Ferida/fissura vaginal

424 respostas [Última]
Squirrel
Retrato de Squirrel
Offline
Desde: 22.06.2012

boa tarde meninas..
sou nova aqui no registo do fórum, apesar de consultar os tópicos algumas vezes, nomeadamente nos conselhos de beleza e produtos!
contudo, como verifiquei que aqui no fórum as pessoas entre-ajudam-se muito e respeitam-se, resolvi colocar o meu problema, na grande ansiedade de ter respostas, soluções, ou até encontrar alguém na mesma situação que eu..

pois bem..antes de mais, tenho 24 anos. há cerca de um ano, durante as relaçoes com o meu namorado, incomodei me com uma dor na vagina e quando fui ver, era um pequeno golpe. a situação não melhorou e fui à médica de familia, que observou e disse não ver nada. comecei a entrar em desespero devido às dores que as relações me provocavam, pois abria-se sempre um golpe interior que ficava aberto e doia, claro.. fui à minha ginecologista que me receitou a pomada cicalfate e disse me que isto nao era nada e que logo sarava, que em uma semana isto passava. qual que.. a pomada não fez nada.
recorri a outra ginecologista que me receitou uma pomada com estrogénio (durante muitos meses eu estive a antibioticos que acabaram por me destruir a flora vaginal, pelo que o estrogénio poderia tentar recuperar a elasticidade e desiquilibrio que esses antibioticos provocaram). também essa pomada não fez nada. voltei lá com o mesmo problema e a médica depressa me "cortou as asas" e me disse que isto dificilmente se iria resolver, para eu não criar ilusões nem ter grandes esperanças. que um corte num sitio como este é muito dificil de restaurar e que o me tinha acontecido ate à data era a cicatrização superficial do tecido, mas que por debaixo a ferida continuava. poderia-se tentar uma cauterização a laser mas que em nada me garantia recuperar a minha "normalidade" e que além disso me iria provocar dores terriveis. desta vez receitou-me uma outra pomada à base de produtos naturais que, confesso, ajudou na elasticidade da pele, conseguiu suavizar a dor mas não impediu que a ferida se voltasse a abrir (e consequentemente, a doer me um poucachinho no dia seguinte).

No fundo queria perguntar se alguém mais está nesta situação e se a conseguiu resolver. isto deitou me muito abaixo mentalmente no ultimo ano, ao ponto de querer terminar o namoro com o meu namorado por eu não conseguir ser o que qualquer mulher é.. sempre tive uma vida sexual saudável e de repente tenho dores terriveis provocadas por uma ferida que se abre com a tentativa de penetração, tenho que esperar semanas até conseguir voltar a ter sexo, para não falar que já nem me apetece e que na maioria das vezes acabo por chorar de frustração..
como é que com a nossa medicina ainda não há uma solução para um problema tão simples como este??

peço desculpa se fui confusa ou se o texto foi longo, mas ainda assim sinto que não partilhei nem metade da minha dor e desgosto.
muito obrigada meninas

Mafaldinha_Carl...
Retrato de Mafaldinha_Carlotinha
Offline
Desde: 27.05.2010
Olá! :)

Não te sei ajudar muito a não ser perguntar-te se és da zona centro, pois recomendava-te uma excelente ginecologista! Ela dá consultas em Coimbra no IPO e em Aveiro numa clínica.

Vivi80
Retrato de Vivi80
Offline
Desde: 18.09.2009
olá Squirrel Peço mil e uma

olá Squirrel Sorriso
Peço mil e uma desculpas por não te poder ajudar... mas não podia passar aqui sem te desejar as rapidas melhoras e que consigas encontrar uma solução. Acredito que te estejas a sentir em baixo com essa situação mas também acredito que as coisas se irão resolver. Piscar o olho Pensamento positivo e olha, tenta ver a opinião de mais um especialista nessa área. Beijinhos e tudo de bom Sorriso

MeVi
Retrato de MeVi
Offline
Desde: 19.02.2010
!

Infelizmente sou mais uma que não te consegue ajudar. Preocupado

Mas gostaria de deixar aqui uma força para ti, visto que aquilo que estás a passar não deve ser nada fácil. Nota-se que está a afectar a tua vida em vários aspectos, por isso torço para que encontres alguém que te ajude de uma vez.
Procura outra opinião de um especialista, quem sabe consiga algo mais do que aqueles que já consultaste.
Mas não desistas!

