Uma opinião de todas!!! | A Nossa Vida

Uma opinião de todas!!!

Retrato de anapsi
16.02.2008 | 21:20
anapsi:
Membro desde: 14.08.2007

Olá a todas as noivinhas e casadinhas!!!
Gostava muito de criar um tópico, não sei ao certo se já existe algum, mas gostava que partilhassem aqui neste nosso espacinho o que sentem quando pensam que tem que deixar a casa dos pais, ou o que sentiram, para as que já casaram.
Partilhem os vosso sentimentos, as vossas emoções
Bjs a todas Ana

[email protected]


Retrato de Familia Tavares
Sáb, 16/02/2008 - 22:23
Familia Tavares:
Membro desde: 08.01.2008

Eu deixei a casa dos meus pais vai fazer 3 anos mas devido a motivos profissionais, fui trabalhar p longe de casa e tive mesmo q começar a morar sozinha.
No inicio custou me um pouco, afinal estava habituada aquele ambiente familiar, aos meus amigos,etc... mas com o tempo fui me habituando.
Actualmente vivo com o meu namorado com quem vou casar no final do ano, e a mudança de morar sozinha e morar agora com ele n me custou nada, senti me mto melhor.
Sair de casa dos pais custa sp, umas mais do q outras, mas pensa q terás q dar esse passo mais cedo ou mais tarde e q vais constituir a tua propria familia e principalmente estás ao lado de quem amas.
Mtas felicidades
Sofia

Retrato de LI_MA
Dom, 17/02/2008 - 00:04
LI_MA:
Membro desde: 14.03.2007

Eu saí de casa dos meus pais quando ingressei no ensino superior. De uma aldeia do Norte e sempre protegida pelos papás vim para uma cidade longe da familia e dos amigos a cerca de 150 KM de distância. Já lá vão 8 anos e por cá vou ficar.
Inicialmente era só o tempo do curso e depois voltaria para casa, ´não era nada definitivo. Mas quando conheci o Paulo e ingressei na vida profissional tive de tomar decisões e acabei por ficar em Coimbra. Custou-me imenso e ainda hoje tenho saudades mas tive de cortar o meu cordão umbilical! Mais cedo ou mais tarde tinha de acontecer. Continuo a ir visitá-los com muita frequencia e ainda não vejo coimbra como a minha terra, mas será aqui que vou iniciar uma nova vida com o meu noivo da qual com certeza os meus pais e familia irão fazer parte.
Só um conselho, não faças comparações, a tua vida na tua casa não será a mesma que na casa dos teus pais, não terás os mesmos hábitos, as mesmas rotinas, terás de criar novas todos os dias com aquele com quem irás partilhar a tua vida. Lígia

Retrato de anapsi
Dom, 17/02/2008 - 18:59
anapsi:
Membro desde: 14.08.2007

Esta mistura de sentimentos é normal, vai ser uma grande mudança sem dúvida, para além de todos estes nervos que antecedem o grande dia não é verdade???!!!

Bjs

Retrato de Lipa_
Seg, 18/02/2008 - 17:44
Lipa_:
Membro desde: 08.11.2007

Querida, eu sai de casa dos meus pais cedo, mas por motivos mais fortes que a vontade LOL. Quando fui para Lisboa tirar o meu curso tive de por lá ficar, apesar de ver os meus pais muito regularmente. (vivia perto da zona)
A ideia inicial de me afastar de casa tanto me dava arrepios como curiosidade.
Nos primeiros tempos a saudade é muita, de muitas coisas. Eu e a minha mãe sempre fomos as melhores amigas, eu sempre adorei o meu pai e o meu irmão mais novo. Mas ao longo do tempo torna-se um hábito...
Hoje, sou casada, e tenho uma filha que amo acima de tudo. Vejo os meus pais sempre que tenho tempo, não vivemos extremamente proximos e falamos todos os dias. Somos unidos. É bom este conceito, esta distância. Uniu-nos ainda mais.
Mas um dia teria de ser. Um dia todos temos de ganhar asas e sair, aprendermos a ser o que os nossos pais tambem foram, aprendermos a viver realmente, sermos mais livres, e de preferencia se temos uma vida com a pessoa que amamos. O nosso espaço é algo necessário!!
E isso não impede o afastamento dos pais. É simplesmente diferente...é uma rotina nova!
Hoje sei que tambem para os pais deve doer. Nem penso no dia em que a minha filha me dirá que quer sair de casa.

Fizemos as nossas vidas, mas isso não implica que nos esqueçamos dos pais!

Retrato de anapsi
Qua, 20/02/2008 - 21:07
anapsi:
Membro desde: 14.08.2007

Obrigado pelas tuas palavras...esta insegurança faz parte cada vez me convenço mais disso, e há dias e dias, há dias em que encaramos de uma forma normal outros em que nem tanto, depende do nosso estado de espírito.
Bjs Ana

Retrato de MLuis
Qui, 21/02/2008 - 00:22
MLuis:
Membro desde: 23.10.2007

Sai de casa com 17 anos para ir estudar!! Posso dizer que foi das melhores coisas que me aconteceu e passo a explicar. Eu sempre fui muito desenrascada e bastante independente, mas necessitava do meu próprio espaço e foi isso que aconteceu. Tenho um caso em casa da minha irmã que nunca saiu de casa e é com tristeza que digo que só aos 30 anos é que aprendeu a cozinhar. Não faz rigorosamente nada!!! Vive com os meus pais e é a minha mãe que faz tudo, rigorosamente tudo!!
Eu desde muito nova que cuido de mim e desde que comecei a namorar comecei a pensar em 2 e não em 1. Fui viver para Holanda durante 7 meses, por causa de um estágio profissional e de seguida casei e aqui estou em Londres!!!
Como vês sempre longe de casa e dos pais, mas não é por isso que estamos mais afastados. Falamos todos os dias, várias vezes ao dia ehehe
Acredito que sair de casa tão cedo me fez amadurecer e tornar na pessoa que sou hoje.
Não tenhas medo de sair do ninho, afinal vais criar o teu próprio ninho e garanto-te que é muito bom. Podes sempre visitar a "NaveMãe" ehehe nós quando vamos a Portugal ficamos nos nosso quartos de solteiros e não me sinto diferente.
Beijocas

Maria Luís

Retrato de anapsi
Qui, 21/02/2008 - 20:51
anapsi:
Membro desde: 14.08.2007

Um grande grande beijinho para ti, obrigado.

Post