há 2 anos. Penso que o dono o devia tratar mal, pq ele fugia das pessoas, mas começou a andar por ali e aos poucos foi ficando mais meigo e carinhoso. Coostumo deixar o meu portão aberto e ele vai dormir na minha entrada, em cima do tapete, todos lá na rua lhe damos água e comida e tratamos dele... Um vizinho meu arranjou uma casota e uma manta, mas ele n gostou mto e prefere dormir no meu tapete...Sinceramente, agora até prefiro que ele continue ali. Ao menos não é mal tratado, brinca mto c as minhas cadelas e já s farta de ladrar qdo vê desconhecidos. Sente que é o território dele...

Um animal super meigo...enfim.

Retrato de blackbutterflay
Seg, 18/07/2011 - 11:22
blackbutterflay:
Membro desde: 19.04.2010

Olá!

Infelizmente nesta altura é o que mais se vê :(, ou porque querem ir de férias e não têm com quem os deixar (apesar de existir hoteis para eles ficarem), ou poruqe crescem demais, ou porque simplesmente deixaram de gostar Sad (o que é muito triste!!!)

Quano adotamos um animal temos de ter consciencia que ele apartir daquele momento faz parte da nossa família e não é uma "coisa" descartavel que quando não queremos ou não nos dá mais jeito deitamos fora... enfim!!!

Infelizmente é a sociedade que temos é a mentalidade que temos!!!!

Olha liliana espero que encontres rapidamente um dono melhor para esse amiguinho.

Beijocas
Blackbutterflay

Beijocas

Blackbutterflay

Retrato de Kika22
Seg, 18/07/2011 - 16:39
Kika22:
Membro desde: 17.05.2011

Infelizmente acontece várias vezes aqui na minha zona, eu moro numa rua em que tem algumas vivendas, e eu acho que por isso as pessoas pensam que é um sítio bom para abandonar os cães, acontece muitas vezes aqui, e eu própria já cheguei a assistir a um abandono. Ainda tentei mandar uma pedra no carro, apesar de não ser a atitude mais acertada foi a primeira coisa que me veio à ideia depois de ver o que vi. Enfim, no mês passado voltou a acontecer mas com um cão de raça um cocker spaniel, estava eu a lanchar quando ouço a minha cadela a ladrar venho à porta e apanho um susto estava a o cão plantado à minha porta, estava sujo cheio de carraças, mas era treinado, sentava, dava a pata e ao mesmo tempo esquivo, acho que devido ao abandono tinha umas atitudes estranhas depois que lhe dei de comer e tal nao saía da porta da minha casa. Como já tinha dois cães, nao pude fica com ele mas dei ao meu vizinho do lado e assim sempre vou vendo como ele está e sei que é muito bem tratado. Hoje sei quem são os antigos donos e nunca o vieram buscar.
Vou até deixar aqui uma foto para voces verem como ele é lindo Smile

"Music doesn't lie. If there is something to be changed in this world, then it can only happen through music" Jimi Hendrix

Retrato de Ystérica
Seg, 18/07/2011 - 16:46
Ystérica:
Membro desde: 09.12.2008

o mundo deveria estar repleto de pessoas como tu que têm a generosidade no coraçao...

Isa Bastos

Retrato de josevirjilio
Seg, 18/07/2011 - 23:18
josevirjilio:
Membro desde: 05.10.2009
Kika22 wrote:

Infelizmente acontece várias vezes aqui na minha zona, eu moro numa rua em que tem algumas vivendas, e eu acho que por isso as pessoas pensam que é um sítio bom para abandonar os cães, acontece muitas vezes aqui, e eu própria já cheguei a assistir a um abandono. Ainda tentei mandar uma pedra no carro, apesar de não ser a atitude mais acertada foi a primeira coisa que me veio à ideia depois de ver o que vi. Enfim, no mês passado voltou a acontecer mas com um cão de raça um cocker spaniel, estava eu a lanchar quando ouço a minha cadela a ladrar venho à porta e apanho um susto estava a o cão plantado à minha porta, estava sujo cheio de carraças, mas era treinado, sentava, dava a pata e ao mesmo tempo esquivo, acho que devido ao abandono tinha umas atitudes estranhas depois que lhe dei de comer e tal nao saía da porta da minha casa. Como já tinha dois cães, nao pude fica com ele mas dei ao meu vizinho do lado e assim sempre vou vendo como ele está e sei que é muito bem tratado. Hoje sei quem são os antigos donos e nunca o vieram buscar.
Vou até deixar aqui uma foto para voces verem como ele é lindo :)

quem abandona um animal destes nao pode ter coraçao

Retrato de Yara2
Ter, 19/07/2011 - 02:00
Yara2:
Membro desde: 05.02.2008

Não sei como há pessoas que têm coragem de passar 1 ano inteiro com 1 bicho, a viver com ele, a conviver e não ganham amizade aos animais...