Estamos contigo Sorriso

Afilhada: AL.

<3

FiPipoca
Retrato de FiPipoca
Offline
Desde: 03.03.2010
Squirrel

Gostava de te puder ajudar, mas não possso....

Apenas deixar te força, e para acreditares que se vai resolver!!
Lameno imenso o que passas e imagino o quanto deve ser dficil e complicado!

Porque não consultas outro ginecologista?! Parece tão estranho não haver solução, quando a medicina está tão avançada!!

Beijinho linda

Fi
"Vive cada ssegundo como se fosse o ultimo..."

Madrinha orgulhosa das minhas meninas Sparkly e C.A.S.C.S. Piscar o olho
Afilhada odediente de kikinha_kutxi Piscar o olho

Squirrel
Retrato de Squirrel
Offline
Desde: 22.06.2012
Obrigada a todas pelas

Obrigada a todas pelas mensagens de apoio..!

De facto tenho que continuar a insistir e procurar soluções junto de outros médicos, não quero ficar condenada a isto para o resto da vida.. não faz sentido nenhum!!

Talvez apareça alguém entretanto por aqui com informações sobre o assunto, não é uma coisa que desejo a alguém claro, mas pode ser que me saiba ajudar por experiência própria ou por experiência de terceiros!

beijinhos

Catarina Neves
Retrato de Catarina Neves
Offline
Desde: 06.05.2008
Costumas usar...

... algum lubrificante, nas relações?

Usam preservativo?

Desculpa as perguntas mas podes, por exemplo, estar a fazer uma reacção alérgica que contribui para que essa situação se agrave.

E sim, tenta encontrar outras respostas, junto de profissionais. Se disseres de onde és, talvez alguém tenha sugestões de nomes.

Escondida
Retrato de Escondida
Offline
Desde: 18.03.2012
Olá! Eu sou enfermeira e pelo

Olá!

Eu sou enfermeira e pelo que me descreves parece ser uma fistula vaginal... Eu trabalho numa área completamente diferente, mas perdoem-me o desabafo os ginecologista ainda percebem menos que eu!
Não te sei dizer qual é a causa, mas do que conheço deverias procurar um cirurgião que te deverá fazer algo que se chama "limpeza cirúrgica" para limpar todos os tecidos e fazer com que a ferida feche de fora para dentro e não só superficialmente como referes.

Essas feridas são extremamente dolorosas e o tratamento infelizmente é demorado, mas se não fizeres nada, para além do desconforto que já sentes pode evoluir e atingir outros orgãos.

Se fosse a ti, procurava um cirurgião (Medico especialista em Cirurgia Geral) assim que possivel.

Desejo as rápidas melhoras,
Um Beijinho,
Lu

Squirrel
Retrato de Squirrel
Offline
Desde: 22.06.2012
Olá meninas, peço desculpa

Olá meninas, peço desculpa pela ausência. Acho que entrei em negação e não quis ver as respostas ao tópico com receio de não haver uma sugestão, não foi por falta de respeito, foi por medo mesmo..

Catarina Neves, sim utilizamos lubrificação e sem utilizar preservativo pois parecia que com o preservativo havia mais tracção.. temos sempre o cuidado de lubrificar muito mesmo, e nada indica que haja uma reacção alérgica. Utilizamos vaselina líquida, a médica aprovou..

Lumarrr, muito obrigada pela tua opinião! É uma questão a ter em conta sim, tal já me tinha passado pela cabeça, tanto que eu falei de uma cauterização à minha médica ao que ela respondeu que se podia fazer mas só em último caso, dadas as terríveis dores da recuperação e ainda mais por não dar garantias nenhumas de que resolva alguma coisa..
A ferida em questão só está aberta e é visível após as relações sexuais e até à data não parece ter aumentado de tamanho. Em relação às dores, no meio desta tristeza toda, felizmente que só as tenho no acto sexual e não durante todo o dia... Da penúltima vez que tive relações agi como sempre ajo e não abriu nem tive dores absolutamente nenhumas, fiquei feliz da vida, mas da última vez.. acabei a chorar, principalmente de frustração.

Essa limpeza de que falas é dolorosa, feita sem anestesia? e normalmente requer uma só intervenção ou várias? e a recuperação? Sei que cada caso é um caso e só analisando pessoalmente, mas é apenas para ter uma ideia. Até agora é a única opinião em alternativa que tenho à pomadinha que a médica receitou..

peço desculpa pelo longo post, mas queria esclarecer tudo.
beijinhos a todas e obrigada pelo apoio.

