baixa medica | A Nossa Vida

baixa medica

Retrato de adias87
11.11.2011 | 20:25
adias87:
Membro desde: 13.02.2011

Boa noite..eu trabalho a ja alguns anos numa firma(sou efectiva) mas neste momento estou de baixa medica devido a um esgotamento que me tem afectado muito e aparentemente ja estava em estado agravado..ja estou em casa a um mes e pouco e n sei quando irei voltar o serviço, mas como é a primeira vez que recorro a baixa tenho algumas duvidas e precisava de ajuda..1º lugar eu estou de baixa mas este mes a minha entidade patronal tem de me pagar o meu sub de natal e as horas que eu tinha em atrazo quando vim de baixa certo??2ºcomo estou de baixa depois quando for trabalhar quantos dias tenho direito no proximo ano 2012 e apartir de quando os posso gozar(a algum limite de tempo que tenha de trabalhar depois da baixa para poder ir de ferias)???estou muito confusa se me poderem ajudar agradeço...


Retrato de fatima silva
Sex, 11/11/2011 - 20:45
fatima silva:
Membro desde: 01.05.2007

Em relação aos dias de férias perdes só os três dia extras e tens direito aos 22 da mesma e podes começar a gozar em qualquer altura, desde que a entidade patronal aceite. Por exemplo eu estive de baixa médica, tb devido a depressão, e como a junta médica mandou-me trabalhar e eu não me sentia preparada, falei com a entidade patronal e coloquei uma semana de férias a seguir á baixa.
Em relação ao pagamento do subsidio, não tenho a certeza, mas costumam pagar.
Espero ter ajudado e as melhoras

Retrato de adias87
Sex, 11/11/2011 - 20:48
adias87:
Membro desde: 13.02.2011

ja me falaram disso da junta medica mas o k é e quando temos de ir?

Retrato de Konigvs
Sex, 11/11/2011 - 21:11
Konigvs:
Membro desde: 21.10.2011
adias87 wrote:

ja me falaram disso da junta medica mas o k é e quando temos de ir?

A partir do momento em que ultrapassas os trinta dias de baixa vão-te convocar por carta para ires a uma junta médica. Por isso guarda todos os documentos como exames, receitas da mediação, etc para quando fores à junta médica poderes entregar para comprovar o teu estado de saúde.

"O homem pode amar o seu semelhante até ao ponto de morrer por ele; mas não o ama tanto que trabalhe em seu favor."

Retrato de adias87
Sex, 11/11/2011 - 21:22
adias87:
Membro desde: 13.02.2011

ah ok atao devem tar para me chamar..eu tenho o papel das receitas medica, as consultas marcadas com o psiquiatra e os papeis tambem com a medicaçao do dia em que fui parar o hospital com um ataque de ansiedade levo td quando me chamarem?e o medico ou o psiquiatra nao tem de passar carta nenhuma?desculpa estas duvidas mas nc tive nesta situaçao e sinceramente n me sinto apta a começar a trabalhar..eles depois é que decidem se continuo ou n a baixa ou passam de novo para o medico que nos seguia?

Retrato de Konigvs
Sex, 11/11/2011 - 21:29
Konigvs:
Membro desde: 21.10.2011
adias87 wrote:

ah ok atao devem tar para me chamar..eu tenho o papel das receitas medica, as consultas marcadas com o psiquiatra e os papeis tambem com a medicaçao do dia em que fui parar o hospital com um ataque de ansiedade levo td quando me chamarem?e o medico ou o psiquiatra nao tem de passar carta nenhuma?desculpa estas duvidas mas nc tive nesta situaçao e sinceramente n me sinto apta a começar a trabalhar..eles depois é que decidem se continuo ou n a baixa ou passam de novo para o medico que nos seguia?

Sim, leva tudo, quanto mais papelada melhor. Aliás da experiência que tive é que eles querem mesmo é papelada, a mim nada me questionaram. Aliás na 1a junta médica que foi não levei nada porque a minha doença era bem evidente (bastava olhar) mas o que me disseram foi "tem razão, mas não o podemos agrafar aqui". Da segunda vez levei o relatório do hospital e nada disseram, só confirmaram que eu estava "incapacitado temporariamente" para o trabalho. Portanto leva mesmo tudo que tenhas.

