Que brinquedo dar a meu cão que destrói tudo?

24 respostas [Última]
Sorria
Retrato de Sorria
Offline
Desde: 16.05.2013

Olá meninas.
Tenho um labrador que faz agora em Junho 1 ano.
Ele é um amor,muito carinhoso,calmo e brincalhão.
Como todo cão,ele gosta de brincar. Mas ele destrói tudo. Se compro um brinquedo agora e lhe dou,não dura nem 2 horas.Ele adora rasgar,quebrar,mastigar tudo com os dentes. Quando não tem nada para brincar(pk destrói todos os brinquedos) se vira para o que encontra.Já foi de tudo: Panos de cozinha,revistas,pedras,roupas,meias(ele adora meias hehehehe),sapatos,e por aí vai...
Damos a bronca nele para não mexer nestas coisas e pronto,ele fica um bocado enfadado,pk não tem o que fazer...
Queria sugestões de brinquedos que resistam aos seus dentes,pois tem que ser algo forte para ele não o estragar ..

Obrigada e beijinhos Sorriso

L.S.
Retrato de L.S.
Offline
Desde: 27.08.2011
..

Já pensas-te num kong?
http://www.miscota.pt/caes/kong/kong-puppy
Ando a tentar comprar um pra minha cadelinha mas ainda não encontrei em nenhuma loja física, vou continuar a procurar, no entanto fica a sugestão.

Merida_M
Retrato de Merida_M
Offline
Desde: 30.07.2012
Há à venda na Amazon por 3

Há à venda na Amazon por 3 libras e pouco...

kikinha_kutxi
Retrato de kikinha_kutxi
Offline
Desde: 27.10.2010
Olá

Eu comprei um kong para o meu boxer e ele adora, há ossos também para cães grandes, façam longos passeios também para ele gastar a energia. Aconselho a ires a uma escola para cães, um casal amigo tem um lavrador de um ano, e desde que começou o treinamento deixou os sapatos dos donos em paz Espertalhão

Porque tu és o melhor do mundo Kutxi Sorriso
-----------------------------------------------------------------
Afilhada da minha querida (lagarta) C.A.S.C.S
Madrinha da mais doce FiPipoca

C.A.S.C.S.
Retrato de C.A.S.C.S.
Offline
Desde: 29.01.2011
.

Eu aconselho o Kong, sem dúvida nenhuma!
É um brinquedo Santo.

"Eu serei forte mesmo se tudo der errado, mais uma vez.."

Madrinha das queridas TâniaMiguel e kikinha_kutxi.
Afilhada orgulhosa da Rute Cris, da FiPipoca e Sofia1984 ! Lindonas Piscar o olho
Espertalhão

Sorria
Retrato de Sorria
Offline
Desde: 16.05.2013
Obrigada pelas sugestões

Obrigada pelas sugestões meninas.

Eu tava a ver na net e esse Kong é só para animais até 9 meses...???
Não há mal,pois não? Pk meu cão aqui ainda é uma criança. Rsrs Só se vende pela net ou nas lojas tbm há?
Os ossos destes grandes eu compro. Sabem o que ele faz?
Mordisca o osso todo,quase fica a metade. Depois enterra-o. Hehehe..Não sei onde vai achar terra pois tá quase tudo tapado cá em casa..
Já tive a ver escola de cães e não há cá em Viseu. Vi com um treinador mas ele cobra a hora e não tenho condições para isso.Nós o passeamos também e ele tá sempre a brincar com os miúdos,mas quando não há o que fazer,lá vai ele fazer das suas.

C.A.S.C.S.
Retrato de C.A.S.C.S.
Offline
Desde: 29.01.2011
.

Eu comprei o meu através de uma página de ajuda animal, o que significa que ao comprar o Kong para o meu Rusco ainda ajudei animais abandonados. Deixo-te o link da página:
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=5143336919...
Se tiveres dúvidas podes sempre contactar a rapariga da página, ela é super querida.

"Eu serei forte mesmo se tudo der errado, mais uma vez.."

Madrinha das queridas TâniaMiguel e kikinha_kutxi.
Afilhada orgulhosa da Rute Cris, da FiPipoca e Sofia1984 ! Lindonas Piscar o olho
Espertalhão

L.S.
Retrato de L.S.
Offline
Desde: 27.08.2011
..