M e R
Retrato de M e R
Offline
Desde: 06.08.2009
médica?

olá a todas!!

Mafaldinha, que médica é essa?
Obrigada.

M e R
Retrato de M e R
Offline
Desde: 06.08.2009
Bicabornato de sódio

Este tópico também fala do assunto....
Sigo-o há uns tempos, mas ultimamente desliguei por falta de esperanças...Hoje voltei e ver, e tem lá uma solução que pode não ser boa, mas não parce má!

http://anossavida.pt/forum/candidiase-cronica-favo...

Para matar a candida, que venha o Bicabornato...
Agora para a fissura....Ainda não há tratamento.

Snif snif.. :,(

Ferreirinha2009
Retrato de Ferreirinha2009
Offline
Desde: 12.11.2009
Tenho o mesmo problema,

Tenho o mesmo problema, estava tb com esperança de encontrara aki alguma sugestão para a solução.

um beijo e as melhoras
sf

Squirrel
Retrato de Squirrel
Offline
Desde: 22.06.2012
Ferreirinha2009, por aqui

Ferreirinha2009, por aqui ainda não há novidades.. Lamento que te encontres na mesma situação mas criei este tópico precisamente para partilhar novidades sobre o assunto!
Se tu, eu, ou outra menina tiver mais informações a partilhar é de todo bem vinda!

Beijinho e as melhoras

polian
Retrato de polian
Offline
Desde: 29.10.2012
Tambem estou com esse

Tambem estou com esse problema, que tem me angustiado muito. Tive minha primeira relaçao sexual em abril deste ano e nunca foi muito agradável, ainda dói, na verdade. De um tempo pra ca venho notado que durante a relaçao abre-se essa fissura e no dia seguinte fica muito dolorido. Fico com medo de que seja alguma DST, mas acho que não é, pq na hora do sexo sinto a fissura abrir. É como se a minha vagina fosse pequena demais.

lindadivi
Retrato de lindadivi
Offline
Desde: 05.11.2012
Squirrel, Ferreirinha2009 e Polian

Meninas também tenho esse mesmo problema... fissura vaginal.
Minha luta começou há aproximadamente 3 anos... toda vez que tenho relação sexual abre um corte pequeno na entrada da vagina (entre vagina e ânus) e dói muito a penetração e depois ainda fico uns 2 dias sentindo dor ao sentar ou ao fazer xixi.
Há 3 anos atrás procurei um ginecologista e ele me receitou umas pomadas para passar no local, mas nada adiantou. Depois fui em uma ginecologista e ela receitou um ácido para derreter a pele que doeu muitoooo e senti muita dor e também não adiantou... e assim fiquei 1 mês sem ter relação sexual.
Já nesse ano procurei outra ginecologista e ela me orientou a fazer uma cirurgia para retirar o tecido sem elasticidade e já contaminado por bactérias. Fiz a cirurgia, com toda esperança do mundo, que por sinal foi muito dolorida, fiquei uns 3 dias de cama, mal conseguindo andar, mais de uma semana sem conseguir fazer cocô, sentindo muita dor ao fazer xixi, e fiquei 2 meses e pouco sem ter relação sexual, até o dia que resolvi fazer o test drive e fiquei totalmente frustrada, pois todo esse sacrifício não deu em nada, logo na penetração olha lá a fissura aparecendo novamente e a dor dominando tudo... chorei muito gente, fiquei arrasada...
Eu tinha muita esperança de que desse certo essa cirurgia, mas infelizmente não deu.
Já estou desesperada, pois tenho 27 anos, namoro há 5 anos, estou de casamento marcado e olha só o que me acontece... como que casa desse jeito, como vou dar início a uma família se não consigo sequer satisfazer meu marido...
Então não sei o que fazer, já pensei várias vezes em terminar meu relacionamento, mas falta coragem, e no fundo tenho esperança de encontrar uma solução... é como as meninas acima falaram, a medicina está tão avançada, tem até homem que faz cirurgia e constrói uma vagina, não é possível que não haja solução para uma fissura, um cortezinho de nada... que atrapalha a vida de qualquer mulher...
agora estou usando uma pomada 3x ao dia (ovestrion), mas não estou vendo resultado e tendo relação sexual apenas de 15 em 15 dias ou de 3 em 3 meses... muito triste, na idade que estou e passar por isso...
Squirrel, Ferreirinha 2009 e Polian, temos que encontrar alguma solução...

