. | A Nossa Vida

.

Retrato de CherryRS
20.06.2017 | 16:54
CherryRS:
Membro desde: 24.05.2014

.


Retrato de CherryRS
Ter, 20/06/2017 - 17:12
CherryRS:
Membro desde: 24.05.2014

Entendo que diga isso mas se assim fosse neste momento o meu ego estaria elevado o que na verdade não é o que está a acontecer. Não sou pessoa de brincar com sentimentos porque não gostaria que me fizessem o mesmo e se há uns meses atrás me contassem esta história também não compreenderia e talvez desse a mesma resposta que me deu agora a mim. E prefiro sinceramente ser eu a sair magoada disto do que estas 2 pessoas porque fui eu que me meti nisto
Mas desde já obrigada pela sua resposta e tempo

Retrato de Grim Reaper
Ter, 20/06/2017 - 17:25
Grim Reaper:
Membro desde: 29.04.2017

CherryRS wrote: Boa tarde
Vou tentar resumir ao máximo
Namorei cerca de 6anos e meio com um rapaz 6anos mais velho que eu, foi o meu primeiro namorado e eu tinha 15anos na altura. Foi uma relação bastante intensa e com recordações muito boas, porem muito fechada em relação ao exterior. Uma relação que me prendeu muito e me fechou no nosso mundinho enquanto casal. Nunca fui muito sociável talvez devido ao facto de sermos ambos ciumentos o que me fazia desde logo afastar me das pessoas e não dar oportunidade de me conhecerem. Entretanto ingressei na faculdade e comecei a falar com um rapaz inicialmente apenas sobre o assunto Faculdade. Com o passar dos dias senti que não conhecia desligar das nossas conversas( que eram basicamente apenas por mensagens)..achava-o com um sentido de humor bastante diferente do habitual e inteligente. Com o passar dos dias as conversas deixavam de ser sobre faculdade mas sim sobre a vida pessoal de cada um e a vontade de falar era cada vez maior até que me apercebi que estava a sentir algo por ele. Falei c o rapaz e perguntei lhe se sentia algo por mim sendo que a resposta foi positiva. E passando uns dias falei com o meu namorado e acabei a relação contando a verdade.
Ficou de rastos, muito choro, muitos telefonemas e mensagens.. Senti me muito mal porque nunca o tinha visto naquele estado. Acreditei que no início iria ser muito doloroso para ele mas que o tempo iria se encarregar de curar. Uma semana depois de terminar falei com o meu ex namorado ao telefone, ele sempre muito choroso dizendo que não sabia viver sem mim e que eu estava iludida com o tal rapaz e que o nosso destino era ficarmos juntos. Eu voltei a dizer que não queria voltar para ele e ele pediu me para lhe mandar mensagem nos próximos dias para saber como eu estava o que inicialmente achei que nao fosse boa ideia mas mesmo assim prometi que enviava. Passado outra semana envio a tal mensagem e passado uns minutos tenho um telefonema dele a dizer está muito mal psicologicamente e que queria que eu so o voltasse a contactar se a minha relação com o tal rapaz não tivesse funcionado.
Posto isto.. Aproximei me cada vez mais do tal rapaz, envolvemo nos a todos os níveis e um mês depois existe um pedido namoro ao qual aceitei. Passaram se apenas 4 dias depois do pedido e tive um sonho com o meu ex namorado que me deixou a pensar.. Comecei a ver as nossas fotos e videos e senti uma grande saudade e um aperto gigante no peito. Saudades dele e da vida que ele de certa forma me proporcionou. Falei com o tal rapaz que me disse que compreendia e que ele apenas podia tentar fazer com que eu nao tivesse saudades dando me o amor dele. As pessoas iam me dizendo que essa saudade podia ser apenas de eu estar muito habituada afinal tinham sido muitos anos num relacionamento e que era uma fase. Falei com a minha mãe que tem estado a par de tudo e ela disse me see sentia assim que lhe mandasse mensagem a perguntar como ele estava. No dia seguinte mandei mensagem ao meu ex a perguntar como estava e a conversa so parou à noite. Senti me bem a falar por mensagens com ele mas senti que a saudade ja tinha ido embora talvez por ele ter estado ali a ler os meus desabafos e saber as novidades da vida dele naquele mês que ja nao estávamos juntos.. Senti que voltei a dar esperanças ao meu ex e parei de mandar sms porque nao queria criar falsas esperanças nele poos sabia que ainda estava de "luto". Passam 2 dias apenas e estou com o tal rapaz e começo a sentir uma grande tristeza ao qual começo a chorar de saudades do meu ex namorado e percebi que nao era justo para ninguem andar a brincar com os sentimentos deles e com os meus por isso falei com os 2 e disse que precisava de uma espaço para pensar no que queria pois não era justo estar com um e sentir saudades de outro
Eu sei que ninguém pode decidir por mim mas não sei mesmo que fazer porque por um lado sinto que eu "hoje" estou mais feliz.. Saio muito mais, conheci pessoas neste mês que passou graças a este rapaz mas por outro tenho medo de simplesmente me ter fascinado com a liberdade que nunca tive e agora que a tive querer voltar para o meu ex. O meu ex faz me muitas promessas agora a dizer que vai ser tudo diferente que vamos sair muito com os amigos dele..que vê agora a vida de uma maneira diferente e me dá mais valor e este rapaz simplesmente não tenho nada a apontar, trata me 5 estrelas e valoriza me muito mas tenho medo de estar a confundir amizade com amor