C.A.S.C.S. vou espreitar essa página de facebook pra ver se compro um pra minha menina, ando a evitar comprar no ebay ou no amazon porque existem muitas falsificações de kongs, com borracha mais fraca e isso, e eu quero mesmo original, e se puder ajudar outros patudos, perfeito!

Sorria
Retrato de Sorria
Offline
Desde: 16.05.2013
Obrigada meninas. Já agora

Obrigada meninas.
Já agora C.A.S.C.S.,quanto pagaste pelo Kong por este site?
Quero comprar um destes para o meu cãozito.
Hoje comprei um osso de plástico no Continente por só 2 euros e meio e vejo que vale a pena pois é super resistente. O meu cão hoje até cansou-se de o tentar roer e não conseguiu..Rsrsrs... ele tá todo contente sempre com o brinquedo na boca..

C.A.S.C.S.
Retrato de C.A.S.C.S.
Offline
Desde: 29.01.2011
.

Esses Kong's são mesmo os originais, nada de falsificações. Comprei o do meu cão vai para ano e ainda está como novo.
Quanto ao preço, depende do tamanho do cão. O meu é pequeno, comprei o tamanho S por 6€.
Além de que ajudo patudos abandonados e isso para mim é essencial.

Um beijinho *

"Eu serei forte mesmo se tudo der errado, mais uma vez.."

Madrinha das queridas TâniaMiguel e kikinha_kutxi.
Afilhada orgulhosa da Rute Cris, da FiPipoca e Sofia1984 ! Lindonas Piscar o olho
Espertalhão

NinaLab
Retrato de NinaLab
Offline
Desde: 23.05.2013
Bom dia Sorria! Sei bem do

Bom dia Sorria! Sei bem do que falas, também tenho uma labrador! São maravilhosos mas com uma energia... Se tem quase um ano, já deve estar bem mais calminho certo? Tenta não deixar ao alcance dele nada que lhe possa chamar a atenção. A minha pode estar perto de roupa e calçado que não faz nada, mas se a roupa cair, aí ela adora...mas não a estraga! AGORA! Antes de um ano era bem diferente...

3 brinquedos que adoro!

Comprei na Bricor: uma espécie de bola colorida interlaçada, era muito bom porque agarramos facilmente e brincamos muito bem. ela adorava. era de borracha. durou para aí 1 mês, sim porque ela passava a vida a roê-la. custa cerca de 8eur

Também na Bricor comprei uma espécie de bola verde, é mais para o oval, furada nas pontas e toda ela feita com buraquinhos para os dentes. é maravilhosa, ela adora. pincha muito e tem uma borracha que nunca mais acaba...não é barata mas dura muuuuuuuuuuuuuitos meses com ela sempre a roê-la. custa à volta de 7eur

Por fim, as bolas da sport zone. São umas bolas iguais às de tenis, textura e cor mas um pouco maiores. Adooooooooora! Inicialmente, ao fim de 15 dias dava cabo delas. Agora percebeu que mais vale cuidar delas para ter sempre brinquedos...e como é grande, ela agarra bem na mesma e nunca a perdemos quando a levamos connosco...custa apenas 2eur Sorriso

Quanto aos ossos de couro, ela também gosta muito. Quando era pequena duravam dias mas agora dura um unico dia...e compro os de 21 cm...

ah ela tem 1 ano e 4 meses

Sorria
Retrato de Sorria
Offline
Desde: 16.05.2013
Obrigada C.A.S.C.S. Vou

Obrigada C.A.S.C.S.

Vou comprar um para o meu cão de certeza.Assim distraio ele com alguma coisa e ajudo também a estes pobres animais.
Não sei se és como eu,mas parece também teres o coração mole por causa de cães. Se pudesse também ajudava todos. Amo os animais!