Como é possivel que ao pensarem ir de férias as pessoas pensem "deixamo-lo ali e já está".
E depois?
O que irá na cabeça destes animais que são abandonados?
O que pensarão eles?

O meu é um cão que foi de rua, depois teve donos mas andava sempre na rua, teve 1 problema e teve de ser tratado durante 4 meses numa clinica, ficou sem 3 dentes a frente, sendo 1 deles o canino e eu recolhi-o.

Acredito que da maneira que ele é arruaceiro se fosse para a rua até se sabia desenrascar, andar e tudo mas é impensável para mim pô-lo na rua nem sequer deixá-lo ir à rua sem mim ou sem nenhuma pessoa...

Fui para Paris 4 dias ficou nos meus pais.
Apanhou 2 dias de semana, ficou com uma senhora que está lá todo o dia e ao fim-de-semana com a minha mãe.

Se agora for para fora (ainda não sei) já penso no melhor para ele.
Essa senhora vai continuar a estar a trabalhar e vai estar com ele à semana das 9h as 18h.
Depois vem pô-lo a minha casa as 18h30.
Vai embora, deixa-o cá no ambiente dele e volta às 23h/23h30 para ir com ele à rua.
Depois ele cá fica a dormir na casa dele, nas almofadas dele com as coisas dele e às 8h30 ela já vem buscá-lo para ir com ela...

Toda a gente devia procurar alternativas...

Retrato de liliana_gaio
Ter, 19/07/2011 - 03:09
liliana_gaio:
Membro desde: 25.03.2011

Já há hoteis para cães, isto era absolutamente desnecessário! Claro que não é barato, mas isto não se faz.

Já me informei 1 pouco mais, mas não tive tempo para lhe tirar fotos. Realmente foi de ontem e acho que ainda ouve 1 pessoa que viu meterem-no de fora do carro, e ele ainda foi uns metros a correr atrás. Super Sad Sad Sad

Não creio que haja 1 matrícula. Aliás, mesmo com chip, não sei até que ponto é que as pessoas são chamadas à razão ("ah e tal, ele fugiu"...)

No entanto, nos 5 ou 10m que estive a recolher informações (junto de 1 sr que pelos vistos lhe deu água e que o cão passou a guardar!) apareceram 2 pessoas a avisa-lo para não o alimentar, e que não podia ser, e que ladrou a noite toda... e entretanto já informaram o canil... é capaz de ser mais fácil. Mas não há associações que acolhem?

Realmente na noite passada, o pobre, ladrou a noite toda e isso faz com que não recolha tanta simpatia das pessoas...Hoje, ladrou no início da noite mas tem estado calmo...

Não sou de facto a favor de que se mantenham os animais assim na rua. Não sou. Mas apenas porque acho que além de alimentação, merecem amor, vacinas, cuidados, 1 família e sobretudo educação. Alimenta-lo... tenho estado a resistir por política de boa vizinhança e pq ainda n reagi por impulso...

Mas fico triste porque tenho 1 em casa dos meus pais, e comove-me de 1 maneira diferente. E o olhar meigo com que nos olha, bem como entendi o ladrar dele na noite passada, de confusão, de tristeza...

Eu não tenho condições, mas daria de bom grado 1 ajuda a quem ficasse com ele. Tipo madrinha. Por exemplo 1 saco de ração por mês ou qualquer coisa assim...

Liliana

Retrato de liliana_gaio
Ter, 19/07/2011 - 03:15
liliana_gaio:
Membro desde: 25.03.2011

E como nestas coisas o que conta é fazer, com este último post, fiquei a pensar nisso e contactei 1 associação que surgiu de 1 pesquisa na net, que talvez faça a recolha aqui.