Nick friendly
Retrato de Nick friendly
Offline
Desde: 06.11.2012
Fissura vaginal

Colegas, me solidarizo com vocês nessa caminhada.
Tenho todos estes sintomas e, como vcs, já percorri uma dezena de médicos ginecologistas. Sou casada e tenho a bênção de ter um marido que me compreende e respeita essa "luta".
Já tive inúmeros diagnósticos, tomei antibióticos (que acabavam por destruir o pouco de coisas boas e defesas que eu tinha), anti inflamatórios, anti fúngicos, hormônios para recuperar a elasticidade, .... e por aí vai.
Chegaram a dizer que eu tinha vaginismo, ou seja, que eu "fechava" inconscientemente o canal vaginal e por esta razão, sentia a dor. Procurei sexólogo, achando que era realmente psicológico....pois fica complicado ter qualquer "apetite" se sabemos a dor que virá depois. Que nada...eu não fechava o canal! A fissura é externa!!! Ou seja, mesmo no início, já sinto uma dor horrorosa...
Enfim, que porcaria de medicina e especializações são as atuais, se ninguém nos dá uma solução plausível!!!
A última tentativa minha foi uma vacina para alergia à Cândida. Interrompi o tratamento, pois eram injeções semanais e no terceiro mês não estava tendo nenhuma melhora....fiquei de saco cheio, pra dizer a verdade...
Mas não posso e não tenho o direito de desistir. Vou continuar procurando uma solução e espero que não desanimem!
Não encerrem seus relacionamentos por conta disso! A melhor saída é o diálogo! Contem tudo e absolutamente tudo o que sentem aos parceiros. E se eles não compreenderem, é porque não são merecedores da companhia de vocês!
Digam neste fórum se há alguma novidade! Quem sabe aparece!
Abraços!

lindadivi
Retrato de lindadivi
Offline
Desde: 05.11.2012
Nick

A médica que eu fiz a cirurgia com ela também me disse que eu estava com vaginismo... que meu psicológico estava abalado e isso fazia com que eu travasse a entrada da vagina, mas tbm acho que não tem nada a ver. O problema é a fissura mesmo, que antes da penetração, só de encostar já sinto que vai doer, quando começa a penetração então... sai de baixo...rs é muita dor p uma pessoa só, não tem como sentir vontade de fazer mesmo não...
Quanto ao relacionamento, é complicado manter um relacionamento assim, começar uma vida sabendo que pode não dar certo por causa disso, ou saber que seu marido pode procurar outra pq vc não consegue satisfazê-lo... siceramente, só Deus para saber até quando um casal aguenta viver assim... será que aqui não tem algum médico que tenha uma solução p isso não...

Vanessaaa
Retrato de Vanessaaa
Offline
Desde: 15.02.2011
Boa tarde! Antes de tudo

Boa tarde!

Antes de tudo quero deixar aqui a minha força para estas meninas que travam esta luta diaria!

Agora tentando analisar a questão, essa fissura voces sentem a acontecer em que momento? no inicio da penetração? quando fazem estiramento dos tecidos (abrem as pernas)? peço desculpa pelas perguntas mas gostava de entender quando acontece.

E em relação aos maridos/namorados, Sei que é muito complicado mas meninas há muita maneira de satisfazer um homem e um homem satisfazer uma mulher! Sejam creativos, nao vejo so a penetração como caminho para a felicidade deles Piscar o olho

Va *

lindadivi
Retrato de lindadivi
Offline
Desde: 05.11.2012
Vanessa

a fissura abre na hora da penetração. Se eu não tiver relação sexual, fico normal, não sinto nada, posso abrir as pernas o tanto que for...que nada acontece, o problema é o contato do pênis na entrada da vagina... quando ele começa a encostar o local já fica dolorido e na hora que força para entrar, aí dá um corte na entrada da vagina.

Quando ao relacionamento... bom não sei no caso das demais, mas no meu o problema é que ele não se satisfaz com outras formas, disse que não consegue viver sem, por enquanto está sendo paciente, mas não a ponto de casar e passar o resto da vida comigo assim. Estamos juntos porque, sengundo ele, tem esperança de que o problema tenha solução. Tipo, outras formas de sexo, ajuda, mas não supre a vontade, entende... então por isso digo que é complicado manter um relacionamento assim, pelo menos no meu caso, com meu atual companheiro...