Beijinhos Sorriso

Sorria
Retrato de Sorria
Offline
Desde: 16.05.2013
NinaLab muito obrigada! Vou

NinaLab muito obrigada!
Vou procurar todos estes também para o meu peludo aqui.
E tudo o que disseste é verdade.O meu amorzito(meu cão)é muito ligado as pessoas e muito carinhosos com elas. Um verdadeiro amor!
Mas como havias dito,tem uma energia enorme.Espero mesmo que ele se acalme mais,como aconteceu com a tua.É verdade pois ele tem vindo a se acalmar mais com o tempo. Antes ele destruia tudo...Tudo mesmo. Agora já não são tantas coisas assim. Ele não pode ver papéis brancos...adora rasga-los.Agorinha mesmo eu deixei uma conta em uma mesinha baixa e quando dei conta,já ele corria pela casa com ela na boca...Ainda bem que já tava paga.
Lencinhos e guardanapos tem mesmo d estarem escondidos dele.Deve ser fixação pelo branco,sei lá... rsrsrs
Mas é como dizes,tentar não deixar nada a vista pq senão..ui.
Vou ver se encontro estes brinquedos q sugeriste para ele ter mesmo muitas opções e não mexer no q não deve.
Obrigada pelas dicas

Beijinhos Sorriso

C.A.S.C.S.
Retrato de C.A.S.C.S.
Offline
Desde: 29.01.2011
.

Sorria escreveu:
Obrigada C.A.S.C.S.

Vou comprar um para o meu cão de certeza.Assim distraio ele com alguma coisa e ajudo também a estes pobres animais.
Não sei se és como eu,mas parece também teres o coração mole por causa de cães. Se pudesse também ajudava todos. Amo os animais!

Beijinhos Sorriso

Olá Sorria.
É, sou um coração mole. Tenho um cão que resgatei do canil, 1 gata que estava abandonada na rua e estou à espera que o meu piolho mais novo (gatinho com 2 meses!) chegue a minha casa.
Sou "dependente" de animais, venho neles muita lealdade e sinceridade que não se vê na maioria das pessoas!
Mas pronto, sou assim, uma apaixonada por patudos Espertalhão

"Eu serei forte mesmo se tudo der errado, mais uma vez.."

Madrinha das queridas TâniaMiguel e kikinha_kutxi.
Afilhada orgulhosa da Rute Cris, da FiPipoca e Sofia1984 ! Lindonas Piscar o olho
Espertalhão

Sorria
Retrato de Sorria
Offline
Desde: 16.05.2013
C.A.S.C.S. é muito bom ver

C.A.S.C.S. é muito bom ver que ainda há pessoas boas no mundo.Realmente fico feliz por seres assim. Também gostava muito de resgatar mais uns cãezitos para mim,mas por enquanto ainda não posso.Vivo em casa dos sogros e eles não são muito receptivos a terem mais cães. Mas assim que tiver minha casa,vai ser só animais.Companhia melhor do que esta,não há. Amo-os! São autênticos e verdadeiros.
Beijinhos a ti e aos teus lindos companheiros de quatro patas Sorriso

businesscoutinho
Retrato de businesscoutinho
Offline
Desde: 17.05.2012
Duas horas?

Sorria escreveu:
Olá meninas.
Tenho um labrador que faz agora em Junho 1 ano.
Ele é um amor,muito carinhoso,calmo e brincalhão.
Como todo cão,ele gosta de brincar. Mas ele destrói tudo. Se compro um brinquedo agora e lhe dou,não dura nem 2 horas.Ele adora rasgar,quebrar,mastigar tudo com os dentes. Quando não tem nada para brincar(pk destrói todos os brinquedos) se vira para o que encontra.Já foi de tudo: Panos de cozinha,revistas,pedras,roupas,meias(ele adora meias hehehehe),sapatos,e por aí vai...
Damos a bronca nele para não mexer nestas coisas e pronto,ele fica um bocado enfadado,pk não tem o que fazer...
Queria sugestões de brinquedos que resistam aos seus dentes,pois tem que ser algo forte para ele não o estragar ..

Obrigada e beijinhos Sorriso

Tem sorte! O meu, esta «ternurinha» da foto, destrói qualquer coisa em dois minutos. Uma vez, comprei uma bola de futebol (estupidez...) que durou da loja até a casa. Já chegou a destruir um saco de 15 bolas de ténis em menos de 5 dias! Há tempos, venderam-me um osso de borracha reforçada dizendo-me que era virtualmente indestrutível. No dia a seguir, fui mostrar à senhora que, afinal, aquilo não era indestrutível... Portanto, agora é só paus (costumo jogar com o meu cão um jogo a que dou o nome de «vai buscar a árvore») e pinhas apanhadas na serra, que sempre saem de borla! Quando agarra alguma coisa com a boca e abana aquela cabecinha, é capaz de partir um pau mais grosso que o meu indicador (que é grosso)!

