Decorem como um decorador profissional | A Nossa Vida

Decorem como um decorador profissional

Pertencem a um grupo de pessoas que embora não tenham andado numa escola de design de interiores gostam de dar o vosso toque decorativo à casa?

Embora a decoração possa parecer algo de criativo, que se imagina dependente de um decorador profissional, na realidade existem regras e truques fáceis de replicar e usados por todos os decoradores que os aprenderam nos cursos que frequentaram. Ficam aqui algumas ideias e truques simples mas muito utilizados pelos decoradores profissionais, que podem aplicar à vossa casa.

Como enganar o olhar?

Fazer com que um tecto pareça mais baixo, ou uma sala mais larga não necessita de grandes custos, bastam alguns truques de ilusão óptica e de baixo custo para conseguir grandes resultados.

Como fazer o tecto parecer mais alto?

Como fazer o tecto parecer mais alto

Créditos fotografia

Se a vossa casa tem os tectos baixos e pretendem fazê-la parecer maior, existe um truque de ilusão de óptica levado a cabo pelos decoradores de interiores e que de uma forma simples e pouco onerosa conseguem elevar a altura do tecto. Se colocarem umas cortinas bem junto ao tecto com riscas verticais e contrastantes conseguirão a ilusão de tectos mais altos. Se não encontrarem cortinas com este padrão, então basta colocarem um pedaço de tecido nos extremos das cortinas que já têm em casa. Por exemplo, se em casa têm umas cortinas brancas então poderão anexar uma risca de tecido nas extremidades das cortinas de uma cor contrastante conseguindo desta forma tectos mais altos.    

Como fazer parecer uma divisão maior?

Como fazer parecer uma divisão maior

Créditos fotografia

Se têm uma divisão que parece muito pequena mas gostavam de torná-la num espaço maior sem obras estruturais, então basta pintarem largas riscas horizontais nas paredes. Escolham 3 cores monocromáticas e pintem diversas riscas do chão até ao tecto. Comecem com o tom mais escuro junto ao chão e vão até ao mais claro junto ao tecto.

Uma outra hipótese e ainda menos dispendiosa é fazerem uma espécie de riscas invisíveis mas com um bom efeito. Para tal basta pintarem por cima da cor já existente na parede, listas alternadas horizontais com um comum verniz incolor. Coloquem uma risca de verniz, e deixem uma risca de tinta normal, e assim sucessivamente. No final obterão riscas de brilho e sem brilho contrastantes, mas que darão ao espaço uma nova dimensão.

Como fazer um tecto parecer mais baixo?

Como fazer um tecto parecer mais baixo

Créditos fotografia

Se o vosso problema é terem um tecto demasiado alto, tornando uma divisão menos acolhedora, então optem por pintar o tecto com uma cor mais escura do que as paredes, isto dará a ilusão óptica de que o tecto é mais baixo do que na realidade é.

Adicionar interesse arquitectural a uma divisão

Adicionar interesse arquitectural a uma divisão

Créditos fotografia

Transformar uma aborrecida divisão da casa numa divisão apelativa e com interesse visual não é assim tão difícil. Para tal basta pintar a estrutura que circula as janelas e portas num tom ou dois mais escuro que a cor das paredes, e pintar os caixilhos das janelas (moldura dos vidros) num tom ainda mais escuro.       

Atrair o olhar para o exterior

Atrair o olhar para o exterior

Créditos fotografia

 

Se têm portas de estilo francês ou outro tipo de portas com vidros transparentes, que dêem para um jardim ou quintal bonito, pintem-nas numa cor mais escura para que o olhar não se prenda nas portas mas na bela vista exterior.    

Evitem a previsibilidade para os lugares sentados

Evitem a previsibilidade para os lugares sentados

Créditos fotografia

Imaginem uma típica sala com um sofá, dois cadeirões e uma mesinha de apoio no meio... isto é o mais comum de se encontrar; mas se pretendem um look distinto para a sala basta uma ideia simples: uma cadeira completamente distinta dos restantes elementos deste arranjo, dará um ar novo e inovador ao local, por isso ficaria um sofá e uma poltrona semelhantes e uma cadeira completamente diferente.     

Aproveitem ao máximo o que usam no dia-a-dia

Aproveitem ao máximo o que usam no dia-a-dia

Créditos fotografia

A criatividade nem sempre é sinónimo de grandes somas de dinheiro, por vezes é mesmo o oposto. Ter de fazer muito com pouco pode ser conseguido basta dar atenção a itens mais básicos que são de uso diário e necessário. Uma peça de mobília inexpressiva ou um pouco de tecido podem fazer a grande diferença. Aqui ficam algumas sugestões:

Reciclem as almofadas do sofá

Reciclem as almofadas do sofá

Créditos fotografia

Se se vão livrar do velho sofá então mantenham um par de almofadas do mesmo. Forrem-nas com um tecido resistente e usem-nas como almofadas extra para se sentarem no chão, quando for necessário.    

Reciclem

 Reciclem

Créditos fotografia

Se tiverem um velho banco de jardim cortem-lhe as pernas fixem correntes ou cordas resistentes nos braços e prendam-nos ao tecto da varanda, terão um rústico banco de embalar na varanda para os momentos mais românticos.    

Personalizem as peças pequenas

Personalizem as peças pequenas

Créditos fotografia

Por exemplo: para um candeeiro simples, de preferência barato, basta uma pistola de cola e alguns acessórios para poderem personalizá-lo ao vosso gosto. Podem seleccionar algumas fitas de tecido de cetim, ou alguns botões coloridos, o que quer que considerem que têm a ver com o vosso gosto e colá-los ao candeeiro, tornando-o especial e personalizado. Poderão fazer o mesmo com outros itens da casa.

Valorizem os espaços de arrumação

Valorizem os espaços de arrumação

Créditos fotografia

Se têm pouco espaço para arrumação criem recantos interessantes, poderão aproveitar armários, prateleiras não só em espaços recônditos mais à vista de todos e apenas com alguns toques especiais, como forrar prateleiras com papel de parede.

Leia também...