A sério nem sei o que dizer. Acho que estás a dar um up no teu ego à conta desses dois pobres diabos. Se fosse ao contrário gostavas?

Tem dó por favor, os homens não são brinquedos

Retrato de Grim Reaper
Ter, 20/06/2017 - 17:39
Grim Reaper:
Membro desde: 29.04.2017

CherryRS wrote: Entendo que diga isso mas se assim fosse neste momento o meu ego estaria elevado o que na verdade não é o que está a acontecer. Não sou pessoa de brincar com sentimentos porque não gostaria que me fizessem o mesmo e se há uns meses atrás me contassem esta história também não compreenderia e talvez desse a mesma resposta que me deu agora a mim. E prefiro sinceramente ser eu a sair magoada disto do que estas 2 pessoas porque fui eu que me meti nisto
Mas desde já obrigada pela sua resposta e tempo

Então decide ASAP. O teu primeiro namorado segundo contas passou mal e tu a laureares com o outro e boa sorte há-de passar-lhe a birra. Acho isso desonesto.

Retrato de Melinha
Ter, 20/06/2017 - 19:12
Melinha:
Membro desde: 16.02.2010

É normal que tenhas essas duvidas todas, estás a viver aquilo que te privaste durante anos, e por outro lado falta-te a estabilidade e segurança que tinhas desse namoro.

Essas confusões todas devem-se ao facto de teres terminado uma relação pelos motivos errados, não falamos de 6 meses de namoro, ao fim ao cabo são 6 anos e isso não iria ser apagado do pé para a mão.

Se ao final de 1 mês estás assim, imagina quando tiveres uma discussão com o novo rapaz, vais a correr para o ex?

Das duas uma ou assumes as consequências de ter terminado um namoro de 6 anos por outra pessoa e tens a coragem de seguir em frente, ou páras um bocado para pensar no que realmente queres e naquilo que te faz mais feliz.

Eu estive com uma pessoa 11 anos e quando terminou não foi fácil e muitas vezes pensamos se as nossas atitudes e decisões foram as mais acertadas, mas faz parte do processo, não faz parte é a mínima coisa andar a saltar de relação em relação onde te sentes temporariamente melhor.

Retrato de Kaizoku
Qua, 21/06/2017 - 06:36
Kaizoku:
Membro desde: 02.06.2017

Acho que já tomaste a decisão mais razoável e agora tens que seguir em frente, nem com um nem com outro.

Ao teu ex não deverias ter-lhe dado trela depois de terminares a relação, uma vez que ele vai entender isso como sendo que ainda estás interessada nele e deverias tê-lo alertado que estava a humilhar-se. Pedir para o contactares depois de terminares com o outro, demonstra alguém com uma auto-estima tão baixa que não se importa de ser a segunda opção, ter sido posto de lado nem de ser usado como ombro de apoio - demonstra falta de amor e orgulho próprio.

Quando as coisas acabam, salvo os casos em que ambos concordam que não dá e que querem manter uma amizade, e outra parte não aceita e há sentimentos à mistura, penso que o melhor a fazer é cortar contacto, apagar Facebook, fotos e qualquer coisa que nos faça lembrar da pessoa.