Uma coisa: pelo que diz, o seu cão é um Retriever de Labrador e, como o próprio nome indica, é um cão que tem nos seus genes ir buscar coisas (caça, etc.), pelo que é um cão que precisa de muito exercício. Será que fica hiperactivo por não estar a ter o exercício suficiente? Tipo: uma hora de brincadeira à solta em local apropriado por dia, no mínimo? Com mais actividade (se possível», cansava-se mais e não se aborreceria tanto, creio.

Luís

businesscoutinho
Retrato de businesscoutinho
Offline
Desde: 17.05.2012
Compreendo...

Sorria escreveu:
C.A.S.C.S. é muito bom ver que ainda há pessoas boas no mundo.Realmente fico feliz por seres assim. Também gostava muito de resgatar mais uns cãezitos para mim,mas por enquanto ainda não posso.Vivo em casa dos sogros e eles não são muito receptivos a terem mais cães. Mas assim que tiver minha casa,vai ser só animais.Companhia melhor do que esta,não há. Amo-os! São autênticos e verdadeiros.
Beijinhos a ti e aos teus lindos companheiros de quatro patas Sorriso

Eu, se tivesse casa própria e uma propriedadezinha em volta, teria pelo menos 20 cães! Ou mais!

Luís

businesscoutinho
Retrato de businesscoutinho
Offline
Desde: 17.05.2012
Um cão é muito melhor do que uma pessoa

C.A.S.C.S. escreveu:
Sorria escreveu:
Obrigada C.A.S.C.S.

Vou comprar um para o meu cão de certeza.Assim distraio ele com alguma coisa e ajudo também a estes pobres animais.
Não sei se és como eu,mas parece também teres o coração mole por causa de cães. Se pudesse também ajudava todos. Amo os animais!

Beijinhos Sorriso

Olá Sorria.
É, sou um coração mole. Tenho um cão que resgatei do canil, 1 gata que estava abandonada na rua e estou à espera que o meu piolho mais novo (gatinho com 2 meses!) chegue a minha casa.
Sou "dependente" de animais, venho neles muita lealdade e sinceridade que não se vê na maioria das pessoas!
Mas pronto, sou assim, uma apaixonada por patudos Espertalhão

jamais te atraiçoará. E cães maus É COISA QUE NÃO EXISTE! O que existe, isso sim e em demasia, é donos execráveis!

Luís

Sorria
Retrato de Sorria
Offline
Desde: 16.05.2013
Olá businesscoutinhoEu

Olá businesscoutinho
Eu também se pudesse teria uma matilha enorme de cães. Amo-os! Odeio ver qualquer tipo de maltrato em animais,por mais simples que seja. Onde moro por exemplo há um cão,creio ser um labrador também,que cresceu acorrentado sempre no mesmo lugar.Sempre que passamos por lá,o cão está sempre a dormir.Sei que isso não é muito mal para alguns,mas para mim é horrível. Aquele pobre cão não teve infância. Não correu,não brincou. Não teve e não tem vida nenhuma. Imagina estar a vida toda acorrentado a lugar só a comer e ver as pessoas a passar. É triste. Fico triste pelo animal,sempre que passo perto.
Agora quanto a seu cão,ele deve estar novito ainda não é?
É que o meu destruía tudo também. E fazia como disseste: pegava em algo e o sacudia com tanta força e tanta vezes que não sobrava nada. Esses animais tem uma força tremenda nos maxilares.Se quisessem se virar contra nós,estávamos lixados. Mas eles são uns amores. É como disseste: não existe animal mau,existe dono mau.
Ah! E o meu cão é mesmo um retrivier de labrador..um labrador preto lindo!

