Problemas com a sogra

Retrato de Raquelmsantos
12.08.2014 | 16:57
Raquelmsantos:
Membro desde: 16.01.2014

Então é o seguinte:

Há uns anos atrás o meu namorado convidou-me para viver com ele, coisa que aceitei com prontidão visto ser a concretização de um sonho!!!
Quando começamos a viver juntos, cheguei à conclusão que a casa onde ele vivia, e onde nós vivemos ainda, é pertença dos pais dele, que vivem noutro país e que usam como casa de férias cá em Portugal, sendo que vêm cá entre 3 a 5 vezes por ano e, de cada vez que vêm, permanecem na cá entre 1 a 2 semanas.
Sempre me dei bem com os meus sogros até ao dia em que a minha sogra chegou à conclusão de que eu vivia lá com o filho dela e desde então que nunca mais me dei bem com ela, e consequentemente, a minha relação com o meu sogro, apesar de não ser má, também já sofre com isso…
Basicamente ela (eles) está sempre a marcar território dentro de casa. A casa onde vivemos é de luxo e ela não nos permite mudar nada dos respetivos lugares (exceto no nosso quarto e casa de banho), se mudamos ela não diz absolutamente nada mas prontamente volta a recolocar onde estava. Faz questão de convidar quem quer e lhe apetece lá para casa sem se dar ao trabalho de nos avisar de que vão estar mais pessoas em casa, e já aconteceu eu chegar a casa e ficar com cara de parva a olhar para pessoas que eu não conhecia de lado nenhum, etc., etc…. E o pior é que a senhora é super desagradável, é assim metida à senhoreca, mas malcriada, porque vive noutro país e já nem sabe bem o que diz…
Atualmente a coisa está insustentável, eles estão cá de férias, eu detesto que eles estejam, ela é tão malcriada e desagradável que nem me apetece olhar para a cara dela, nem falar com ela e no outro dia ela confrontou-me à frente do meu namorado e do marido dela, eu não lhe respondi porque não quero descer o nível, falei apenas com o meu namorado que me deu razão…
Conclusão, eu não tenho necessidade de viver na casa, pois trabalho, ganho e o meu namorado também, já lhe pedi para sairmos dali mas ele não quer. Diz que é filho deles, portanto quer usufruir daquela casa de luxo, e poupar dinheiro mas eu estou-me marimbando para isso. Eu amo o meu namorado e sei que os tempos estão muito difíceis, mas se continuo a conviver com os pais dele acho que vamos acabar por cortar relações…
Ajudem-me com as vossas opiniões, o que acham?
PS: Desculpem o testamento Grin


Retrato de LS_
Ter, 12/08/2014 - 17:18
LS_:
Membro desde: 23.01.2013

Também concordo, o melhor seria vocês arranjarem outra casa para morar, e se têm essa possibilidade... ótimo Wink
Só existem mesmo duas alternativas: ou mudam-se ou tentas aguentar a presença dos teus sogros quando estão cá.
Têm que ver a melhor opção para vocês os dois, mas não entrem em conflito por causa desta situação.
Tens que tentar falar com ele seriamente e explicar-lhe a situação com calma.
Expõe os motivos que te levam a querer arranjar uma casa só para dois, ou então fazes um esforço para voltares a ter uma relação harmoniosa com os teus sogros, para que o teu namorado veja que o mal está neles, pode ser que aí mude de ideias.
É uma situação complicada...
Mas com muita calma e diálogo, tudo se resolve.
Beijinhos*

Retrato de Lillith
Ter, 12/08/2014 - 17:51
Lillith:
Membro desde: 18.05.2010

Gostes ou não, o facto de viveres na casa não te dá direito a que ela tenha que te informar de visitas e afins. A casa é dela certo?
Também eu, na eventualidade de ter alguém a morar na minha casa, não permitiria que só porque eu me ausentasse por longos períodos, encontrasse a minha casa com alterações. Muito menos me prestaria ao ridículo de dar cavaco de quem convidava para minha casa...
É certo que a senhora pode até ser pouco educada, que podia tornar a convivência mais simples, mas enquanto estiver no que é dela, tem o direito que daí advém.
Sim, tens razão em querer sair daí. Nisso tens toda a razão, mas só nisso...

Retrato de flavio123
Ter, 12/08/2014 - 20:48
flavio123:
Membro desde: 15.07.2013

Sai de casa dela, talvez na cabeca dela estarem no seu imovel seja um favor que ela vos esta a fazer.

Retrato de lover93
Qua, 13/08/2014 - 12:05
lover93:
Membro desde: 13.03.2012

O melhor era mesmo saírem daí, luxo não é tudo e se conseguem pagar vocês uma casa, porque não ?
O teu namorado deve ser muito pegado ao dinheiro e aos pais (o que sofro com isso também, o meu nem sair de casa quer mas eu já o avisei que para lá não vou), mas tem que aprender a ser mais independente.
Isso vai acabar por prejudicar um pouco a vossa relação.
Se fosse a ti voltava a falar com ele e a dizer que estás farta de aí por sentires sempre que aquelas coisas não são tuas, que estás lá parece que a fazer um favor, que queres o vosso espaço, as vossas coisas, sem teres que chegar a casa e ter surpresas desagradáveis.
Explica tudo o que sentes e faz com que ele se coloque no teu lugar. Se fosse ao contrário de certeza que ele também não gostava. Tudo se há-de resolver Smile

Retrato de Dragon_fly
Qua, 13/08/2014 - 16:37
Dragon_fly:
Membro desde: 21.10.2011

Das duas uma, ou mudam-se de casa, ou então se o teu namorado gosta assim tanto da casa que passe a alugar a mesma á mãe, com renda e tudo isso, e aí ela passa a ser uma senhoria, e uma senhoria nunca se pode intrometer no vosso espaço (embora eu duvido que ela com isso mudasse de atitude). Por norma problemas com a sogra, dá sempre problemas com o namorado também porque apesar de tudo eles nunca querem ficar contra as mães e acaba por gerar-se muitas discussões.

"Não gosto da vida em banho maria...gosto de fogo...pimenta...alho...ervas..." (M.M)

Retrato de DMRS
Seg, 18/08/2014 - 22:46
DMRS:
Membro desde: 24.08.2009
inesbausch wrote:

Olá a todos,

Nestes temas há quem acredita e quem não acredita, temos de respeitar a todos.

Sou taróloga há alguns anos e posso dizer que as cartas nunca falham, também faço parte da Casa de Tarot de Lisboa na qual continuo a estudar e sou psicóloga igualmente.

Caso necessitem de uma consulta podem contactar-me através do seguinte email: inesbausch.tarot@gmail.com.

Se for psicóloga talvez devesse reler o Código Ético e Deontológico dos Psicólogos Portugueses. Se for psicóloga sabe do que falo se não souber ou é uma fraude ou é uma demonstração de uma grande falha técnica e de conhecimentos na área da Psicologia.

Como taróloga não a posso avaliar mas não aconselharia ninguém a procurá-la como psicóloga pois pelo enunciado acima não demonstra ser uma psicóloga fiável e muito menos uma boa profissional.

Retrato de Mia.
Seg, 18/08/2014 - 23:36
Mia.:
Membro desde: 12.09.2013

Eu aconselhava-a apenas a apresentar-se como taróloga em casos de tarot, e como psicóloga em casos de psicologia. Misturar as coisas dá mau resultado. Wink