Deixei toda a informação e o meu contacto, na esperança que o possam recolher.

Já que é o melhor que posso fazer, ainda ofereci a tal ajuda E, porque não, algum trabalho voluntário de que precisem. Já estava a pensar em voluntariado com pessoas, porque não com animais?!

Liliana

Retrato de Yara2
Ter, 19/07/2011 - 03:45
Yara2:
Membro desde: 05.02.2008
liliana_gaio wrote:

E como nestas coisas o que conta é fazer, com este último post, fiquei a pensar nisso e contactei 1 associação que surgiu de 1 pesquisa na net, que talvez faça a recolha aqui.

Deixei toda a informação e o meu contacto, na esperança que o possam recolher.

Já que é o melhor que posso fazer, ainda ofereci a tal ajuda E, porque não, algum trabalho voluntário de que precisem. Já estava a pensar em voluntariado com pessoas, porque não com animais?!

Clap Clap Clap

Eu não posso ficar porque fiquei com um há pouco tempo e vivo num apartamento mas diariamente dou comida a caes de rua que nao sao meus, mais as pipetas, mais as esterilizações das cadelas, etc, etc.

Retrato de blackbutterflay
Ter, 19/07/2011 - 11:32
blackbutterflay:
Membro desde: 19.04.2010
liliana_gaio wrote:

E como nestas coisas o que conta é fazer, com este último post, fiquei a pensar nisso e contactei 1 associação que surgiu de 1 pesquisa na net, que talvez faça a recolha aqui.

Deixei toda a informação e o meu contacto, na esperança que o possam recolher.

Já que é o melhor que posso fazer, ainda ofereci a tal ajuda E, porque não, algum trabalho voluntário de que precisem. Já estava a pensar em voluntariado com pessoas, porque não com animais?!

Olá liliana fiquei muito feliz por teres ajudado este amiguinho. Certamente teriamos um mundo melhor se grande parte das pessoas fossem como tu!!!

Clap Clap Clap

Hug Hug Hug

Beijocas

Blackbutterflay

Retrato de liliana_gaio
Ter, 19/07/2011 - 16:51
liliana_gaio:
Membro desde: 25.03.2011

Olá meninas...
Obrigada, mas acho que sou levada a pensar, que mesmo agindo, nem sempre as nossas intenções resolvem coisa alguma.

Ele já não anda aqui e a associação tb não me contactou... Acho que não quero perguntar o que realmente se passou... Se calhar temos que aceitar que muitas vezes o nosso melhor não é suficiente....

Yara2,
só tenho a elogiar a tua responsabilidade e a tua dádiva. É que realmente não é só dar comida aos animais! Sim senhora, grande mulher.

Liliana

Retrato de Yara2
Ter, 19/07/2011 - 18:57
Yara2:
Membro desde: 05.02.2008
liliana_gaio wrote:

Olá meninas...
Obrigada, mas acho que sou levada a pensar, que mesmo agindo, nem sempre as nossas intenções resolvem coisa alguma.

Ele já não anda aqui e a associação tb não me contactou... Acho que não quero perguntar o que realmente se passou... Se calhar temos que aceitar que muitas vezes o nosso melhor não é suficiente....

Yara2,
só tenho a elogiar a tua responsabilidade e a tua dádiva. É que realmente não é só dar comida aos animais! Sim senhora, grande mulher.

Realmente às vezes +e preferivel nem saber...
Se calhar foram os teus vizinhos que lhe deram "sumiço"...

Obrigada pelo elogio.
Tento ajudar no que posso aqueles que conheço.

Mesmo assim são 4 cadelas num sitio, 1 cão noutro, 2 cadelas noutro e 1 casal noutro sitio...
As cadelas estão todas esterilizadas.
Há 2 cães que não se deixam chegar e temos de pôr um liquido na comida para nao terem pulgas e carraças, injecta-se num pedaço de carne.
As pipetas para todas, a comida normal, a comida seca, as latas, etc.