businesscoutinho
Retrato de businesscoutinho
Offline
Desde: 17.05.2012
Olá

Sorria escreveu:
Olá businesscoutinho
Eu também se pudesse teria uma matilha enorme de cães. Amo-os! Odeio ver qualquer tipo de maltrato em animais,por mais simples que seja. Onde moro por exemplo há um cão,creio ser um labrador também,que cresceu acorrentado sempre no mesmo lugar.Sempre que passamos por lá,o cão está sempre a dormir.Sei que isso não é muito mal para alguns,mas para mim é horrível. Aquele pobre cão não teve infância. Não correu,não brincou. Não teve e não tem vida nenhuma. Imagina estar a vida toda acorrentado a lugar só a comer e ver as pessoas a passar. É triste. Fico triste pelo animal,sempre que passo perto.
Agora quanto a seu cão,ele deve estar novito ainda não é?
É que o meu destruía tudo também. E fazia como disseste: pegava em algo e o sacudia com tanta força e tanta vezes que não sobrava nada. Esses animais tem uma força tremenda nos maxilares.Se quisessem se virar contra nós,estávamos lixados. Mas eles são uns amores. É como disseste: não existe animal mau,existe dono mau.
Ah! E o meu cão é mesmo um retrivier de labrador..um labrador preto lindo!