BNP
Retrato de BNP
Offline
Desde: 06.11.2012
:(

Olá lindadivi!
Eu há cerca de um ano e meio tive uma infecção vaginal que se tornou recorrente ao longo desta temporada. Já consultei 5 ginecologistas, fiz variados tratamentos orais e vaginais. A cada médico que ia levava a lista com os medicamentos já tomados e eles foram ficando sem respostas para mim. Os meus sintomas basicamente eram ardor, comichão e corrimento com aspecto de leite talhado, sem odor. As relações sexuais começaram, desde essa altura a se tornarem dolorosas e nunca mais foram as mesmas. De momento estou a fazer um tratamento de 8 semanas com Dermofix óvulo e Normagin comprimido vaginal, mas acho que pouco ou nada melhorei.
Há cerca de 6 meses surgiu mais esse problema...a fissura, exactamente no mesmo sítio que tu tens. E nada tem surtido efeito. É horrível a sensação de dor e ardor que fica à mínima esticadinha de pele. Ultimamente tenho colocado Bepanthene Plus, mas na verdade até tenho evitado as relações, de modo a nem ver se há algum efeito positivo.
Compreendo perfeitamente o que sentes e também receio pela minha relação, apesar de o meu namorado ser muito compreensivo e paciente com toda esta situação. Tenho medo que ele se farte...Triste
Enfim...sê forte e não desistas de te cuidar.

lindadivi
Retrato de lindadivi
Offline
Desde: 05.11.2012
BNP

nunca ouvi falar nessa medicação que está tomando... eu já usei um monte também e nenhuma adiantou.
Que que isso bepanthene plus
ow não tem como gostar de ter relação sentindo dor não, tbm evito o máximo que posso... mas tem hora que não tem jeito né, como eu disse tenho um relacionamento a prezar...rs Mas caso eu fosse solteira, ixi, ficaria muito tempo sem fazer nada...
vc namora a quanto tempo
o meu namorado já está se enfartando... não sei até quando vai aguentar mais n... pior que não tem nada que eu possa fazer...

lindadivi
Retrato de lindadivi
Offline
Desde: 05.11.2012
cadê as meninas do tópico...

cadê as meninas do tópico...

BNP
Retrato de BNP
Offline
Desde: 06.11.2012
lindadivi

A medicação que estou a fazer é para a cândida persistente, mas não está a surtir efeito porque volta e meia estou com ardor e comichão. O bepanthene plus é uma pomada para cicatrização, passei para ele porque estive a fazer baycuten e não via nada de novo. A minha ideia é tentar cicatrizar e depois hidratar com um creme gordo...não sei se vai resultar mas tento tudo para ficar bem.
No final do mês volto à última médica que consultei para dizer que estou igual...ela tinha me falado em fazer uma vaginoscopia no final deste tratamento.
O meu namoro já dura há 2 anos e até agora, apesar deste problema, tudo tem corrido bem. Agora não sei por mais quanto tempo...

lindadivi
Retrato de lindadivi
Offline
Desde: 05.11.2012
BNP

Você tem candidíase ou fissura vaginal
vc tem esses mesmos sintomas que eu falei que tenho ou são diferentes
e vc consegue ter relação sexual

BNP
Retrato de BNP
Offline
Desde: 06.11.2012
lindadivi

Eu tenho as duas coisas! Tenho os mesmos sintomas que tu no que se refere à fissura.
A relação sexual é muito difícil devido a ambos os problemas...

lindadivi
Retrato de lindadivi
Offline
Desde: 05.11.2012
BNP

Nossa... que chato!!!
E como vc e seu namorando estão levando essa situação, ele tem paciência, fala que vai terminar o relacionamento...
tô conseguindo ter relação no máximo de 15 em 15 dias só... foda isso...

