O que faço nesta situação?

5 respostas [Última]
anonimo2021
Retrato de anonimo2021
Offline
Desde: 03.05.2017

Olá.

Não sei se alguém aqui me pode ajudar mas é o seguinte: eu viv junto com a minha namorada a pouco mais de um ano, e temos um filho, de um ano. Quando nos mudámos, os pais dela ajudaram ao ínicio até aí tudo bem...o problema é que à medida que o tempo foi passando eu notei que a minha namorada faz tudo o que quer e bem lhe apetece, e eu é totalmente o contrário... Ela pode chegar a casa e deitar-se no sofá, e eu se fizer o mesmo ela pergunta-me logo "nao vais dormir pois não?", eu se por exemplo chego a casa e vou ao computador ou telemovel rapido enviar um email ou terminar algum trabalho urgente, ela implica logo comigo, mas ela por exemplo quando chegamos a casa das compras, a primeira coisa que ela faz é ir para a varanda e fumar um cigarro, enquanto eu fico a arrumar as compras...fora das vezes que os pais dela quando la vao jantar/almoçar, assim que acabam de comer, ela e a mae vao para a varanda fumar as duas, e eu que arrume a cozinha...e para não falar das vezes que vamos ao supermercado, e elas as duas (mais uma vez) decidem ir a rua fumar enquanto eu fico com o meu filho mais de meia hora a espera delas no supermercado...

Outra situação também é que decidem tudo sem me perguntarem nada...como por exemplo, os pais dela decidem ir almoçar/jantar a minha casa de um momento para o outro, do tipo: "olha vamos levar um frango para comer aí", e depois a seguir se a minha sogra estiver com o meu filho diz muitas vezes "olha o pai, olha o pai, olha o pai" e se eu não olho logo quando ela diz isso, ela manda logo a boca: " O pai nao te liga nenhuma", o que não é verdade... quando os meus sogros estão em minha casa, eu sinto-me 0% à vontade...não consigo fazer nada...as vezes tenho que esperar que eles se vão embora para fazer algum trabalho urgente, porque senão começam com bocas por eu estar no computador...mas esquecem-se das vezes que largam o meu filho para irem fumar... e depois quando eu tou com ele ao colo, a minha sogra tira-mo logo para o colo dela.

Outra situação que me está a deixar bastante cansado, é que eu e a minha namorada raramente conseguimos sair juntos (Eu, ela e o meu filho). Os pais dela vêm sempre juntamente...ou então ela própria chama a mãe dela...quando eu dou a ideia de irmos passear a tal sitio, o objetivo e nos os tres...mas ela faz questão de dizer logo a mae dela para ir connosco... e eu fico pior que estragado por dentro...ja lhe perguntei uma vez quando é que conseguiriamos sair os 3 apenas...e ela respondeu-me que não sabia...e eu não acho isto normal...e se eu me queixar de algo, acabo por ser sempre o mau da fita..não posso dizer que estou cansado, mas ela todos os dias queixa-se que esta muito cansada, mas a saida do trabalho que ir sempre passear... não posso comprar algo para mim porque começam logo a dizer que o dinheiro tem que se poupar (como se eu gastasse muito...) mas a minha namorada, pode comprar tenis de quase 100 € por exemplo...

Daqui a pouco vamos ao supermercado, e ja sei que ela vai dizer a mae dela para ir ter la tambem... A conclusão a que tiro daqui é que não mando nada, e que não posso fazer nada...

Visto que a conversa não resulta...o que faço nesta situação?

Obrigado e desculpem o longo texto

Grim Reaper
Retrato de Grim Reaper
Offline
Desde: 29.04.2017
*

anonimo2021 escreveu:
Olá.

Não sei se alguém aqui me pode ajudar mas é o seguinte: eu viv junto com a minha namorada a pouco mais de um ano, e temos um filho, de um ano. Quando nos mudámos, os pais dela ajudaram ao ínicio até aí tudo bem...o problema é que à medida que o tempo foi passando eu notei que a minha namorada faz tudo o que quer e bem lhe apetece, e eu é totalmente o contrário... Ela pode chegar a casa e deitar-se no sofá, e eu se fizer o mesmo ela pergunta-me logo "nao vais dormir pois não?", eu se por exemplo chego a casa e vou ao computador ou telemovel rapido enviar um email ou terminar algum trabalho urgente, ela implica logo comigo, mas ela por exemplo quando chegamos a casa das compras, a primeira coisa que ela faz é ir para a varanda e fumar um cigarro, enquanto eu fico a arrumar as compras...fora das vezes que os pais dela quando la vao jantar/almoçar, assim que acabam de comer, ela e a mae vao para a varanda fumar as duas, e eu que arrume a cozinha...e para não falar das vezes que vamos ao supermercado, e elas as duas (mais uma vez) decidem ir a rua fumar enquanto eu fico com o meu filho mais de meia hora a espera delas no supermercado...

Outra situação também é que decidem tudo sem me perguntarem nada...como por exemplo, os pais dela decidem ir almoçar/jantar a minha casa de um momento para o outro, do tipo: "olha vamos levar um frango para comer aí", e depois a seguir se a minha sogra estiver com o meu filho diz muitas vezes "olha o pai, olha o pai, olha o pai" e se eu não olho logo quando ela diz isso, ela manda logo a boca: " O pai nao te liga nenhuma", o que não é verdade... quando os meus sogros estão em minha casa, eu sinto-me 0% à vontade...não consigo fazer nada...as vezes tenho que esperar que eles se vão embora para fazer algum trabalho urgente, porque senão começam com bocas por eu estar no computador...mas esquecem-se das vezes que largam o meu filho para irem fumar... e depois quando eu tou com ele ao colo, a minha sogra tira-mo logo para o colo dela.