Começo pela parte do assunto que mais me agrada: o meu cão Sorriso Ora, o meu cão tem agora quatro anos e meio. A verdade é que nunca destruiu nada em casa; só brinquedos, quando eu ainda lhos comprava. Agora, prefiro paus e pinhas, que ele pode arrasar à vontade pois saem de borla, eheheh! Tem uma predilecção especial por pinhas (não sei se é por aquilo ter algum sabor a pinhões, ou coisa do género). Tenho reparado que as pinhas mais fechadas (as verdes), são o objecto que mais lhe dura na boca, chegando mesmo a durar uma hora, mas ele já se especializou na destruição até dessas! Portanto, acho que há cães para os quais a destruição parece ser um prazer duradouro, lol. O veterinário diz que ele roer paus e pinhas é das melhores coisas que podem existir para os dentes dos cães. Também é bom deixá-los comer ervas (desde que não «tratadas», evidentemente), pois ajuda a purgar o estômago (por vezes, regurgitam impurezas do estômago imediatamente ou poucos minutos depois), evitando o recurso aos famosos comprimidos. Moro na província, e por lá os cães que nascem e morrem presos a uma corrente não são a excepção, mas infelizmente a regra. Uma vizinha minha tem um enorme Rafeiro do Alentejo que nem sequer conhece a rua que passa diante da própria casa (porque nasceu com a «maldição» de ser grande e, como tal, é «forçosamente» perigosíssimo, uma verdadeira fera!). Enfim, da fama não se livra. Quando fui para lá, fui até avisado de que não me aproximasse, pois ele atacava, mas como eu sou doido, aproximei-me à mesma, com jeitinho mas sem medo, observando as suas reacções a mim e deixando-o cheirar-me. Ora, como eu ia a comer umbolo seco chamado ferradura, do qual só comi metade, fiquei ali a atirar-lhe pedaços da outra metade. Quando o animal terminou de comer - espante-se! - estalei-lhe os dedos, disse-lhe «Senta-te!» e não é que o bicho se sentou mesmo?! E deixou-me fazer-lhe festas na cabeça, ainda que com alguma estranheza no olhar, pois não estava habituado. Ainda hoje estou convencido de que o animal deve ter pensado algo do tipo: «Mas o que é isto que ele está a fazer?! Mas olha, é bom!». Mais tarde vim a perceber que, apesar de não apresentar maus tratos evidentes no corpo, aquilo a que ele estava de facto habituado era (e é...) a porrada e a comer quando calhasse, ou seja, quando o dono se lembrava de passar por ali e atirar-lhe uns ossos, seguidos de pontapés, dados não sei com que estúpido prazer! por que nunca chamei a polícia? 1) Porque não sei se, em Portugal, vale a pena; 2) Por que aquelas pessoas... enfim... são da minha família, embora nisto não pareça! No dia em que vi o dono dar-lhe os pontapés, contive-me como pude e perguntei-lhe se não gostava do cão, por que raio é que o tinha! Enfim... retomando a história triste deste Rafeiro do Alentejo chamado Serpa: já tentei pedir para mo deixarem passeá-lo (sem a presença do meu cão, pois tentei aproximá-los duas ou três vezes, mas manifestamente não foi possível, pois o Serpa, certamente com mais de seis anos de idade, durante os quais nunca conheceu sequer a rua que passa à frente da sua casa, não está habituado a conviver com ninguém, incluindo outros cães), mas não me deixaram, porque o Serpa é um UTENSÍLIO (palavra minha) de guarda (não sei bem a quê, pois a corrente não tem mais de meia dúzia de metros). Ora, a verdade é que este cão mau, terrível, devorador de pessoas, não sei se por eu lhe ter dado o tal bolo na primeira visita (e em muitas outras) ou por ter sido, talvez, o primeiro humano a aproximar-me dele para lhe fazer aquela coisa esquisita das festas (em vez de lhe dar pontapés e pauladas), até me deixa meter-lhe a mão dentro da boca (o que deixa estes meus familiares boquiabertos, mas para mim é perfeitamente natural), e até tem uma reacção muito engraçada e inteiramente compreensível que, na primeira vez em que ocorreu, me provocou uma pontinha de susto inicial (confesso), mas depois, quando a compreendi, me deixou com as lágrimas nos olhos (e não sou menos homem por isso... além de que ninguém viu). A reacção foi esta, certo dia: ao pressentir que eu me preparava para me ir embora, envolveu-me a perna direita com as patas dianteiras, numa coisa a a que eu me atreveria a chamar de abraço. Tive (e tenho) a nítida sensação de que são abraços do tipo: «Por favor, não te vás embora! És o único humano que eu conheço que parece perceber que eu não gosto de patadas e prefiro aquela coisa estranha que me fazes na cabeça e no lombo! És o único que percebe que eu não quero fazer mal a ninguém e que só quero dar umas voltinhas de vez em quando, saber se existe mais mundo para lá desta corrente». Pois é... Afinal, aquele cão gigantesco, absolutamente impróprio para passar a vida preso a uma corrente (não devia acontecer com nenhum cão), não só não é a Besta do Apocalipse como merecia uma vida melhor. Tenho a certeza de que, apesar de já ser um cão bem adulto, com umas voltinhas sozinho comigo, preso a uma trela forte, aprenderia que as outras pessoas e os outros cães não são necessariamente perigosos. É claro que isto teria de ser feito com grande cuidado inicial, até eu ter a certeza de que ele me obedeceria e de que já tinha ganho a confiança suficiente para não atacar ninguém. Só tive um incidente com este cão, e a culpa foi minha, mas até este incidente serve para mostrar o quanto ele gosta de mim e que nunca me faria mal: Foi um dia, quando lhe dei mais uns pedaços do tal bolo. Cometi o erro de lhe fazer festas enquanto comia... Abocanhou-me um braço, mas não mordeu mesmo. Foi só uma coisa mais tipo: «Eu não te faço mal porque gosto de ti, mas deixa-me aproveitar esta oportunidade para comer!». Tenho pena de não me poder aproximar com o meu Tejo, pois já vi que se iam engalfinhar um com o outro, com resultados catastróficos para ambos. Esta é a minha história com o maltratado Serpa, Rafeiro do Alentejo de excelente cepa e índole. por isso, repito: NÃO EXISTEM CÃES MAUS! HEI-DE REPETIR ISTO ATÉ À EXAUSTÃO! Quando ao meu «dog» Tejo, Buldogue Americano imperador de todo o reino canino, «d'aquém e d'além mar», é um pachola (tirando dentro da carrinha e no jardim da casa) e, na rua, costuma provocar reacções NORMALMENTE engraçadas nas pessoas, porque NORMALMENTE (Há sempre os estúpidos que não gostam de cães) começam pelo medo, mas, quando percebem que o bicho não faz mal a ninguém e até se roça nas pernas das pessoas como um gato gigantesco quando lhe fazem festas, vêem logo os «Ai que querido, que amorzinho, que lindo» (mulheres); «Eh pá, que cão tão fixe! Eh pá lindo! Um destes é que eu queria ter! Epectáculo, pá!» (homens); «Ahahaha, que cão tão engraçado! Olha, vai buscar o pau» (crianças mais crescidas). Até muitas crianças mais pequeninas se riem para ele (mantenho-o preso para ele não saltar e digo-lhe para não ladrar... e não é que o sacana do bicho parece perceber?!).

Bem, abraços.