M e R
Retrato de M e R
Offline
Desde: 06.08.2009
Resultado de mais uma consulta

Boa noite meninas!
Depois de mais uma consulta num novo GO eis a resposta...que em nada ajuda!
Disse então o Sr que isto da fissura não é nada de especial! (pois não é a ele que doi), e que a pior coisa que se pode fazer é nós retrairmo-nos.
Receitou também uma nova "pomada" em versão loção: Avene-cicalfate. Diz que é remédio Santo para a fissura desaparecer.
Para que conste, já fui à consulta há mais de um mês, ainda não aviei a receita - pois não tenho a mínima esperança que as coisas melhorem...Depois de mil e uma pomadas, não acredito em nada.
Sinceramente tenho esperança que se arranja solução para o nosso caso, inicialmente pensei que só eu e as meninas que iniciaram o tópico, padeciam deste mal, mas agora vejo que já somos muitas!
Será que isto passa depois de se ter um bebé? Uma vez que se tem que "rasgar" no local e que inevitavelmente tem o mesmo rasgão que cicatrizar?! Podia ser que ao cicatrizar a fissura melhorasse.
No que toca a relacionamentos, a todas desejo o melhor. Que os vossos companheiros vos apoiem em tudo, pois só assim se conseguem manter unidos e sólidos.
Vão dando notícias.

lindadivi
Retrato de lindadivi
Offline
Desde: 05.11.2012
M e R

Eu tbm estou usando uma pomada que nada está adiantando... e estou usando um lubrificante para ter relação, que está ajudando um pouco.
Quanto à gravidez, não acredito que melhore não, pq já fiz uma cirurgia que foi parecida com a de um parto e nada adiantou... sofri muito por nada...
Só Deus na causa...
Todo mundo que tiver alguma notícia vai colocando aqui p gente ir tentando achar uma solução...
Só voltarei na médica agora em fevereiro, pois segundo ela não adianta voltar antes, que é p eu ir usando essa pomada (Ovestrion) 3x ao dia... estou usando, mas resultado é zero...

Squirrel
Retrato de Squirrel
Offline
Desde: 22.06.2012
lindadivi olá querida lamento

lindadivi
olá querida
lamento o que te está a acontecer, tal como a todas as outras meninas que têm vindo a relatar o mesmo problema...
a minha situação no geral é muito idêntica à tua, com a excepção de que a minha ferida localiza-se no interior e não no exterior. tal como tu referes, se não tiver relações tenho a vida normal, não me doi e posso esticar-me como bem entender. No meu caso acho que é a distensão da pele aquando da penetração que provoca a abertura da ferida - mas tendo em conta isso, nós estimulamos o local previamente mas deixa-me que te diga que até o constante roça-roça dos dedos acaba por irritar a zona da ferida que apesar de ainda nao estar aberta nessa altura, já começa a ficar sensivel. a unica diferença em relação a ti é que, sendo interior, não me atrapalha nos dias seguintes, só me dói um pouco no próprio dia e depende das posições em que estou.
agora a questão que, pessoalmente, mais me custa... como é que o meu namorado lida com a situação.. eu devo dizer que ele lida melhor do que eu, para falar a verdade! eu fico com aquele sentimento de incapacidade, de frustração, de não lhe conseguir dar uma das coisas mais normais do mundo e que, pior.., consegue encontrar em qualquer outra mulher. Esta é a minha conversa com ele, no meio de choro e tentativas de acabar a relação por essa razão, mas ele nunca me deixou faze lo e afirma que não é assim tao importante para ele - que eu sou mais importante do que o sexo, e que é comigo que ele quer estar e por mim, não pelo sexo. Admito que o apoio dele tem sido incondicional, ele tem sido extremamente compreensivo e paciente, nao demonstra sinais de querer mais e mais vezes, percebes? também a vida não está facil e parece que estamos a passar por uma fase que nem numa situaçao normal pensariamos em ter sexo tantas vezes...
agora em relação a conselhos, no que diz respeito apenas à minha opiniao: deves hidratar o local frequentemente, pode ser que não aja imediatamente mas que possa prevenir para o futuro e, quem sabe, até vir a melhorar o local. em relação ao que deves usar não te posso ajudar, mas eu costumo hidratar a pele da vagina e entrada com o creme cicalfate, da avene. não resolveu em nada o problema da ferida, mas parece que é muito rico então confio nele para ao menos hidratar o que resta de bom... loool outra coisa que me lembrei de experimentar é ter relações em diferentes alturas do mês para ver se as hormonas da menstruação têm reflexo no acto sexual. para já posso dizer que tive relações logo após o meu periodo terminar (e consegui por dois dias seguidos, estava cheia de vontade de me testar a mim propria!!) e correu tudo muito bem, nem vi sinais da ferida aberta após a relação. tive cuidados, claro, muito cuidado no angulo e rapidez da penetraçao. ah, e uso e abuso de vaselina liquida. sei que não é o mais natural que se possa usar mas na opiniao do meu namorado, é melhor deixar me estar com uma rotina por uns tempos do que andar constantemente a alterar os hábitos, o que pode fazer pior.
em relação aos médicos, continuo com a mesma opiniao. acho que devemos consultar outras especialidades para além dos ginecologistas pois uma vez que não temos infecções (eu nem candidiase tenho), para mim isto é claramente um problema dermatologico. uma menina já aqui sugeriu consultar inclusivé um cirurgião geral, o que também me parece boa ideia (não sei se a tua intervenção cirurgica foi feita por um gine ou por um cirurgiao). Para finalizar, acredito também que a medicina a que nós temos acesso possa estar muito quadrada por falta de actualizaçoes dos proprios medicos. dá me a entender que aprendem e habituam-se muito a determinados estilos e medicamentos e a coisa pára por aí. claro que um médico não pode saber tudo, mas tem que evoluir. e a prova disso é que disseram aqui que os médicos esgotaram as hipoteses de medicamentos, que já tentaram todos..