Retrato de Cokitas
Qui, 21/07/2011 - 09:47
Cokitas:
Membro desde: 26.06.2008
Kika22 wrote:

Infelizmente acontece várias vezes aqui na minha zona, eu moro numa rua em que tem algumas vivendas, e eu acho que por isso as pessoas pensam que é um sítio bom para abandonar os cães, acontece muitas vezes aqui, e eu própria já cheguei a assistir a um abandono. Ainda tentei mandar uma pedra no carro, apesar de não ser a atitude mais acertada foi a primeira coisa que me veio à ideia depois de ver o que vi. Enfim, no mês passado voltou a acontecer mas com um cão de raça um cocker spaniel, estava eu a lanchar quando ouço a minha cadela a ladrar venho à porta e apanho um susto estava a o cão plantado à minha porta, estava sujo cheio de carraças, mas era treinado, sentava, dava a pata e ao mesmo tempo esquivo, acho que devido ao abandono tinha umas atitudes estranhas depois que lhe dei de comer e tal nao saía da porta da minha casa. Como já tinha dois cães, nao pude fica com ele mas dei ao meu vizinho do lado e assim sempre vou vendo como ele está e sei que é muito bem tratado. Hoje sei quem são os antigos donos e nunca o vieram buscar.
Vou até deixar aqui uma foto para voces verem como ele é lindo :)

Eu tenho uma cadela dessa raça e dessa cor. Adoro-a, é impensável para mim separar-me dela.
Não percebo como conseguem fazer isso aos animais Sad

Retrato de liliana_gaio
Qui, 21/07/2011 - 16:26
liliana_gaio:
Membro desde: 25.03.2011
Yara2 wrote:

Mesmo assim são 4 cadelas num sitio, 1 cão noutro, 2 cadelas noutro e 1 casal noutro sitio...
As cadelas estão todas esterilizadas.
Há 2 cães que não se deixam chegar e temos de pôr um liquido na comida para nao terem pulgas e carraças, injecta-se num pedaço de carne.
As pipetas para todas, a comida normal, a comida seca, as latas, etc.

Reforço o que disse. Nem que fosse só em ração já seria uma despesa enorme, para uma família tão grande. Admiro-te por isso.
Bjnh.

Liliana

Retrato de Nita
Qui, 21/07/2011 - 17:53
Nita:
Membro desde: 18.03.2007

Infelizmente se tinham contactado o canil e se fôr um canil de abate (como 90% dos canis deste país), aguardam-lhe 5 dias de sofrimento, comida misturada com dejectos, doenças, tristeza e maus tratos. Ao fim destes 5 dias, passados num cenário pavoroso que em nada facilita a adopção, se ninguém o adoptar (e os canis estão cheinhos de animais por onde escolher e os adoptantes são escassos), será simples e brutalmente abatido.

Muitas pessoas têm a ilusão de que o canil é uma solução mas salvo raríssimas excepções, é o corredor da morte para os animais
Na maioria dos casos nem é dada a anestesia anterior à eutanásia para que não sofram

Triste país este... Triste espécie a nossa...

Retrato de _Marta_
Qui, 21/07/2011 - 18:44
_Marta_:
Membro desde: 08.12.2008

Já que se fala em abandono de animais, deixo aqui um link para o fórum do lado, de alguém que quer "mandar embora" (fim de citação) a sua cadela. Alguém a quer?

http://demaeparamae.pt/forum/adoptacao

Nem comento...

Retrato de Yara2
Qui, 21/07/2011 - 21:41
Yara2:
Membro desde: 05.02.2008
liliana_gaio wrote:
Yara2 wrote:

Mesmo assim são 4 cadelas num sitio, 1 cão noutro, 2 cadelas noutro e 1 casal noutro sitio...
As cadelas estão todas esterilizadas.
Há 2 cães que não se deixam chegar e temos de pôr um liquido na comida para nao terem pulgas e carraças, injecta-se num pedaço de carne.
As pipetas para todas, a comida normal, a comida seca, as latas, etc.

Reforço o que disse. Nem que fosse só em ração já seria uma despesa enorme, para uma família tão grande. Admiro-te por isso.
Bjnh.

Obrigada...
Faço com gosto... Wink

Retrato de Yara2
Qui, 21/07/2011 - 21:48
Yara2:
Membro desde: 05.02.2008
_Marta_ wrote:

Já que se fala em abandono de animais, deixo aqui um link para o fórum do lado, de alguém que quer "mandar embora" (fim de citação) a sua cadela. Alguém a quer?

http://demaeparamae.pt/forum/adoptacao

Nem comento...