Luís

Sorria
Retrato de Sorria
Offline
Desde: 16.05.2013
Também acredito que os cães

Também acredito que os cães não são maus. Acredito que reagem de acordo com tudo o que receberam em suas vidas. Se tiveram só violência,tá claro que eles vão aprender a se defender.E isso para muitas pessoas significa que eles são umas feras sem corações.Não entendem e nem querem entender o porque deles estarem como estão.O modo que eles usam para reagir ao mundo que lhes são oferecidos,as vezes intimida-nos mesmo. Mas ninguém vai ver ali realmente o que se passa.
Tens aí um exemplo teu muito bonito.Nem mesmo recebendo "pancadas" a vida toda, o cão age como era suposto agir. Achei muito bonito o que fizeste por ele. Fiquei muito comovida quando falaste na parte em que ele "abraçou-te" para não ires embora. Pobre animal! Se as pessoas soubessem o grande valor que esses animais nos dão,não os maltratariam tanto. Eles dão a vida por nós se for preciso. Protegem-nos a todo custo,mesmo que para isso fiquem todos lixados. Eu não entendo em meu coração mole, o que se passa na humanidade de hoje.Não dá para compreender como o ser humano é tão mau com esses seres tão LINDOS.
Eu sim devia ter nascido rica para poder dar um bom uso ao meu dinheiro. Ia fazer muitos cãezitos felizes!

Sorria
Retrato de Sorria
Offline
Desde: 16.05.2013
Comprei hoje o Kong... Meu

Comprei hoje o Kong...
Meu peludo tá a parecer mesmo um menino quando ganha doce. Ficou muito feliz! Ele o joga para cima e como aquilo cai e rola para os lados,ele fica todo entusiasmado,como se fosse um bicho qualquer que ele tá a perseguir.A ver agora se aguenta mesmo nos dentinhos da meu linduxo..

C.A.S.C.S.
Retrato de C.A.S.C.S.
Offline
Desde: 29.01.2011
.

Sorria escreveu:
Comprei hoje o Kong...
Meu peludo tá a parecer mesmo um menino quando ganha doce. Ficou muito feliz! Ele o joga para cima e como aquilo cai e rola para os lados,ele fica todo entusiasmado,como se fosse um bicho qualquer que ele tá a perseguir.A ver agora se aguenta mesmo nos dentinhos da meu linduxo..

Vais ver que vai durar =)
E sim, eles deliram com o Kong. Cá por casa também é assim!

"Eu serei forte mesmo se tudo der errado, mais uma vez.."

Madrinha das queridas TâniaMiguel e kikinha_kutxi.
Afilhada orgulhosa da Rute Cris, da FiPipoca e Sofia1984 ! Lindonas Piscar o olho
Espertalhão

kikinha_kutxi
Retrato de kikinha_kutxi
Offline
Desde: 27.10.2010
Lol

C.A.S.C.S. escreveu:
Sorria escreveu:
Comprei hoje o Kong...
Meu peludo tá a parecer mesmo um menino quando ganha doce. Ficou muito feliz! Ele o joga para cima e como aquilo cai e rola para os lados,ele fica todo entusiasmado,como se fosse um bicho qualquer que ele tá a perseguir.A ver agora se aguenta mesmo nos dentinhos da meu linduxo..

Vais ver que vai durar =)
E sim, eles deliram com o Kong. Cá por casa também é assim!

E por aqui...
O meu boxer delira com aquilo, ladra,salta, corre, fica nervoso lol parece uma criança, vais ver que vai durar Cão

Porque tu és o melhor do mundo Kutxi Sorriso
-----------------------------------------------------------------
Afilhada da minha querida (lagarta) C.A.S.C.S
Madrinha da mais doce FiPipoca

L.S.
Retrato de L.S.
Offline
Desde: 27.08.2011
..

C.A.S.C.S. escreveu:
Eu comprei o meu através de uma página de ajuda animal, o que significa que ao comprar o Kong para o meu Rusco ainda ajudei animais abandonados. Deixo-te o link da página:
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=5143336919...
Se tiveres dúvidas podes sempre contactar a rapariga da página, ela é super querida.

Recebi hoje o meu kong, mais logo irei experimentar! Obrigada pela dica da página, ótimo atendimento e produto original a bom preço! E ainda ajudar outros patudos!!!

Opções de visualização dos comentários

As alterações efectuadas serão aplicadas a todos os tópicos.