Outra situação que me está a deixar bastante cansado, é que eu e a minha namorada raramente conseguimos sair juntos (Eu, ela e o meu filho). Os pais dela vêm sempre juntamente...ou então ela própria chama a mãe dela...quando eu dou a ideia de irmos passear a tal sitio, o objetivo e nos os tres...mas ela faz questão de dizer logo a mae dela para ir connosco... e eu fico pior que estragado por dentro...ja lhe perguntei uma vez quando é que conseguiriamos sair os 3 apenas...e ela respondeu-me que não sabia...e eu não acho isto normal...e se eu me queixar de algo, acabo por ser sempre o mau da fita..não posso dizer que estou cansado, mas ela todos os dias queixa-se que esta muito cansada, mas a saida do trabalho que ir sempre passear... não posso comprar algo para mim porque começam logo a dizer que o dinheiro tem que se poupar (como se eu gastasse muito...) mas a minha namorada, pode comprar tenis de quase 100 € por exemplo...

Daqui a pouco vamos ao supermercado, e ja sei que ela vai dizer a mae dela para ir ter la tambem... A conclusão a que tiro daqui é que não mando nada, e que não posso fazer nada...

Visto que a conversa não resulta...o que faço nesta situação?

Obrigado e desculpem o longo texto

Pois é meu amigo, maldito dia em que a deixaste usar as calças. Agora já não as quer tirar e és a p**a dela.

Tens que ser mais homem, ou então isso pode piorar ainda mais. Arranja um caso com outra mulher, para ver quem se ri mais, ou se ela ainda fica com vontade de fumar quando souber. Brincadeiras à parte, parece-me mesmo caso de abuso.

Pré-visualizaçãoAnexoTamanho
resposta1.jpg
resposta1.jpg64.74 KB
resposta2.jpg
resposta2.jpg61.43 KB
babysitterOeiras
Retrato de babysitterOeiras
Offline
Desde: 12.03.2013
Olá,

Olá,

Estás a ser tratado como um capacho e quanto mais cedes mais ela abusa. Se fosse a tí fazia as minhas coisas que achasse por bem fazer, se ela quer sempre incluir a mãe nos vossos passeios pura e simplesmente eu não ia até ela mudar de atitude, respondia ás bocas do género "como se tu não fizesses o mesmo" e deixava-me estar. É claro que no inicio não vai ser pacifico mas se ela não te quiser perder vai acabar por mudar de atitude, se continuares a ceder a situação vai acabar por se tornar insuportável para tí.

Boa sorte!

Melinha
Retrato de Melinha
Offline
Desde: 16.02.2010
Claramente tens de te começar

Claramente tens de te começar a impor, e quando digo isto não tem de ser nada agressivo.

Tem de haver um equilíbrio para os dois lados, caso contrário o cansaço vai ditar o futuro ou falta dele.

Já falaste com ela? Tens de tentar obter a reacção dela Às tuas questões e perceber o que há de errado, ou se ela tem motivações para fazer o que faz.

Há que assumir uma postura e se não for igual para ambos, um dos lados vai acabar por ceder...

jepud
Retrato de jepud
Offline
Desde: 27.12.2016
Impõe-te

Impõe-te

Osha
Retrato de Osha
Offline
Desde: 27.08.2012
Lamentavelmente a resposta

Lamentavelmente a resposta estaria na prevenção. O que agora já não é possivel. Ou seja, isto tem a ver com a tua forma de ser. Foste quem permitiu que a situação chegasse a tal ponto. mais vale entenderes como lá chegaste para prevenir situações futuras. Agora a solução vai ser estranha pois ela sempre te conheceu como aquele que aceita tudo. Devias ter feito sempre aquilo que queria independentemente do que ela dissesse. Quanto aos pais dela, grandes chagas. Eles que vão então todos juntos ao supermercado. Oferece te para ficar em casa a arrumar ou a cuidar do pequeno e aproveita esse tempo para "lazer" teu. De certeza que te divertes mais que no supermercado. O resto tem tudo a ver como queres encarar a tua relação de futuro. É para continuar? Ponderas pô-la entre a espada e a parede? Se a conversa não resulta passa às acções. Até ela te questionar porque mudaste. Não faças mais o que fazes, vai para o pc sempre que te apetecer. Sai so tu e o teu filho para bons passeios com a certeza que ele nao convidará os avós.

Opções de visualização dos comentários

As alterações efectuadas serão aplicadas a todos os tópicos.

Tópicos relacionados

Ola boa noite, desde ja passo a explicar qual a razao pela qual nao posso ter uma crianca neste momento; Estou numa relacao relativamente recente,...
Boa tarde,estamos aqui em casa com uma enorme dúvida trabalhista... Meu marido trabalhou 12 anos em uma empresa,e agora eles lhe mandaram embora pois...
É uma verdade indiscutível: usualmente os homens adormecem logo depois do sexo. Contudo, nenhuma mulher deve pensar que isto acontece porque a...
Bom dia lindas Meninas precisava de uns conselhos. A semana passada criei um tópico sobre se era melhor comprar ou arrendar. Comprar é bom porque é...
Desde sempre que me conheci com a rapariga da casa de banho. Não posso sair de casa e ir a algum sitio sem pensar se existe uma casa de banho por...
...