Primeiros socorros para emergências de moda | A Nossa Vida

Primeiros socorros para emergências de moda

Quem é que já não viu a sua noite estragada por um copo de vinho tinto espalhado num vestido imaculado? Ou um bacalhau com natas que acabou em cima da sua nova saia? E aquela camisa vintage marcada por base e batom vermelho? Cuidar da sua roupa é importante, por isso, esteja preparada para vencer qualquer emergência de moda, sem estragar a noite, nem desfalcar o roupeiro.

Vinho tinto: lave à mão com água tónica; o sal absorve a nódoa, enquanto as “bolhas de gás” contribuem para a sua remoção.

Vinho branco: passe por água fria ou leite fervido.

Batom: remova o máximo que puder com um cartão de crédito ou uma faca de manteiga; de seguida esfregue suavemente com uma toalhita molhada e passe por água quente para retirar os óleos.

Relva: a melhor solução neste caso é a lavagem com sabão rosa, que também é muito eficaz na remoção de outras nódoas difíceis.

Combustível: remova o máximo que puder com uma faca ou colher, passando de seguida, um pano absorvente sobre a nódoa para remover quaisquer excessos. Polvilhe a nódoa com bicarbonato de sódio, seguido de detergente de lavar louça e deixe repousar durante 5 minutos. Mergulhe a peça em água quente durante 30 minutos, retire e passe por água. No caso de a nódoa persistir, aplique uma pasta grossa, confeccionada com bicarbonato de sódio e água, deixando-a secar. Uma vez seca, remova a pasta com uma escova suave.

Molho de tomate: se a nódoa for pequena, basta raspar primeiro o máximo de sujidade que puder e passar por água fria e sabão líquido. Se a nódoa for grande, acrescente o seguinte passo – esfregue suavemente com vinagre de vinho branco.

Ovo: utilize uma faca ou colher para retirar o excesso de ovo, passando um pano absorvente sobre a nódoa. Com uma esponja, aplique água aos dois lados da nódoa, esfregando suavemente com os dedos até conseguir retirar todos os resíduos do ovo. No caso de a nódoa já estar seca, terá de aplicar um pouco de detergente de roupa à água.

Café e chã: esfregue suavemente com vinagre de vinho branco e passe por água.

Cerveja: passe por água fria com sabão; em alternativa, aplique vodka pura.

Óleo: cubra a nódoa com maisena e deixe repousar durante cerca de 20 minutos, ao fim do qual deve retirar tudo com a ajuda de uma toalha seca. Repita se necessário. Este truque é especialmente eficaz em peças de seda e lã. O sabão rosa é também uma excelente alternativa para a remoção deste género de nódoas.

Maquilhagem: utilize uma fatia de pão de forma branco como uma esponja para retirar qualquer tipo de produto cosmético.

Fruta: sai bem e rapidamente se deitar água a ferver sobre a nódoa imediatamente a seguir ao incidente.

Cera de velas: retire o que puder com as mãos; depois, coloque uma folha de papel de cozinha sobre a nódoa (tanto por fora como por dentro da peça de vestuário) e passe o ferro sobre a mesma – o papel vai absorver a cera.

Suor: dilua um pouco de vinagre em água e lave a peça em questão.

Tinta de caneta: embebede a nódoa com laca de cabelo e deixe secar para depois escovar a nódoa suavemente com uma mistura de água e vinagre. Passe por água limpa.

Lama/terra: deixe a lama/terra secar completamente, para depois sacudir e/ou aspirar o máximo de resíduos. Aplique um detergente de roupa directamente sobre a nódoa e deixe actuar durante cerca de 15 minutos, esfregando suavemente a nódoa de 3 em 3 minutos, para auxiliar a libertação da lama/terra.

Chiclete: se ficou, inexplicavelmente com um pedaço de chiclete colado à camisola ou às calças, coloque esse vestuário no congelador. Quando a chiclete estiver completamente congelada, remove-se facilmente da roupa.

Nota importante: sempre que tentar remover uma nódoa, aplique a solução em questão à parte de trás da nódoa e não a frente, assim estará a “empurrar” a nódoa para fora do tecido e não ainda mais para dentro!

Comentários (0)

Post