Ensinar a fazer as necessidades

Retrato de sarinha.silvaa
30.06.2017 | 16:32
sarinha.silvaa:
Membro desde: 30.06.2017

Olá, tenho uma cadelinha, e preciso de ajuda para a ensinar a fazer as necessidades no sítio certo, já tentei jornal e aquelas fraldas absorventes mas ela pensa que são brinquedos e começa a brincar com eles.

Se alguém tiver alguma dica que diga. Smile


Retrato de danielaportugal
Seg, 03/07/2017 - 15:34
danielaportugal:
Membro desde: 21.02.2011

Isso foi uma coisa que eu consegui ensinar ao meu cão facilmente, mas lá está, depende de cão para cão.
O meu quando veio para minha casa fazia dentro de casa, o que era normal. O que eu fazia era sempre que ele fazia dentro de casa eu ralhava com ele na hora (ralhar 5minutos depois já não adianta porque ele não sabe porque é que estás zangada com ele) e levava-o à varanda e lá fazia-lhe festinhas. Sempre que lhe dava comida, logo que ele acaba de comer levava-o também à varanda. Assim ele aprendeu que era lá que devia fazer.

Mas por exemplo, em casa de outras pessoas ele já não sabe onde deve fazer e por isso acha que é atrás do sofá da sala que se faz (faz isto em todas as casas) Laughing

Só precisas de um pouco e paciência e tempo. Não aprendem de um dia para o outro. O meu demorou 2/3 semanas a aprender, e mesmo depois de aprender que cocó era lá fora, de vez em quando fazia xixi dentro de casa. Mas lá aprendeu Smile

Retrato de Psst
Qua, 05/07/2017 - 16:29
Psst:
Membro desde: 28.04.2017

Até agora ensinei 3 cães a fazer as necessidades na rua mas nnc num local específico dentro de casa, tentei fazer isso uma vez mas acontecia como contigo, a minha cadela achava que o absorvente era um brinquedo e acabava tudo desfeito num instante, desisti dessa ideia.
Mal os via a descuidarem-se ralhava com eles e ia com eles para a rua para saberem que aquele era o sítio certo, depois também tinham horas certas para comer e ir à rua, passava bastante tempo a passear com eles para ter a certeza que faziam as necessidades fora (ou pelo menos o xixi) e fazia uma grande "festa" quando isso acontecia (guloseima incluída).
É preciso alguma paciência mas nada que não se consiga.