"O homem pode amar o seu semelhante até ao ponto de morrer por ele; mas não o ama tanto que trabalhe em seu favor."

Retrato de adias87
Sex, 11/11/2011 - 21:41
adias87:
Membro desde: 13.02.2011
Konigvs wrote:
adias87 wrote:

ah ok atao devem tar para me chamar..eu tenho o papel das receitas medica, as consultas marcadas com o psiquiatra e os papeis tambem com a medicaçao do dia em que fui parar o hospital com um ataque de ansiedade levo td quando me chamarem?e o medico ou o psiquiatra nao tem de passar carta nenhuma?desculpa estas duvidas mas nc tive nesta situaçao e sinceramente n me sinto apta a começar a trabalhar..eles depois é que decidem se continuo ou n a baixa ou passam de novo para o medico que nos seguia?

Sim, leva tudo, quanto mais papelada melhor. Aliás da experiência que tive é que eles querem mesmo é papelada, a mim nada me questionaram. Aliás na 1a junta médica que foi não levei nada porque a minha doença era bem evidente (bastava olhar) mas o que me disseram foi "tem razão, mas não o podemos agrafar aqui". Da segunda vez levei o relatório do hospital e nada disseram, só confirmaram que eu estava "incapacitado temporariamente" para o trabalho. Portanto leva mesmo tudo que tenhas.

vou ter tudo pronto e se ate la voltar o medico de familia peço tambem uma declaraçao a explicar a situaçao ou talvez a psiquiatra...eu trabalho com dinheiro(mto) e neste estado n me sinto mm pronta para voltar o stress e td mais..eles chamaram te logo o fim dos 30dias ou mais p frente?

Retrato de Konigvs
Sex, 11/11/2011 - 22:29
Konigvs:
Membro desde: 21.10.2011
adias87 wrote:

eles chamaram te logo o fim dos 30dias ou mais p frente?

Não deixam passar muito, eles devem ter um programa que automaticamente passado os trinta dias avisa para notificar as pessoas, e quando recebes a carta, é para ires à junta médica uma semana depois ou algo por aí.

"O homem pode amar o seu semelhante até ao ponto de morrer por ele; mas não o ama tanto que trabalhe em seu favor."

Retrato de adias87
Sex, 11/11/2011 - 22:34
adias87:
Membro desde: 13.02.2011

obrigada pelo esclarecimento..proxima consulta vou pedir uma carta o psiquiatra..pelo sim pelo nao para ter quando eles me chamarem...

Retrato de patana
Qua, 23/11/2011 - 15:30
patana:
Membro desde: 12.10.2011
patana][quote=adias87 wrote:

Boa noite..eu trabalho a ja alguns anos numa firma(sou efectiva) mas neste momento estou de baixa medica devido a um esgotamento que me tem afectado muito e aparentemente ja estava em estado agravado..ja estou em casa a um mes e pouco e n sei quando irei voltar o serviço, mas como é a primeira vez que recorro a baixa tenho algumas duvidas e precisava de ajuda..1º lugar eu estou de baixa mas este mes a minha entidade patronal tem de me pagar o meu sub de natal e as horas que eu tinha em atrazo quando vim de baixa certo??2ºcomo estou de baixa depois quando for trabalhar quantos dias tenho direito no proximo ano 2012 e apartir de quando os posso gozar(a algum limite de tempo que tenha de trabalhar depois da baixa para poder ir de ferias)???estou muito confusa se me poderem ajudar agradeço...

Olá,

Quando um trabalhador está de baixa por mais de 30 dias, o contrato suspende-se e como tal, a partir de 1 mês, a entidade patronal pode deduzir no subsidio de natal e o mesmo acontece nas férias, ou seja, se estiveste de baixa 2 meses este ano, para o ano, gozas 20 dias de férias e recebes subsídio de 20. Isto é o que a lei prevê. Pedes o valor não pago de subsídio de natal e férias à segurança social. O qua acontece por vezes é a entidade patronal não aplicar a lei quando são baixas de pouca duração e apenas a aplicarem quando são de longa duração.

Quanto ao gozo, geralmente podes gozar após seis meses de trabalho mas nada como entrar em acordo com a entidade patronal.

Espero ter ajudado Smile

EDIT: erros

patana

Retrato de patana
Qua, 23/11/2011 - 15:30
patana:
Membro desde: 12.10.2011

repetido

patana