Uma pessoa foi importante em determinado momento e lugar da vida e deixou de o ser posteriormente. Desapareceu para todos os efeitos e tens que aceitar isso...

Sobre o outro, não tenho tanta pena, isto porque quando se sabe que a outra pessoa tem alguém e mesmo assim se arrisca, está-se a aceitar as consequências sérias que da situação possam resultar. Digo-te mais: se fosse o colega de faculdade perdia o interesse em ti porque ficaria a achar que és emocionalmente frágil, instável e imatura.

O colega de faculdade é um homem novo e com o tempo aprenderá a notar sinais que o façam decidir-se por uma mulher e se esta é adequada ou não.

Sobre o ex, pelas contas, deve ter 27 anos, pelo que não entendo como possa dizer e pensar coisas como "não posso viver sem ti" ou aceitar meter o orgulho e amor próprio de lado e aceitar ser a segunda opção - a única explicação que encontro é que não teve mais nenhuma relação amorosa e ainda é emocionalmente imaturo.

- 10000 km and 7 hours away from you -

Retrato de TCosta
Qua, 21/06/2017 - 11:15
TCosta:
Membro desde: 13.05.2010

Claro que está a ser muito duro para o teu ex, na minha opiniao quem teve vários relacionamentos pequenos com várias separaçoes estará melhor preparado emocionalmente, do que aquele que só teve 1 relacionamento e longo. Só irás compreender quando algum te fizer o mesmo.
Mas se voltares para o ex ele também jà nao confiará em ti, depois do que fizeste será dificil.
É normal que tenhas a coinsciencia pesada...eu teria.nao gostarias que te fizessem isso a ti.
Desculpa a dureza!

Madrinha da Joanasantosblue
Afilhada de Sofia1984

Retrato de CACLR
Qua, 21/06/2017 - 15:53
CACLR:
Membro desde: 30.05.2017

Não era para me pronunciar mas como já fui jovem (ainda sou meninas) mas já fui mais, esta história é normal acontecer na juventude. Eu comecei a namorar aos 14 anos com um rapaz 5 anos mais velho. Foi o meu primeiro amor. E como a palavra indica o primeiro amor. Quando se gosta, gosta e pronto não há aquela palavra de não sei, estou insegura, gostei mas acho que já não. A vida não é assim. Acredito que gostaste muito do teu primeiro namorado. Eu também gostei muito do meu. Infelizmente comigo foi ao contrário ele deu-me com os pés (trocou-me pela minha melhor amiga) mas sabes o que ficou? saudades, carinho e boas memórias. O teu ex-namorado ao dizer que não consegue viver sem ti está a demonstrar a chamada fraqueza humana, daqui a pouco vai dizer que se mata se não voltares para ele? E tu falas do teu ex e das saudades mas não falas do que sentias em relação ao teu namorado atual.

O meu conselho é que te afastes dos dois. Tu nem gostas dum nem do outro (gostar no sentido de amar). Acho que sentes carinho pelo teu ex namorado e novidade pelo namorado.

Arranja amigos e diverte-te, pelo menos por agora. Dá tempo ao tempo.

Retrato de joan_
Sex, 23/06/2017 - 15:14
joan_:
Membro desde: 08.07.2013

Olá CherryRS,
Com 15 anos ainda eras muito novinha. É natural que com o avançar da idade e com as mudanças da vida, as coisas mudem e os sentimentos também. Aproximaste-te de outro rapaz e acho que fizeste bem em teres acabado com o teu ex-namorado e abraçado essa nova relação. Também acho que não deves, durante um tempo, falar muito com o teu ex, pois ele pode achar que queres voltar, e acabar por confundir as coisas... afinal, ele conhece-te bem! Deves dar-lhe espaço, acho! Para a frente é que é o caminho e aproveitar esta nova relação. Se sentiste atracção por esta nova pessoa ao ponto de terminar a relação anterior foi porque algo já não estava como dantes, ou já não estava a satisfazer.
Ao longo do tempo as pessoas mudam e ainda és tão nova que tens tanto para viver ainda. Não acho que devas sentir culpada pelo teu ex, ele tem de procurar ser feliz também. Se esta nova relação é amizade ou amor o futuro dirá, acho sim que deves aproveitar a vida.