Surprise Surprise Surprise Surprise
Realmente...
Há coisas que eu nem quero acreditar...

Não tenho filhos, não estou grávida mas era INCAPAZ e repito INCAPAZ de pensar despachar o meu cão para um sitio que eu não soubesse fosse porque motivo fosse...

Tem um bebé prematura e não nascem tantos prematuros?
E recuperam e corre tudo bem...

Despachar a cadela por causa disso?
Eu realmente nao queria "atirar pedras" mas não acho isso de todo normal...

Retrato de _Marta_
Qui, 21/07/2011 - 22:54
_Marta_:
Membro desde: 08.12.2008

Yara2,
Eu nem queria comentar. A sério que nem queria. Mas vá.
Que tivesse de optar entre o cão e o bebé por haver incompatibilidade ao ponto de risco de vida, eu até ainda podia ponderar perceber. Mas depois de ela explicar, um nadinha mais abaixo, que nada tinha a ver com a prematuridade do filho, fiquei azul. Ou verde. Ou nem sei.
Manda-se embora um cão com a facilidade com que se deita fora uma laranja podre. Depois admiram-se de eu gostar mais de cães do que de pessoas.

Retrato de vaniachabi
Sex, 22/07/2011 - 00:45
vaniachabi:
Membro desde: 21.03.2007

Ola a todas

Gostaria de deixar aqui em anexo um cartaz de divulgação de dois gatinhos que estão para adopção. Se puderem divulgar na vossa pagina do facebook ou passar a palavra agradecia. É muito urgente a sua adopção. São muito meiguinhos, estão na zona do Porto. Uns amores.

Obrigada

Retrato de Yara2
Sex, 22/07/2011 - 02:32
Yara2:
Membro desde: 05.02.2008
_Marta_ wrote:

Yara2,
Eu nem queria comentar. A sério que nem queria. Mas vá.
Que tivesse de optar entre o cão e o bebé por haver incompatibilidade ao ponto de risco de vida, eu até ainda podia ponderar perceber. Mas depois de ela explicar, um nadinha mais abaixo, que nada tinha a ver com a prematuridade do filho, fiquei azul. Ou verde. Ou nem sei.
Manda-se embora um cão com a facilidade com que se deita fora uma laranja podre. Depois admiram-se de eu gostar mais de cães do que de pessoas.

Não acho NADA NORMAL. Se fosse um caso de risco mas ela nem sabe se é, simplesmente decidiu "que nao quer mais".
Quanto mais conheço as pessoas, mais gosto dos animais...
As pessoas deviam ser responsabilizadas por aquilo que fazem porque se houvesse multa para quem abandonasse um cão, ninguém os abandonava...

Às vezes e como o meu foi cão de rua sinto que ele gostava de andar mais um tempo na rua (e mesmo assim vou 6/7 vezes por dia com ele à rua) mas mesmo ele não percebendo, ter uma casa, ter donos que tratam dele, ter comida, ter onde dormir, é muito melhor que andar na rua...

"Se não há cães no céu, então quando eu morrer quero ir para onde eles foram."
Will Rogers

Retrato de _Marta_
Sex, 22/07/2011 - 02:46
_Marta_:
Membro desde: 08.12.2008

A diferença é que há quem trate um cão como membro da família e há quem o trate como coisa. Um membro da família não se abandona; já as coisas, por chatearem, não se quererem, passarem de moda ou outra coisa qualquer, deitam-se fora.
Aqui na casa ao lado da minha, deixam um cão pequenino o dia e a noite na varanda... dão-lhe de comer e pouco mais. Já avisei o meu namorado que se no Inverno isto continuar assim, arranjo alguém que fique com ele e rapto-o. Não quero saber.

Retrato de Yara2
Sex, 22/07/2011 - 03:26
Yara2:
Membro desde: 05.02.2008
_Marta_ wrote:

A diferença é que há quem trate um cão como membro da família e há quem o trate como coisa. Um membro da família não se abandona; já as coisas, por chatearem, não se quererem, passarem de moda ou outra coisa qualquer, deitam-se fora.
Aqui na casa ao lado da minha, deixam um cão pequenino o dia e a noite na varanda... dão-lhe de comer e pouco mais. Já avisei o meu namorado que se no Inverno isto continuar assim, arranjo alguém que fique com ele e rapto-o. Não quero saber.