M e R
como disse ainda agora, essa pomada cicalfate foi a primeira coisa que me receitaram e disseram me precisamente o mesmo que a ti: ah isso não é nada, com isto passa logo. não passou coisa nenhuma, mas volta e meia utilizo a pomada para hidratar os tecidos, com o intuito de prevenir e equilibrar a pele, por assim dizer..

por ultimo, quero deixar um obrigada pelos testemunhos e partilha. não tinha cá vindo antes pois o mail que utilizo com esta conta não é o meu principal e durante muito tempo não vi actualizações, pelo que deixei de verificar o mail com mais regularidade..
e infelizmente parece que o meu namorado tinha razão quando dizia " de certeza que há muitas mais mulheres na mesma situação que tu, têm é vergonha ou não falam sobre isso.. isso não é uma coisa que se conte em conversa de café, por isso nem tu imaginas a quantidade de pessoas que devem estar assim.."

beijinho e melhoras a todas

lindadivi
Retrato de lindadivi
Offline
Desde: 05.11.2012
Squirrel

Ai quem me dera se meu namorado fosse como o seu viu. Sinceramente é tudo que eu precisava nesse momento, ter alguém compreensível ao meu lado a ponto de me passar segurança sobre o futuro. Meu relacionamento está totalmente abalado por causa disso, insegurança total... meu casamento parece que está condicionado à solução do problema. E acaba que isso me deixa pior, essa incerteza de tudo, acaba comigo, faz com que eu me sinta péssima. E é como vc disse, sinto-me frustrada por não conseguir satisfazê-lo, uma coisa tão normal que ele consegue em qualquer outra mulher e eu não consigo dar a ele.
Não sei se isso existe, parece que seu namorado é assim né... mas tudo que eu precisava nesse momento era ouvir da pessoa que está ao meu lado que não está comigo por causa de sexo, que existem outras prioridades, que independentemente do que aconteça ela estará comigo... e essa certeza infelizmente eu não tenho...
Mas, atualmente, estou vivendo só o presente, sem fazer muitos planos para o futuro, pois este a Deus pertence.

A cirurgia que fiz foi com uma ginecologista sim.
Geralmente eu uso bastante lubrificante também, caso contrário jamais daria conta...

abraços!

Leticiansd
Retrato de Leticiansd
Offline
Desde: 28.11.2012
Corte interminável ....

Olá, tenho 18 anos e minha situação é bem parecida com a sua, Já fiz várias exames que não resultam em nada, fico muito preocupada, mas na última vez que me consultei com o ginecologista ele me receitou um antialérgico e uma pomadinha pra ver se resolvia o problema com esse corte, bom ... depois do tratamento eu tive 2 relações, e elas foram bem melhores que as anteriores, em relação as dores.
Primeiramente eu consegue ter uma relação tranquila, porém ao terminar percebi que não tinha cortado do jeito de costume, mas estava doendo um pouco (bem menos) e acho que não cortou, só machucou ...
Estou bem preocupada pois iniciei minhas relações a pouco tempo, mais ou menos 1 ano, e já estou com um problema desses, já li até blog's em espanhol, onde as meninas dizem ter o mesmo problema que temos, vou continuar com os tratamentos, espero ter melhores resultados daqui para frente e comunicar a vocês. Abraços!!!

Opções de visualização dos comentários

As alterações efectuadas serão aplicadas a todos os tópicos.