Isso é verdade.

Aqui ans redondezas também há 2 caes(mãe e filho/a) que ficam todo o dia na varanda. Quando vêem o meu passar a correr ficam tão tristes por estarem sempre ali.

E pior... se for à rua com o meu cerca das 19h30/20h, vejo que já há luz lá dentro de casa pela porta de acesso da varanda, elas sentadas "especadas" a olhar lá para dentro e nem lhes abrem a porta... Sad

Retrato de Sofia1984
Qui, 28/07/2011 - 04:15
Sofia1984:
Membro desde: 29.05.2010

Espero que ainda leias isto a tempo.

Há uns meses o meu cão evadiu-se da nossa casa, o malandro.Foi dar a volta dele e deve ter-se encantado com alguma coisa, lá foi andando andando...e assim andou, duas semanas por aí, como nunca tinha acontecido.

É um cão velhote, ouve e vê mal, e toma medicamentos diários para o coração.

Pus panfletos, divulguei no facebook...e nada, até que me falaram no "encontra-me.org", um site de divulgação de animais perdidos e outros que são achados.

Meti lá tudo direitinho, mas duas semanas após o dia do desaparecimento a esperança foi morrendo, porque sei o quanto ele era dependente dos remédios.
Recebi N chamadas a dizer que tinham encontrado o meu cão...nenhum deles foi realmente o meu cão...

Uma semana depois ligaram-me a dizer novamente que tinham encontrado o meu cão, era uma e tal da matina.
Uma rapariga tinha-o encontrado à entrada da auto estrada, metera-o dentro do carro e levou-o para casa.
Chegada a casa foi ao tal site em busca daquele cão, dado como desaparecido, e viu o meu apelo.

E pronto, final feliz, tudo graças ao "encontra-me".

Portanto mete a foto dele lá, ficará numa base de dados. Ás vezes pode até o bicho ter dono e andar perdido!

Boa sorte para o bichano e bem hajas!

"A meta de uma discussão ou debate não deveria ser a vitória, mas o progresso."
( Joseph Joubert )

Madrinha da TCosta, da florzinha C.A.S.C.S. e da espevitada RuteCris
Afilhada da Joanasantosblue

Retrato de liliana_gaio
Qui, 28/07/2011 - 23:44
liliana_gaio:
Membro desde: 25.03.2011

Olá Sofia1984.

Infelizmente, temo que o fim dele não tenha sido o mais feliz.

Ele realmente desapareceu passadas 2 noites, logo de manhã, após a 2ª noite. Já me confirmaram que o levaram para o canil nessa altura.

Também me foi dito que alguém ponderou em ficar com ele e ir lá busca-lo,e... não perguntei muito mais e quis saber ainda menos. Mas não me parece que o tenham feito (ou a tempo).

A associação que contactei respondeu-me um dia depois dessa manhã, dizendo que de facto não acolhiam porque não tinham instalações próprias e usavam os recursos de hoteis. E com isso já tinham um encargo financeiro enormíssimo. Disponibilizaram-se para ajudar a divulgar, mas como já relatei, não valia a pena porque não houve tempo.

Ainda bem que pelo menos a tua história teve um final muito feliz. Desconhecia o site "encontra-me.org".

Obrigada por partilhares.

Liliana

Retrato de Yara2
Sex, 05/08/2011 - 02:19
Yara2:
Membro desde: 05.02.2008

Já conheço o site, pus lá anuncio de um cão que eu cuidava e desapareceu ano passado mas infelizmente nunca chegou a aparecer.

É um site fantástico e ajuda muito as pessoas...

Retrato de liliana_gaio
Seg, 03/10/2011 - 10:23
liliana_gaio:
Membro desde: 25.03.2011

Lembram-se desta história que contei?!

TEVE UM FINAL FELIZ!!!!
Soube ontem que não foi abatido de imediato e entretanto foi adoptado há uns 2/3 dias!!!! Grin

Outro relato, de ontem na minha rua na mesma, é que foi abandonado um cocker preto, bebé! COMO é que as pessoas conseguem?!

Entretanto, como era o cão que era, de um dia para o outro foi levado (adoptado).

Quer num caso, quer no outro, ainda bem que teve 1 fim feliz. No entanto esta minha rua precisa de um policiamento diferente!!!!

Liliana